Brasil,

TOKIO MARINE SEGURADORA

Plataformas digitais de diversos segmentos passam a distribuir seguros para aumentarem sua rentabilidade

O mercado de seguros arrecadou R$ 46,47 bilhões nos dois primeiros meses de 2021, de acordo com dados da Susep. Atentas a esse resultados e com o objetivo de aumentar sua rentabilidade, diversas plataformas digitais passaram a comercializar produtos do setor de seguros. De banco à redes varejistas de artigos esportivos, empresas estáåo comercializando seguros de vida, automóveis, residenciais, entre outros, pensando até mesmo em concorrer com os Corretores de Seguros, como é o caso do Mercado Livre, que anunciou no última semana que pretende distribuir uma gama maior de seguros.

O Mercado Livre já atua com seguro contra roubo e dano de produtos eletrônicos e garantia estendida na venda de eletroeletrônicos. está planejando lançar uma plataforma de marketplace nos próximos meses e nela oferecer diversos produtos. Em entrevista ao O Globo, o CEO da empresa, Stelleo Tolda afirmou: “Só não vamos vender o que não é permitido por lei”. Para isso, está no radar da plataforma pedir uma autorização para a Susep, órgão regulador do mercado segurador – a empresa já tem hoje duas licenças do Banco Central e opera como instituição financeira.

No entanto, o movimento feito pelo Mercado Livre já foi realizado por outras plataformas e companhias. Em dezembro de 2020, o Nubank lançou o Nubank Vida, que é 100% digital e conta com todo o processo de contratação, incluindo a simulação e confirmação do serviço sendo feita diretamente no aplicativo do Nubank. Em dois meses de lançamento, a operação registrou mais de 90 mil seguros ativos – esse montante corresponde a um valor total que supera R$ 9 bilhões em cobertura.

Logo no início do ano, em entrevista à revista IstoÉ Dinheiro, o CEO do Banco Pan, Carlos Eduardo Guimarães, revelou que a instituição iria vender seguros de automóveis e prestamistas aos clientes com contas digitais. Além disso, ao longo de 2020, o executivo informou que haveria novos produtos de crédito, oferta de seguros, opções simples de investimento (CDBs) e serviços tais como recarga de celular e bilhete único (cartão de transporte público).

Em maio foi a vez do Pagseguro anunciar sua entrada no mercado de seguros. O PagBank Seguro Residência tinha como objetivo entregar a seus clientes a opção de proteger seu principal patrimônio. A contratação do seguro pode ser realizada através do super app PagBank, com parcelamento em até 12 vezes sem juros. As coberturas oferecidas são contra Incêndio, Raio e Explosão; Danos Elétricos; Roubo e Furto Qualificado, além de opção para Vendaval, Granizo e Tornado. Também há opção para empreendedores que trabalham em casa, o PagBank Seguro Residência tem o pacote Ouro que, em caso de acidentes, garante a proteção dos bens comerciais e da propriedade.

A Decathlon, uma das maiores redes varejistas de artigos esportivos do Brasil, também entrou no mercado de seguros em Maio e passou a disponibilizar o B-On, seguro exclusivo da Decathlon para bikes, sendo a primeira rede do varejo esportivo a ofertar este serviço aos consumidores. Feito em parceria com Clube Santuu e Seguradora Sura, o produto é válido em todo o território nacional para todas as bikes adquiridas na Decathlon, no e-commerce ou em lojas físicas, tanto de marcas próprias como de marcas parceiras, e também para bikes elétricas.


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...:
 
https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

<::::::::::::::::::::>
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
<::::::::::::::::::::>
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar e sera atendido. -  Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
<::::::::::::::::::::>

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Ferramenta Automatizada...IMPORTANTE: COMENTÁRIOS com LINK são bloqueados automaticamente (COMMENTS with LINKS are automatically blocked.)...Sucesso!


voltar ao topo