Brasil,

TOKIO MARINE SEGURADORA

Dicas e fatores de sucesso para empreendedores foram abordados no Circuito de Insurtech

pixabay pixabay

Dando continuidade à programação do Circuito de Empreendedorismo Insurtech, a ENS promoveu, nos dias 30 de setembro e 7 de outubro, em seu canal no YouTube, mais duas lives do evento que debate o cenário de inovação e empreendedorismo no mercado de seguros brasileiro.

“Estamos trabalhando para disseminar o conhecimento acerca de tudo que vem sendo feito no universo das insurtechs no Brasil. As insurtechs estão revolucionando nosso mercado e a ENS está muito atenta a isso”, declarou a diretora de Ensino Técnico da Escola, Maria Helena Monteiro, que abriu os encontros.

O especialista Mauro Fonseca, co-founder da Ololu, que participou na live desta semana, analisou que a pandemia acabou acelerando as transformações tecnológicas que estamos vivendo. “Não é segredo para ninguém, os processos digitais que as seguradoras e demais empresas estavam provisionando para daqui a alguns anos, tiveram que ser antecipados por uma questão de mercado. Então, elas fizeram essa antecipação, que veio com a contratação de pessoas, e isso pode ser visto pelo aumento no salário dos profissionais destas áreas de tecnologia”.

Dica para futuros empreendedores

Como saber se é possível apostar em um novo negócio? Segundo Fonseca, se a pessoa possui uma boa ideia, ela deve em primeiro lugar se questionar se essa ideia é escalável. “A primeira coisa é pegar essa ideia e testar. Fale com algumas pessoas. É uma ideia bacana? Conseguiria resolver alguma dor com aquela ideia? Não precisa ter nada elaborado, inicie. Hoje, muitas das startups são de tecnologia, mas não precisa ser necessariamente. Às vezes, você tem uma bela ideia e é possível fazer uma sociedade ou parceria com alguma empresa de tecnologia para tornar o projeto viável”.

O gerente da região São Paulo da ENS, Ronny Martins, perguntou ao executivo que dica ele daria para alguém que tem a intenção de empreender um negócio.

“Com certeza eu falaria: não tenha medo. Mete a cara, e não tenha medo. Se você conhece o produto e confia no que está fazendo, pode ir em frente porque a probabilidade de sucesso é muito maior do que a de derrota”, finalizou Mauro Fonseca.

Fatores de sucesso

Na mesma linha de avaliar os fatores que contribuem para o sucesso de um empreendimento no setor, o co-founder & CEO da Pier, Igor Mascarenhas, conversou com o especialista e professor da ENS, Samy Hazan, na live do dia 30 de setembro.

Segundo Mascarenhas, o sandbox é um sistema super importante para levar inovação para dentro da subscrição do risco, que é um espaço muito crítico da indústria de seguros e que precisa ser realizado de maneira regulada. “Não acredito em subscrição de risco fora do regulador, pela questão da segurança do consumidor final. O sandbox é um desenho muito bem executado, de criar barreiras para que as empresas experimentem a subscrição de risco”.

Segundo ele, ter esse cuidado, de uma construção sólida, é um dos passos mais importantes. “Provar para o órgão regulador que você é sólido, sério, que seu projeto é de longo prazo e não um experimento empreendedor. Somos uma empresa séria, que quer mudar o mercado e que olha para o cliente”.

O segundo passo, de acordo com o executivo, é propor soluções que sejam melhores para o consumidor final. “Todo o tempo estamos questionando o que é melhor para o cliente. Se eu fosse consumidor, estaria feliz ao passar por essa experiência? Se respondermos isso constantemente, chegaremos ao sucesso”, avaliou Mascarenhas.

Mão de obra qualificada é desafio para indústria

Talentos. Na opinião de Mascarenhas, esse é o maior desafio da atualidade para o desenvolvimento dos negócios, diante de um mercado de tecnologia tão aquecido. “Temos 60 vagas em aberto. Para algumas posições estamos há um ano tentando contratar. Acreditamos muito que cultura é vantagem competitiva no resultado. E parte da nossa cultura é calcada em alta densidade de talentos. Muita transparência para que esse talento tenha acesso à informação, muita autonomia e espaço seguro para que ele possa errar, acertar e ser ele mesmo. Desde o início, nos preocupamos com isso”, relatou o executivo.

O CEO contou ainda que, de todas as pessoas entrevistadas pela empresa, a Pier acaba realizando ofertas de emprego para apenas 1%. “Ser criterioso em como atraímos os talentos e formamos dentro de casa é super importante. Ter um fit cultural é fundamental, além do mix de soft skills e hard skills. Esse balanço entre senioridade de competência e cultura é super difícil”, finaliza.

Próximo encontro

A oitava live do Circuito de Empreendedorismo Insurtech, que acontecerá no dia 14 de outubro, terá como convidado o especialista Kleber de Paula, CEO da Cliente Agente, que conversará com Ronny Martins, gerente da ENS, sobre tendências e novas tecnologias. O encontro terá início às 17h e será transmitido pelo canal da ENS no YouTube.


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...:
 
https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

<::::::::::::::::::::>
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
<::::::::::::::::::::>
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar e sera atendido. -  Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
<::::::::::::::::::::>

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Ferramenta Automatizada...IMPORTANTE: COMENTÁRIOS com LINK são bloqueados automaticamente (COMMENTS with LINKS are automatically blocked.)...Sucesso!


voltar ao topo