Brasil,

TOKIO MARINE SEGURADORA

Seguro de riscos cibernéticos cresce e TOKIO MARINE é destaque na carteira (Destaque)

Carol Ayub, superintendente de Linhas Financeiras da TOKIO MARINE SEGURADORA Carol Ayub, superintendente de Linhas Financeiras da TOKIO MARINE SEGURADORA

O seguro de riscos cibernéticos cresceu 55% no primeiro bimestre em comparação com o mesmo período de 2021. A arrecadação de prêmios chegou a R$ 22 milhões no acumulado até fevereiro. “O total de indenizações pagas foi de R$ 2 milhões, o que representou avanço de 68,5% em relação ao primeiro bimestre do ano passado”, informa a Federação Nacional de Seguros Gerais (FenSeg), em resposta ao Cqcs, destacando ainda que o segmento de riscos cibernéticos (Cyber) vem amadurecendo nos últimos anos, “praticamente dobrando ano a ano”.

A FenSeg cita números da Susep que apontam um crescimento de 146% de 2020 a 2021 e de 101% de 2019 a 2020. “Este crescimento é importante para que as seguradoras tenham capacidade para suportar os sinistros, que também apresentaram um crescimento significativo”, aponta a federação.

Ainda de acordo com a entidade, nos últimos dois anos, a grande preocupação das seguradoras foi o aumento da sinistralidade na carteira, principalmente relacionada aos crescentes ataques de Ransomware e como as empresas estão preparadas para enfrentá-los.

A FenSeg ressalta que, durante o período de maior frequência do home office, houve um aumento significativo na quantidade desse tipo de ataque e, consequentemente, mais apólices sendo acionadas. “Por outro lado, existe ainda uma preocupação com a adequação das empresas à LGPD (Lei Geral de Proteção de Dados), que, por ser muito recente, ainda não possui uma sinistralidade significativa quando comparado aos eventos de sequestro de dados”, informa a entidade, que não considera necessário alterar a regulamentação especifica para a carteira, uma vez que o normativo de Responsabilidade Civil que contempla o seguro de riscos cibernéticos já foi atualizado com a publicação da Circular 637/21 da Susep, “com revisões importantes”.

Esse rápido avanço dos seguros cibernéticos tem atraído o interesse de grandes seguradoras, como a Tokio Marine Seguradora. “Essa é uma carteira estratégica para a companhia. Em 2021, a Tokio Marine chegou a liderar durante boa parte do ano o mercado nos produtos de Linhas Financeiras (considerando os seguros D&O, E&O e Riscos Cibernéticos) pelo critério Prêmio de Seguros. Este resultado é um reflexo de um trabalho bastante focado que temos feito na área de Linhas Financeiras, cuja procura pelos produtos tem crescido bastante no País”, afirma a superintendente de Linhas Financeiras da Tokio Marine, Carol Ayub.

Ela ressalta que alguns dos fatores que alavancaram a participação da Tokio Marine no segmento, incluindo a autonomia de gestão local, mesmo sendo integrante de um grupo internacional; equipe especializada e disponibilidade de buscar soluções específicas para as demandas dos Clientes e do mercado. “A companhia continua firme em seu compromisso de prover as melhores soluções em seguros para a manutenção das atividades das empresas no País, aliada à oferta de serviços inovadores”, acrescenta.

Carol Ayub diz ainda que esse seguro é focado em atender especialmente ao segmento de pequenas e médias empresas (PME), uma vez que as grandes corporações costumam ter estruturas de TI mais robustas.

Para tanto, o produto Tokio Marine Riscos Digitais, lançado, originalmente, em 2019, passou a se chamar Tokio Marine Riscos Cibernéticos tendo em vista uma comunicação mais assertiva com o consumidor.

Um dos diferenciais do produto é a flexibilidade dos limites de cobertura, pois é o Segurado que escolhe o limite que deseja contratar, a partir das suas necessidades de proteção. “Esta escolha depende de uma série de fatores, como porte da empresa, grau de informatização de suas operações, medidas de segurança utilizadas e o tipo de informações de terceiros armazenadas em seus sistemas”, explica a executiva.

O Tokio Marine Riscos Digitais garante também a cobertura em situações de ataques cibernéticos quando há danos causados à empresa ou sua responsabilização por danos causados a terceiros (coberturas de custos de defesa, indenizações e acordos).

Já entre os danos à própria empresa, estão cobertos os custos de remediação, reconstrução da rede, assim como os associados à extorsão cibernética e lucros cessantes.

Ela observa que é extremamente importante que os Corretores estejam à frente das necessidades do mercado, com a diversificação de suas Carteiras de produtos, oferecendo assim, soluções direcionadas às necessidades de seus Clientes. “Neste caso, é importante que eles busquem aprender sobre o tema, sobre a atuação dos hackers e a legislação em vigor, entre outros pontos. Ninguém melhor do que o Corretor, que desempenha o papel de consultor de proteção, para conscientizar os Clientes sobre a necessidade de proteger os ativos digitais da empresa, bem como, informações de terceiros e colaboradores. Nossa sugestão é que o Corretor procure o micro, pequeno, médio ou grande empresário da sua carteira para ajudá-lo a entender a importância na contratação deste tipo de produto”, enfatiza Carol.

O Seguro para Riscos Cibernéticos foi pensado ainda para resguardar a responsabilidade das empresas no que tange a proteção, gestão e manuseio de dados pessoais e as consequências das perdas de informações corporativas. Ele é utilizado para cobrir prejuízos originados por um ataque cibernético, seja uma interrupção nas operações ou uma ação judicial envolvendo terceiros. “É fundamental que as empresas estejam preparadas e com uma proteção caso seu banco de dados seja invadido, pois um ataque cibernético pode abalar a confiança do consumidor e colocar à prova a reputação delas. Diante disso, podemos dizer que a segurança da empresa é uma das grandes vantagens ao contratar esse tipo de produto”, observa a executiva da Tokio Marine.

Entre as situações que podem ser evitadas, constam a responsabilização da empresa por conta do sequestro de dados (Ramsonware), vazamento de dados, roubo de dados de cartão de crédito, envio de Malware (código desenvolvido para causar um mal, como apagar dados ou negar um acesso) através da rede da Companhia, entre outros.

Carol lista ainda algumas dicas para o empresário se proteger, além de contratar o Tokio Marine Riscos Cibernéticos. “É muito importante mapear vulnerabilidades e definir qual o nível de tolerância da empresa frente a um ataque cibernético. Estar preparado com antecedência para o caso de um ataque hacker acontecer pode ser crucial para manter a empresa ativa. Além de oferecer um produto que atenda às necessidades específicas de cada Cliente, nosso papel como Seguradora também é o de consultoria. Diante disso, temos a função de orientar nossos Clientes a compreender possíveis riscos que eles podem estar expostos, oferecendo soluções para que seu negócio esteja, de fato, protegido. Segurança cibernética não é apenas uma questão a ser tratada pelo departamento de TI, mas também pelos gestores. É nosso papel estar próximo a eles trazendo a consciência do risco e até que ponto seus negócios podem ser afetados”, conclui Ayub.


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...:
 
https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

<::::::::::::::::::::>
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
<::::::::::::::::::::>
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar e sera atendido. -  Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
<::::::::::::::::::::>

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Ferramenta Automatizada...IMPORTANTE: COMENTÁRIOS com LINK são bloqueados automaticamente (COMMENTS with LINKS are automatically blocked.)...Sucesso!


voltar ao topo