Brasil,

TOKIO MARINE SEGURADORA

Estagnação na Corretagem: Sinal vermelho para seguradoras e corretores

pixabay pixabay

Eu vou chamar de estagnação porque sou muito educado e respeitoso. Pois ainda me lembro do fiasco profissional entre 2002 e 2005, com 58.300 corretores de seguros não recadastrados.

Mas é importante interpretar o decrescente insucesso. Ainda que os corretores de seguros sejam o maior canal de vendas de seguros do Brasil. Contando-se, ainda que, não tenhamos uma perspectiva de 100.000 corretores no Brasil, apenas 50.020 corretores foram recadastrados.

Desse total, convenhamos, 20.151 são Pessoas Jurídicas. E para ser Pessoa Jurídica é necessário pelo menos uma PN no Contrato Social. Portanto, consumindo outros 20.000 corretores do total; apesar de alguns corretores assinarem para outras empresas.

Desse modo, eu gostaria que as seguradoras pensassem no drama que hoje existe. Se os corretores são os maiores produtores, devemos entender quais desses produtores possuem o volume gigantesco e se há concentração com os grandes corretores, que se consignam em grandes balcões de bancos e empresas. Necessariamente, medindo-se, também, o volume da grande maioria dos produtores, que são os pequenos corretores.

Em algum momento chegamos a mais de 130.000 corretores e hoje há uma perspectiva de 100.000. Antes, o PIB do seguro era 2%, hoje 6%. Que situação importante, não acha isso segurador? A ridícula expressividade numérica profissional é uma delas. Enquanto no Brasil há mais que 1,1 milhão de Advogados, que estudam de 5 a 6 anos para se formar, e mais de 450 mil médicos, temos menos de 100 mil corretores para 6% do PIB? No total geral, por contar que as PJ não se utilizam das PN, teríamos no máximo, entre PN e PJ, 45.000 produtores de seguros? Mais, qual seguradora possui 50.000 produtores no cadastro?

Com dificuldade não equivalente as duas profissões citadas anteriormente, o corretor de seguros, que precisa apenas ter concluído o Ensino Médio e fazer um curso técnico, por exemplo, não consegue chegar aos 200 mil cadastrados em atividade? O que há de errado nisiso?

E mais: Depois da liberação geral para se recadastrar, parece que o recadastramento perdeu sua força. Se a Susep pudesse publicar um mapa estatístico do recadastramento, veríamos picos importantes. Desde o princípio, a adesão dos corretores foi uma corrente importante e eficaz. Mas nessa terça parte final do tempo, caindo consideravelmente, em redundância, e nas duas últimas semanas, retomando, nos dá indicativos de que o corretor não está mais buscando representação. Sim, ninguém pode negar que isso é um fato.

Fora isso, nesses 50.000 corretores estão os novos corretores que apenas se cadastraram. Isso reduz ainda mais o mapa emocionante de nossa categoria.

Outro ponto importante: Quem perde e quem ganha com um número baixo de corretores? Perdem as companhias de seguros que trabalham somente com corretores. Ganham as congêneres que possuem muitos balcões. Perdem todos, porque o corretor de seguros não se classifica para Direitos Trabalhistas na CLT. Perdem os corretores, que apenas atiram para qualquer lado produtivo. Perde a representação, porque é uma representatividade de uma profissão com poucos profissionais oficiais. Aliás, não chegou a hora de uma Mea Culpa de todos nós?

O êxodo profissional, marcado por suspensão da atividade, deveria ser medida pelas seguradoras, já que ninguém mais fala a respeito. Acreditando que as seguradoras deveriam conversar mais sobre esta situação do corretor, de não se recadastrar nem com reza brava e nem com a autorização de todos os santos.

Armando Luis Francisco
Jornalista e Corretor de Seguros


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...:
 
https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

Separador
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
Separador
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar e sera atendido. -  Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
Separador

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Ferramenta Automatizada...IMPORTANTE: COMENTÁRIOS com LINK são bloqueados automaticamente (COMMENTS with LINKS are automatically blocked.)...Sucesso!


voltar ao topo

Notícias ::

Mais Itens ::

NEWSLETTER SEGS