Brasil,

TOKIO MARINE SEGURADORA

Pesquisa aponta que Corretores buscam tecnologias fluidas e mais tempo dedicado às demandas dos clientes

Na pesquisa de força de trabalho de seguros de 2022 feita pela Vertafore, foram examinadas tendências de emprego, diversidade e tecnologia. A pesquisa analisou questões como o grande número de demissões, remuneração de funcionários, diversidade de gênero e tecnologia.

Além disso, a Vertafore extraiu algumas outras percepções dos dados coletados que não chegaram ao relatório final, mas foram divulgados recentemente. Esses dados oferecem um vislumbre do que os corretores buscam.

Dedicar tempo às demandas dos clientes

Foi feita a seguinte pergunta aos corretores durante a pesquisa: “Se o tempo não fosse um problema, o que você gostaria de fazer com seus clientes regularmente?”. Como resposta, um número consideravelmente grande de corretores disseram que “gostariam de tomar café ou chá com seus clientes”, disse Vertafore. Dentre as respostas, o estudo separou algumas:

“Eu me reunia para tomar um café com mais frequência para aprender sobre as necessidades do cliente.”

“Quero convidar meus clientes a tomar uma xícara de café para se manterem atualizados com o que está acontecendo em suas vidas.”

“Meus clientes e eu poderíamos tomar uma xícara de café juntos uma vez por semana para ajudar a acompanhar o que está acontecendo com eles.”

Beber um café com o cliente pode aumentar a confiança dele

De acordo com uma pesquisa de cientistas da Universidade de Yale, nos Estados Unidos, segurar uma xícara com bebida quente aumenta a sensação de confiança da pessoa em relação a estranhos. Segundo o estudo publicado na revista Science, os voluntários que participaram da pesquisa e seguraram uma xícara com bebida quente apresentaram uma tendência significativamente maior de avaliar outras pessoas como calorosas.

Portanto, sentar para tomar um chá ou café com um segurado pode ser uma ótima ideia para conseguir compreender melhor suas necessidades.

A Vertafore explicou que não acha surpreendente que os corretores queiram passar mais tempo com os clientes. Afinal, “relacionamentos fortes com a comunidade e os clientes tornam as agências independentes especiais no ecossistema de seguros”, segundo a empresa.

Maior uso das mídias sociais

Quando questionados sobre o uso de mídias sociais, mais de um em cada quatro profissionais de corretagem disseram estar ativos em uma plataforma de mídia social.

O estudo apontou também que os corretores estão usando as mídias sociais para se comunicar com mais frequência do que videoconferência (22%), portais/aplicativos de corretoras (21%) e portais/aplicativos de seguradoras (21%).

Utilização de plataformas modernas

A Vertafore também apurou que os profissionais estão preocupados em utilizar as mídias mais modernas em relação à comunicação com os clientes. A organização declarou que: “As corretoras estão usando as mídias para educar seus seguidores, manter contato com clientes, atrair novos negócios e muito mais – e algumas estão até adotando plataformas mais avançadas como o TikTok”.

Tecnologia fluida

Cinquenta e oito por cento das corretoras que buscam expandir sua tecnologia, têm como foco de preocupação a fluidez no uso das tecnologias adotadas quando avaliam novos produtos. Ou seja, elas precisam ser “fáceis de usar”.E para produtos que exigem tempo extra para aprender, 50% disseram que priorizam o suporte ao cliente.

Ouvir as demandas dos clientes é imprescindível

Ouvir o segurado é uma estratégia que tem como objetivo compreender a realidade dele e ajudá-lo a encontrar as soluções 100% individualizadas. Essa é uma tarefa indispensável para que o corretor consiga vender mais e melhor, seja pelo Instagram, Tik Tok, Videoconferência, WhatsApp ou por outros canais virtuais, seja pelo contato mais direto bebendo um chá ou café. Afinal, como declarou a Vertafore: “Existem maneiras de aliviar o fardo da adoção de novas tecnologias e, uma vez que a tecnologia esteja zumbindo, deve haver mais tempo para esses cafés”.


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...:
 
https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

<::::::::::::::::::::>
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
<::::::::::::::::::::>
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar e sera atendido. -  Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
<::::::::::::::::::::>

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Ferramenta Automatizada...IMPORTANTE: COMENTÁRIOS com LINK são bloqueados automaticamente (COMMENTS with LINKS are automatically blocked.)...Sucesso!


voltar ao topo