Brasil,

TOKIO MARINE SEGURADORA

Dor nas costas: qual é a origem?

Neurocirurgião explica de onde surgem os incômodos e como trata-los

A possibilidade de você já ter sentido pelo menos uma vez uma dor nas costas é alta, mas uma grande parcela da população é obrigada a conviver com esse desconforto pela vida toda. Um estudo recente do Hospital das Clínicas de São Paulo apontou que um a cada quatro brasileiros tem dor nas costas regularmente.

Entender a origem dos problemas é o primeiro passo para se livrar das dores. Em geral, a dor surge na parte muscular, óssea ou articular da coluna, podendo ser de causa degenerativa, traumática ou congênita em alguns casos, mas raramente será neurológica.

O Dr. Mariano Ebram Fiore, neurocirurgião com fellowship pela Ohio State University, explica que quando um paciente tem hérnias de discos, por exemplo, ele tem então um problema que é uma degeneração na articulação da coluna. “O disco, que é um instrumento de amortecimento da articulação, pode se desgastar, sobressaindo de sua estrutura, e comprimindo um nervo próximo a ele”.

As dores ósseas podem ser causadas por traumas e as dores musculares surgem de má postura, excesso de atividades, ações exercidas com sobrepeso e ou mal executadas. “Precisamos ter muita sensibilidade para lidar com dores nas costas, pois uma ação que você executa sem ter cuidado, como levantar objetos pesados, pode acarretar num problema muscular, e a repetição disso com certeza vai causar um desgaste articular”, explica o especialista.

Após descobrir a origem, como seguir com os tratamentos?

Para definir um ou alguns tratamentos para dor nas costas é preciso uma análise individual, principalmente porque são muitas alternativas e variam de acordo com o caso e o paciente. “Quando fazemos o diagnóstico, não podemos olhar apenas qual é o problema e qual a sua origem e ignorar todo o resto, precisamos analisar o histórico do paciente e como o problema afeta a vida dele", esclarece Fiore.

Mas ainda assim, o médico destaca alguns métodos como o medicamentoso e o terapêutico, com o objetivo de impactar o mínimo possível a rotina do enfermo e aumentar a qualidade de vida, uma vez que muitos problemas podem ser revertidos quando descobertos em estágio inicial.

“Como a postura ou a rotina causam muitos problemas, podemos indicar fisioterapias para que sejam corrigidos antes que se torne algo mais grave e, além disso, alguns remédios podem aliviar as dores por algum tempo. Só optamos por cirurgias, imobilizações ou outros métodos mais invasivos quando entendemos que a situação atinge certo nível de gravidade”, conclui o médico.

Sobre o especialista

Dr. Mariano Ebram Fiore é neurocirurgião, Membro Titular da Sociedade Brasileira de Neurocirurgia (SBN), com Fellowship em Neurocirurgia pelo Hospital Beneficência Portuguesa e Fellowship em Cirurgia Craniana Minimamente Invasiva pela Ohio State University, atua em alguns dos principais hospitais de São Paulo, como o Hospital Sírio Libanês, Beneficência Portuguesa de São Paulo, Hospital Oswaldo Cruz e também nos principais Hospitais do Vale do Paraíba.
@drmarianoebramfiore



Publicidade



Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...:
 
https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

Separador
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
Separador
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar e sera atendido. -  Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
Separador

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Ferramenta Automatizada...IMPORTANTE: COMENTÁRIOS com LINK são bloqueados automaticamente (COMMENTS with LINKS are automatically blocked.)...Sucesso!


voltar ao topo

Notícias ::

Mais Itens ::

NEWSLETTER SEGS