Brasil,

TOKIO MARINE SEGURADORA

Sócio ou administrador que encerrou atividades da empresa irregular responde pela dívida

Medida visa reduzir empresas constituídas em nome de “laranja”

Desde o final de maio, tribunais de todo Brasil deverão replicar o entendimento do STJ que determinou que o sócio ou administrador que tenha participado do fechamento irregular da empresa responda pela dívida, ainda que este não integrasse o quadro societário ou administrativo no momento do fato gerador.

Para Patrícia Luccas, advogada da área societária e contratual do Ricardo Trotta Sociedade de Advogados, a decisão é totalmente acertada, uma vez que “visa garantir a redução de empresas constituídas em nome de um fraudador, popularmente conhecido como laranja, ou seja, empresas constituídas com o intuito de lesar o fisco a partir da arrecadação de impostos a menor do que aquela efetivamente devida, bem como garantir a inutilização de empresas para a famigerada blindagem patrimonial, entre outras modalidades de fraudes em que empresas são constituídas já com o planejamento de seu fechamento irregular”.

A partir dessa recente decisão, o administrador mesmo sem poder de gerência à época do fato gerador do tributo, garantirá a regularização constante de sua empresa, impedindo que ela seja encerrada de forma irregular, ao passo que poderá reduzir a criação e uso de pessoas jurídicas para a fraude contra credores.

A especialista informa que, com o início de seu período de gerência, cabe ao administrador de boa-fé regularizar as pendências comerciais, financeiras e tributárias de sua empresa, inclusive para que seja evitado eventual pedido de recuperação judicial ou falência.

“Importante frisar que o Código Tributário Nacional, em seu artigo 135, inciso III, já determina a responsabilização de gerentes, diretores e representantes legais pelas dívidas firmadas após o encerramento irregular da empresa; o julgamento dos recursos repetitivos somente acrescentou os administradores em seu rol taxativo”.

Dessa forma, com a nova sistemática, é o atual administrador quem responderá pelos débitos da empresa encerrada irregularmente, mesmo que o fato gerador tenha sido anterior ao seu período de administração. Porém, a especialista alerta que “há de se ter em conta a vigência do artigo 1.003 do Código Civil, que fixa a responsabilidade solidária de sócios (administradores ou não) que deixaram de integrar os quadros da empresa, pelo período de dois anos após a averbação de sua retirada no contrato social”.

Assim, se houver o fechamento irregular da empresa durante esse período dois anos, o administrador atual poderá requerer a responsabilização em conjunto com o sócio retirante.


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...:
 
https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

<::::::::::::::::::::>
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
<::::::::::::::::::::>
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar e sera atendido. -  Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
<::::::::::::::::::::>

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Ferramenta Automatizada...IMPORTANTE: COMENTÁRIOS com LINK são bloqueados automaticamente (COMMENTS with LINKS are automatically blocked.)...Sucesso!


voltar ao topo