Brasil,

TOKIO MARINE SEGURADORA

E-commerce: ter o próprio site ou vender em marketplace?

Vantagens e desvantagens de cada canal e como tirar o melhor proveito de cada opção para potencializar as vendas online.

Quanto mais lugares expuserem os produtos, maiores as chances de vendas

Ao decidir ingressar nas vendas pela internet, muitas empresas se deparam com o dilema: ter sua própria loja virtual ou colocar os produtos à venda nos marketplaces. Segundo a consultora em marketing e estratégias digitais, Alessandra Lemos Fernandes, diretora da Ser Mídia, assessoria especializada em e-commerce, para responder a essa pergunta, é preciso ter em mente a diferença entre esses canais. "No site próprio não haverá concorrência e todos os seus produtos estarão expostos. A atração do tráfego, ou seja, a captação de clientes para sua loja virtual ficará por sua conta, e o resultado das vendas será 100% seu. Já nos marketplaces, é cobrado um percentual sobre cada venda e existirão outros sellers, lojas vendendo os mesmos produtos, mas com a vantagem de ter uma quantidade maior de audiência", explica a consultora.

Colocando na balança, Alessandra Lemos afirma que a resposta certa para empresas que querem vender mais é estar presente nos dois ambientes: site e marketplace. "Quanto mais lugares expuserem os produtos, maiores as chances de vendas", afirma.

Os números mostram que estar em marketplaces, como o Mercado Livre, Amazon, B2W, entre outros, deve ser fator considerado, mesmo com as altas comissões cobradas, que podem chegar até a 20% do valor do produto. No primeiro semestre do ano passado, em decorrência da pandemia, esses canais foram responsáveis por 78% do faturamento no e-commerce; um total de R$ 30 bilhões, conforme relatório da 42ª edição do Webshoppers, maior referência sobre dados do comércio eletrônico no Brasil. Segundo dados da Ebit|Nielsen, em 2020, o modelo marketplace expandiu 56% em relação a 2019 e a perspectiva é que os números continuem a crescer este ano.

De acordo com Alessandra Lemos, a partir da criação de uma loja virtual, é possível integrar as plataformas para que seja possível que o mesmo produto apareça simultaneamente na loja própria e em vários marketplaces, evitando que se precise gerenciar todos esses ambientes. "Funciona tudo integrado, além de facilitar a gestão do estoque e de valores dos produtos, por exemplo", disse.

Como gerar mais tráfego — e vendas — na loja própria

Tão importante quanto ter uma loja virtual, é promover ações que gerem tráfego de clientes e vendas, tais como anúncios no Google e nas redes sociais, como no Facebook que também dispõe de uma plataforma própria de marketplace. "Uma assessoria especializada pode auxiliar o lojista tanto no aumento deste tráfego de clientes para dentro da loja virtual como, principalmente, em levar o cliente certo, a partir de estratégias de segmentação. Trabalhamos estratégias de marketing direcionadas às pessoas que estejam buscando pelos produtos, para que sejam impactadas pelos anúncios e as empresas recebam clientes com maior potencial de compra", detalha a diretora da Ser Mídia.

Alessandra Lemos lembra também da importância das estratégias de remarketing para fidelizar ou resgatar os clientes. "Se o cliente vai até o site e abandona o carrinho, sem efetivar a compra, por exemplo, ele pode receber um e-mail marketing sugerindo a finalização desta ação, ou se é o caso de um cliente que realizou uma compra no site, ele receberá anúncios periódicos da loja, com outras sugestões", explica.

Outro propósito do marketing digital, nesses casos, é atrair os clientes para realizar suas compras no site próprio da empresa. "Fidelizar o cliente do marketplace para que compre na loja própria, vai fazer com que o faturamento e a lucratividade da empresa sejam maiores, essa é a nossa função como consultores de marketing", acrescenta.

Por isso tudo, contar com a experiência de uma empresa de marketing digital é fundamental para as empresas estarem inseridas corretamente em um ambiente virtual de vendas.


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...:
 
https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

<::::::::::::::::::::>
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
<::::::::::::::::::::>
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar e sera atendido. -  Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
<::::::::::::::::::::>

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Ferramenta Automatizada...IMPORTANTE: COMENTÁRIOS com LINK são bloqueados automaticamente (COMMENTS with LINKS are automatically blocked.)...Sucesso!


voltar ao topo