Brasil,

7 em cada 10 afirmam entender quais ações precisam tomar para combater mudanças climáticas, mostra Ipsos

Pesquisa foi realizada com entrevistados de 30 países, incluindo o Brasil

Sete entre cada 10 pessoas no mundo (69%) afirmam entender quais ações precisam tomar para desempenhar seu papel no combate às mudanças climáticas. É o que aponta a pesquisa Perils of Perception, realizada pela Ipsos com respondentes de 30 nações. No Brasil, o percentual está muito próximo da média global: 68% dos brasileiros dizem estar cientes de como devem agir para enfrentar as mudanças climáticas.

Apesar de a maioria declarar entender as ações que devem ser tomadas, na prática a realidade é outra. Em uma lista de opções, os participantes do estudo deveriam escolher as três que, em sua opinião, mais reduziriam as emissões de gases de efeito estufa de um indivíduo residente de um país abastado. No total, 59% dos entrevistados de todos os países escolheram a alternativa “reciclar o máximo possível”. No entanto, segundo levantamento do Institute of Physics, a opção mais efetiva para a redução da emissão de gases seria “ter um filho a menos”, citada por apenas 11%.

No Brasil, as alternativas mais escolhidas foram: reciclar o máximo possível (63%), substituir um carro típico por um carro elétrico ou híbrido (51%) e comprar energia somente de fontes renováveis, como energia eólica e hidrelétrica (49%). No ranking do Institute of Physics das ações individuais mais efetivas para enfrentar as mudanças climáticas, estas opções estão em 7º, 5º e 4º lugar, respectivamente.

Alimentação também impacta mudanças climáticas

A pesquisa também questionou qual das seguintes ações os entrevistados acreditam reduzir mais a emissão de gases de efeito estufa de um indivíduo: consumir uma dieta majoritariamente produzida localmente, incluindo carne e laticínios, ou consumir uma dieta vegetariana, mesmo que algumas das frutas e legumes tenham sido importados de outros países. Mais uma vez, a percepção global difere da resposta cientificamente correta.

Considerando os 30 países, 57% dos respondentes acham que é preferível se alimentar de uma dieta produzida localmente, enquanto 20% acreditam que o vegetarianismo é a melhor opção para reduzir a emissão de gases. Mas, de acordo com o Our World In Data, é mais eficaz ser vegetariano do que consumir produtos locais. No Brasil, 41% acham que é melhor consumir uma dieta produzida localmente e 31% acreditam que a dieta vegetariana reduziria mais a emissão de gases de efeito estufa de um indivíduo – sendo o país que menos se equivocou entre percepção e realidade nesta questão.

O estudo on-line foi realizado com 21.011 pessoas – sendo mil brasileiros – com idades entre 16 e 74 anos de 30 países. Os dados foram colhidos de 19 de fevereiro a 05 de março de 2021, e a margem de erro para o Brasil é de 3,5 pontos percentuais.

Sobre a Ipsos

A Ipsos é uma empresa de pesquisa de mercado independente, presente em 90 mercados. A companhia, que tem globalmente mais de 5.000 clientes e 18.130 colaboradores, entrega dados e análises sobre pessoas, mercados, marcas e sociedades para facilitar a tomada de decisão das empresas e das organizações. Maior empresa de pesquisa eleitoral do mundo, a Ipsos atua ainda nas áreas de marketing, comunicação, mídia, customer experience, engajamento de colaboradores e opinião pública. Os pesquisadores da Ipsos avaliam o potencial do mercado e interpretam as tendências. Desenvolvem e constroem marcas, ajudam os clientes a construírem relacionamento de longo prazo com seus parceiros, testam publicidade e medem a opinião pública ao redor do mundo.


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...:
 
https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

<::::::::::::::::::::>
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
<::::::::::::::::::::>
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar e sera atendido. -  Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
<::::::::::::::::::::>

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Ferramenta Automatizada...IMPORTANTE: COMENTÁRIOS com LINK são bloqueados automaticamente (COMMENTS with LINKS are automatically blocked.)...Sucesso!


voltar ao topo