Brasil,

TOKIO MARINE SEGURADORA

Impacto do aumento do dólar no seguro de transporte internacional

Aparecido Rocha – insurance reviewe Aparecido Rocha – insurance reviewe

A constante desvalorização da moeda nacional “real” frente ao “dólar”, que é usado no comércio exterior, mostra uma cruel realidade: jamais a moeda norte-americana voltará à casa dos R$ 3,50, valor que era negociado dois anos atrás. Ontem (12.05.2020), o dólar comercial fechou ao câmbio de R$ 5,7723. Em relação ao início do governo Bolsonaro, quando a moeda era negociada a R$ 3,89 a desvalorização é de 48,38%. Em 2020, o dólar já acumula valorização superior a 40% frente à moeda brasileira que se encontra em um patamar próximo de R$ 5,80.

O aumento da cotação do dólar diante ao real traz desequilíbrio aos mercados e sugere atenção nas atividades envolvidas com o comércio exterior, dentre elas, o seguro de transporte internacional de importação.

Ao contratar o seguro de transporte de internacional, o importador tem a opção de escolher a moeda de sua apólice, fator que servirá de base para a cobrança de prêmio e para indenização de sinistro. Pode ser em moeda estrangeira (dólar) ou moeda nacional (real).

Sendo a apólice em moeda estrangeira, terá o dólar norte-americano como referência e todos os valores constantes nos documentos de importação, em qualquer que seja a moeda, serão convertidos para dólares. Nesse modelo de seguro, o custo do seguro (prêmio) é cobrado em dólares, através de Ordem de Pagamento, com instruções para conversão para reais, ao câmbio do dia anterior (taxa Ptax do Banco Central) a data do pagamento. Em caso de sinistro, a indenização será efetuada considerando o mesmo critério para a conversão da moeda. Nessa condição, o segurado está protegido contra eventuais perdas por variação cambial, uma espécie de hedge cambial.

Sendo a apólice em moeda nacional, todos os valores constantes no contrato de compra e venda serão convertidos para reais ao câmbio da data do embarque, o qual também será utilizado para a cobrança do prêmio do seguro e para a indenização de sinistro. Nessa opção, qualquer desvalorização da moeda brasileira será prejuízo ao importador, o que é potencializado durante períodos de subida do dólar.

Em momentos de estabilidade cambial, as pequenas variações da moeda são previstas e suportadas pelo próprio negócio de importação, mas em momentos de incerteza como o atual, é recomendado às empresas com apólices em moeda nacional estudar a possibilidade de alteração para moeda estrangeira, considerando que as indenizações de seguros podem ocorrer meses depois da data da ocorrência do sinistro. Exemplificando, um embarque ocorrido há três meses, com sinistro a ser pago agora, resultaria uma perda financeira de 33,30% pela desvalorização do real verificada no período.

A alta do dólar causa muita tensão e traz consequências para a economia, portanto o seguro se torna um elemento imprescindível para evitar prejuízos por perdas e danos às mercadorias importadas ou por uma eventual desvalorização cambial.

Aparecido Rocha – insurance reviewe


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...:
 
https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

Separador
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
Separador
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar e sera atendido. -  Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
Separador

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Ferramenta Automatizada...IMPORTANTE: COMENTÁRIOS com LINK são bloqueados automaticamente (COMMENTS with LINKS are automatically blocked.)...Sucesso!


voltar ao topo

Notícias ::

Mais Itens ::

NEWSLETTER SEGS