Brasil,

TOKIO MARINE SEGURADORA

Menos de um terço dos consumidores se sente seguro para fazer compras online durante a pandemia

Estudo da ESET mostra, ainda, que mais da metade dos usuários costuma fazer mais transações online hoje do que antes da pandemia

A ESET, empresa líder em detecção proativa de ameaças, revela que apenas 29% dos usuários da Internet se sentem "muito seguros" ao fazer compras online, apesar do fato de 61% usarem o comércio online com mais frequência do que antes da pandemia causada pela COVID-19. A ESET analisa os serviços bancários e compras online em sua pesquisa sobre tecnologia financeira global (FinTech), para a qual entrevistou 10.000 consumidores no Reino Unido, Estados Unidos, Austrália, Japão e Brasil.

A ESET pediu que os usuários compartilhassem suas opiniões e experiências sobre compras e serviços bancários online, e as respostas revelaram até que ponto o e-commerce aumentou durante a pandemia. 61% dos usuários em todo o mundo declararam que estão comprando online com mais frequência do que antes da pandemia, aumentando para 70% na faixa etária de 25 a 34 anos. A pesquisa também mostra que o aumento das compras online veio para ficar, mesmo depois que a pandemia acabar; 40% dos consumidores esperam comprar mais online.

Por outro lado, os usuários não confiam o suficiente na segurança das transações que realizam na Internet: apenas 29% afirmaram se sentir "muito seguros", contra 16% que não se sentem "seguros”. No entanto, 69% dos usuários acreditam que podem reconhecer um e-mail ilegítimo na forma de phishing, que imita uma das lojas online que costumam usar. Isso pode indicar uma maior percepção desses tipos de ataques. De acordo com a ESET, esses resultados mostram que ainda há um longo caminho a percorrer para proteger e gerar confiança do usuário, principalmente se o comércio online continuar a crescer, mesmo que não haja mais confinamento.

O banco online gera mais confiança

A confiança demonstrada pelos usuários dos aplicativos de banco é maior do que nas transações comerciais. 83% dos entrevistados globais admitem que gerenciam suas contas pela Internet, dos quais 24% o fazem exclusivamente de seus celulares. 39% dos usuários admitem que se sentem muito seguros, indicando que os bancos estão um passo à frente do varejo quando o assunto é segurança e confiança do consumidor.

“A COVID-19 limitou nossas interações pessoais de uma forma muito significativa. Por isso, ninguém se surpreende com a ascensão do comércio online”, afirmou Ignacio Sbampato, diretor de negócios da ESET. “No entanto, o que nos surpreendeu é que, previsivelmente, esse movimento continuará mesmo quando as restrições à mobilidade forem suspensas. Com isso em mente, estamos preocupados com o fato de que menos de um terço dos compradores negocia com confiança. Se não melhorarmos a conscientização sobre as medidas de segurança ao comprar online, os usuários continuarão a se considerar em risco ao fazer pagamentos. É essencial que compradores e empresas mantenham os dados com segurança durante todo o processo de compra. Proteger os consumidores é essencial e nossa missão como empresa de segurança cibernética é oferecer as tecnologias mais inovadora”.

Com relação à Proteção de Dados Pessoais, diversos tipos de regulamentações surgiram - locais, regionais e globais - que buscam garantir a integridade das informações de usuários e clientes e controlar a exposição dos dados.

Sobre a ESET

Desde 1987, a ESET® desenvolve soluções de segurança que ajudam mais de 100 milhões de usuários a aproveitar a tecnologia com segurança. Seu portfólio de soluções oferece às empresas e consumidores de todo o mundo um equilíbrio perfeito entre desempenho e proteção proativa. A empresa possui uma rede global de vendas que abrange 180 países e possui escritórios em Bratislava, San Diego, Cingapura, Buenos Aires, Cidade do México e São Paulo.


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...:
 
https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

<::::::::::::::::::::>
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
<::::::::::::::::::::>
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar e sera atendido. -  Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
<::::::::::::::::::::>

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Ferramenta Automatizada...IMPORTANTE: COMENTÁRIOS com LINK são bloqueados automaticamente (COMMENTS with LINKS are automatically blocked.)...Sucesso!


voltar ao topo