Brasil,

Carla Sarni encantou empresárias em mentoring promovido pelo LIDE Mulher

A mentoria multiplicou sorrisos de empreendedoras dispostas em aprender a empreender com muito trabalho, agilidade de reação e organização

Uma oportunidade única! Essa frase foi unanimidade entre as filiadas ao LIDE Mulher depois da mentoria da empresária e dentista Carla Sarni. "Desde criança as pessoas precisam acreditar que são capazes de realizar seus sonhos".

Transformar os Nãos em sins, essa foi a batalha que permeou a trajetória da dentista que mudou os sorrisos no Brasil. Carla contou sobre a infância pobre e com poucas oportunidades. Sarni nasceu em Pitangueiras, no interior do estado de São Paulo. No colegial, começou a estudar na carreira de Magistério. Porém, incentivada por um primo que fazia cursinho pré-vestibular para se tornar dentista, ela prestou o vestibular para Odontologia e passou de primeira. "Estava na lista dos aprovados, mas minha mãe tinha três filhos e não poderia me sustentar em outro estado. Fiz uma proposta: compraria roupas da loja dela, a preço de custo, e sobreviveria vendendo as peças por lá. Se isso não desse certo em seis meses, voltaria e terminaria a carreira de Magistério", conta.

Empreendedora, ela custeou seus estudos vendendo bijuterias, água, bombons e roupas. Além de pagar suas próprias contas, ela mandava dinheiro para sua família em Pitangueiras. A vontade de usar a Odontologia para ajudar famílias carentes veio durante um estágio em comunidades próximas da faculdade. "Eu gostava muito de ir nesse estágio, fazia-me muito bem atender quem tinha menos do que eu, mas continuava sorrindo. Operei muita gente de graça e me formei com mais experiência do que muitos." Enfatiza.

Formada, em 1995, Sarni foi morar de favor na casa do tio na capital paulista. No primeiro emprego ela tinha de tirar os recursos do próprio bolso para comprar material de trabalho. "O que existia na época era dentista de rico e dentista de pobre. Ou eram clínicas lindíssimas, com material de primeira linha, ou eram clínicas de sobreloja nas quais mal se esterilizavam os materiais", afirma. "Pedi as contas. Queria fazer uma odontologia moderna para qualquer um, já que sempre achei que todos têm o direito de morar bem, comer bem e ter saúde."

Outra decepção no segundo emprego, onde os dentistas ganhavam por dia, então faziam "corpo mole" em atendimentos propositalmente demorados. Não satisfeita, ela se demitiu novamente. Em um terceiro consultório, ela conseguiu trabalhar da forma que queria, ganhando por atendimento. "Mesmo sendo funcionária, eu fazia relacionamento com os pacientes. Dava um atendimento humanizado, chamando pelo nome, parcelando os procedimentos e ligando após as cirurgias para saber como andava a recuperação. Fazia pelo propósito, e não pelo dinheiro. Cada paciente me indicava mais pacientes", conta.

Depois de seis meses de trabalho, um presente acendeu o desejo de abrir o próprio negócio, uma cadeira odontológica que foi paga pela sua avó. Resultado, ela comprou o consultório do chefe.Sarni contou que quando já estava com 40 clínicas odontológicas construídas, uma linha de crédito prometida pelo governo federal foi cancelada. Assim a empresária acumulou 23 milhões de reais em dívidas. Desesperada, pensou em vender a rede para a concorrência, mas adotou estratégias que mudariam a história de seu negócio.

Com muita determinação e persistência a empresária criou a maior rede de clínicas odontológicas do Brasil, a Sorridents. Paralelamente, ela fundou o Grupo Salus, a rede de atendimento oftalmológico Olhar Certo e a Giolaser, de serviços de estética. Esse ano, Carla criou o hospital oftalmológico, chamado mira.Uma sua trajetória construída em cima de muito trabalho há mais de duas décadas. Durante a pandemia, Carla contou que transformou a crise em uma grande oportunidade de crescimento e conseguiu mais de dois dígitos de expansão no ano de 2020, que ela atribuiu ao fato de ter agido rapidamente. Quando praticamente todas as clínicas do País fecharam as portas, o grupo, em 24 horas, abriu o primeiro canal de odontologia para atender as urgências. Dessa forma, conquistou mais 600 novos clientes por dia e 240 cirurgias por semana.

O grupo Salus já está com 760 unidades entre Sorridents, Giolaser e Olhar Certo. Ela acredita que "sonho tem que ter prazo" e almeja chegar a mil unidades do Grupo Salus até 2023.Para a empresária, é necessário planejamento e foco para quem quer empreender com franquias e fazer bons negócios. O trabalho social e voluntário junto às comunidades carentes, em especial no extremo leste da capital paulista. Trabalho que inspirou a criação do Instituto Sorridents, uma associação sem fins lucrativos para dar continuidade aos trabalhos sociais praticados pela empresa.

A Dra. Carla Sarni é filada ao LIDE Ribeirão Preto. Para a presidente da entidade no Paraná, Heloisa Garrett, a presença da Dra. Carla trouxe muito incentivo para as filiadas do LIDE Mulher Paraná e disse também que se identifica muito com a trajetória da empresária. Ressaltou uma frase usada pela empreendedora, "Tem muita águia que age e pensa que é galinha, passa a vida ciscando. Eu adorei isso". Concluiu.


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...:
 
https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

<::::::::::::::::::::>
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
<::::::::::::::::::::>
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar e sera atendido. -  Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
<::::::::::::::::::::>

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Ferramenta Automatizada...IMPORTANTE: COMENTÁRIOS com LINK são bloqueados automaticamente (COMMENTS with LINKS are automatically blocked.)...Sucesso!


voltar ao topo