Brasil, 7 de Dezembro de 2019

TOKIO MARINE SEGURADORA

Inovação e consumidor em primeiro lugar: o segredo das FinTechs

 Imagem: pixabay.com_CC0 Creative Commons Imagem: pixabay.com_CC0 Creative Commons

Por Juarez Zortea, Presidente da TransUnion Brasil

O mercado de FinTechs tem crescido exponencialmente no Brasil. Atualmente, são 453 startups focadas em soluções financeiras no país, de acordo com o mapeamento Radar Fintech Lab. Esse aquecimento se deve às inovações, que tornam mais democrático o mercado financeiro brasileiro. Em abril deste ano, o Conselho Monetário Nacional (CMN) aprovou um regulamento que aprova a atividade das FinTechs de crédito, permitindo a atuação de empresas de tecnologia sem vínculo com instituições financeiras.

Claramente, as FinTechs têm acertado a mão na estratégia de operação no mercado, já que continuam a crescer de forma contínua. Embora seja perceptível que instituições tradicionais avançam no desenvolvimento de seus modelos de negócio, a cultura de inovação, agilidade e engajamento do consumidor permitiu que FinTechs ganhassem relevância rapidamente.

Mas o que as leva a destacarem e continuarem ganhando mercado?

FinTechs surgem para serem disruptivas

Com a inovação no cerne de suas operações, as FinTechs são incentivadas, tanto pelos seus gestores quanto pelos investidores, a testarem continuamente seu modelo de negócios, aprendendo e repetindo à medida em que vão se desenvolvendo institucionalmente. Devido a esse cenário, eles investem em produtos que geram rápido conhecimento e engajamento junto aos consumidores.

Embora esse modelo de aprendizado contínuo possa resultar em algumas “correções de curso”, as FinTechs não os entendem como falhas. Esses “equívocos” são vistos como investimentos necessários para, em última instância, identificar quais produtos, recursos e formas de engajamento aderem melhor ao seu consumidor-alvo.

FinTechs geram valor agregado a partir da experiência do consumidor

Seja para comprar um sapato ou na procura por serviços de crédito, os consumidores buscam as melhores ofertas. Inovações, como pré-qualificação de perfil, permitem que os interessados no crédito entendam melhor as opções de empréstimo disponíveis, sem se preocupar com um possível histórico financeiro negativo.

Além disso, muitas FinTechs atuam fortemente para identificar diferentes nichos de mercado, desenvolvendo propostas de valor exclusivas voltadas para esses públicos específicos. Tudo, desde o posicionamento distinto do produto até a estratégia de disseminação de mensagens e marketing, depende do que mais adere dentro de cada nicho. Uma estratégia das FinTechs é não tentar ser a mesma companhia para todas as pessoas, e sim a opção certa na hora certa

FinTechs usam dados como um diferenciador

As FinTechs usam todos os tipos de metodologias baseadas em dados para determinar a solvabilidade. Desde uma subscrição a partir de score individual a modelos avançados de análise de perfil e aprendizagem contínua, qualquer instituição financeira depende de dados para avaliar os consumidores, determinar os termos de empréstimo apropriados e o risco associado para cada indivíduo ou empresa. As FinTechs combinam informações tradicionais com dados alternativos para avaliar, de maneira mais eficiente possível, os públicos que solicitam crédito.

Ao analisar tipos de dados não tradicionais, as FinTechs obtêm uma compreensão mais rica de seus atuais e possíveis consumidores, além de permitir a criação de uma base de clientes mais granular e altamente segmentada. Usando uma visão refinada do risco, os credores podem identificar grupos restritos de públicos, bem como aqueles que podem ser negligenciados pelos métodos tradicionais de pontuação e análise. Esse processo permite que as FinTechs forneçam produtos e condições de empréstimo extremamente competitivos – um fator essencial para o aumento da participação de mercado nos últimos anos – sem assumir riscos adicionais.

A riqueza de dados e o conhecimento sobre o público é essencial, mas é importante contar com parceiros que obtém os dados corretos e que vinculam, analisam e interpretam essas informações, permitindo que as FinTechs continuem a fazer o que fazem melhor: interagir e inovar.

Presidente da TransUnion Brasil desde 2012, quando consolidou as operações da companhia no país, Juarez Zortea tem mais de 37 anos de experiência em importantes empresas de tecnologia e serviços. Com o desafio de manter o crescimento contínuo da TransUnion no mercado local, o executivo traz em sua bagagem profissional passagem pela Hewlett-Packard (HP), na qual atuou por mais de 13 anos para América Latina e Brasil até se tornar VP de Vendas.

Sobre a TransUnion 

A informação é poderosa. E a TransUnion reconhece sua importância, desenvolvendo e oferecendo ao mercado soluções de informação de maneira inovadora. Por trás de cada dado, consegue encontrar histórias únicas, além de tendências e ideias exclusivas. A TransUnion impacta o desenvolvimento de economias e ajuda a melhorar a qualidade de vida das pessoas, viabilizando o acesso a bens e serviços, por meio de soluções para a tomada de decisão no relacionamento das organizações com seus clientes e parceiros. A empresa possui um portfólio de soluções sólido. Fundada em 1968, opera internacionalmente há mais de 30 anos, chegando ao Brasil em 2011. Suas ofertas auxiliam na prospecção de novos clientes, tomada de decisão no processo de concessão de crédito, risco, cobrança, cross selling e prevenção à fraude, atendendo centenas de clientes nos segmentos de serviços financeiros, seguros, telecomunicações, varejo e cobrança. Presente em mais de 30 países, a TransUnion estimula a inovação e apoia comunidades com base em informações e dados alternativos. Nós chamamos isso de Informações para o Bem. Visite http://www.transunion.com.br para saber mais.

"Ajudamos a melhorar a qualidade de vida das pessoas". Esse é o PROPÓSITO da TransUnion


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...: https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

Separador
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
Separador
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar que voce sera atendido. - Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta totalmente automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
Separador

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Ferramenta Automatizada...IMPORTANTE: Comentários com Link são bloqueados automaticamente (Comments with Links are automatically blocked.)...Sucesso!


voltar ao topo

Notícias ::

Mais Itens ::

NEWSLETTER SEGS