Brasil, 19 de Setembro de 2019

TOKIO MARINE SEGURADORA

Honda CG 125 é líder nas buscas por motos "clássicas", segundo ranking na OLX

  • Escrito ou enviado por  Caio Pamphilo
  • Adicionar comentario
  • SEGS.com.br - Categoria: Veículos
  • Imprimir

Os modelos Caloi Mobilete e Yamaha DT também figuram entre as mais buscadas

Com base nos dados de modelos "clássicos" - motos que marcaram época na vida de motociclistas e foram sucesso no mercado -, a OLX, maior site e aplicativo de compra e venda online do país, elaborou um ranking com 10 motos icônicas mais buscadas e adquiridas por meio da plataforma, levando em consideração o ano de fabricação menor que 1990 e vendidas entre janeiro a abril de 2019.

Na análise realizada pela OLX, para moto lover nenhum colocar defeito, Honda está na liderança entre as mais queridinhas - 7 dos 10 modelos mais vendidos na plataforma pertencem à marca - e com valores que variam de R$ 2.137 a R$ 16.108.

Top 10 motos mais buscadas

Em primeiro lugar, a Honda CG 125, que durante anos foi a motocicleta mais vendida no Brasil, dispara com 18% nas vendas por meio da OLX. O modelo que completa uma trajetória icônica de 42 anos, e que já contou com o rei Pelé como garoto-propaganda, pode ser encontrado com preço médio de R$ 2.659 na plataforma.

Na segunda colocação entre as clássicas mais buscadas, está a versátil Honda CB 450 DX, a moto de média cilindrada mais vendida até hoje no país. Feita sob medida para rodar em percursos urbanos e econômica, o modelo é o preferido por motociclistas que buscam mais rapidez e conforto, a um valor médio de R$ 5.953.

Na sequência, está a tão famosa Mobilete 50cc. Em terceiro lugar, o modelo da Caloi vem sendo bastante procurado e seu motor “50cc” desde sempre foi destaque de boa performance na estrada. Afinal, a charmosa Mobilete até hoje encanta colecionadores por se parecer com uma “bicicleta motorizada”, como era conhecida nas décadas de 70 e 80, e também por seu preço - o modelo mais em conta do ranking - com opções que, em média, custam R$ 1.265.

Por outro lado, o modelo CBX 750 FOUR obteve a maior média de preço entre as motos mais amadas e vendidas na plataforma - em média, R$ 16.108. A motocicleta tem design despojado e que, na sua época, passou a ser utilizada por policiais na Irlanda, Malásia, Hong Kong e diversos outros países, o que só agregou valor e exclusividade a essa grande clássica.

“Nas últimas décadas o gosto pelas motocicletas cresceu no Brasil, atendendo tanto ao dia a dia dos motociclistas nos centros urbanos, quanto a colecionadores e apaixonados pelo segmento. A OLX auxilia esse público a encontrar a opção que mais se adeque ao seu desejo e necessidade, atuando também como uma plataforma referência para os customizadores que buscam por peças e acessórios complementares.”, afirma Giselle Tachinardi, Diretora de Autos da OLX Brasil.

A busca por motos na OLX ainda oferece outras vantagens, uma vez que, por meio da plataforma, é possível negociar diretamente com o vendedor, além de poder encontrar ótimas opções muito bem conservadas.

OLX Brasil

A OLX estimula uma cultura de consumo consciente, conectando pessoas para que elas possam comprar e vender de forma fácil e rápida. A empresa é líder no mercado de compra e venda online no Brasil, incluindo uma sólida atuação em Autos e Imóveis. Com meio milhão de anúncios todos os dias e uma média de 2 milhões de vendas por mês – cerca de 50 por minuto –, a OLX é uma das empresas de tecnologia que mais crescem no Brasil.

Presente no país desde 2010, hoje a OLX conta com escritórios em São Paulo e no Rio de Janeiro e tem um time de quase 600 profissionais. Nos últimos anos, a OLX investiu e lançou no mercado plataformas especialistas e verticalizadas para anunciantes profissionais de imóveis e autos - em 2017, a empresa lançou o Storia Imóveis e, em 2018, trouxe ao mercado o Autoshift.

A OLX Brasil é uma empresa brasileira, que desenvolve tecnologia e produto 100% localmente, mas com os dois maiores grupos de mídia e investimento em marketplaces do mundo como acionistas: o sul-africano Naspers e o grupo norueguês Adevinta.

LinkedIn: OLX Brasil
Facebook: OLX Brasil
Twitter: @OLX_Brasil
Instagram: olxbrasil


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...: https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

Separador
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
Separador
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar que voce sera atendido. - Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta totalmente automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
Separador

Adicionar comentário
Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Esta ferramenta é automatizada...Sucesso!


voltar ao topo

Notícias ::

NEWSLETTER SEGS