Brasil,

TOKIO MARINE SEGURADORA

Storage como um serviço: Um guia rápido para inovar sem enrascadas

Paulo de Godoy, country manager da Pure Storage Paulo de Godoy, country manager da Pure Storage

Por Paulo de Godoy, country manager da Pure Storage

Atualmente, a maior preocupação dos decisores em tecnologia é como reduzir os custos dos ambientes de TI diante de tantos fatores externos impactantes. E seja a escolha por operar totalmente na nuvem, on-prem ou de forma híbrida, acima de tudo eles buscam por modelos de TI que possam oferecer benefícios na nuvem, como consumo flexível, simplicidade na experiência do usuário, redução do custo total de propriedade (TCO) e opções de suporte.

Essas escolhas estão totalmente ligadas à infraestrutura, que é um componente de missão crítica da TI para qualquer negócio que queira competir em uma economia digital. As empresas exigem modelos de infraestrutura que se parecem cada vez mais com o novo mundo das nuvens, não com o velho mundo de recompras ao longo dos anos, despesas operacionais e riscos para os SLAs. A expertise dos CIOs faz com que eles desviem cada vez mais das questões legadas, como despesas iniciais, restrição de fornecedores, previsões de risco e gastos imprevisíveis.

Um estudo recente da IDC prevê que até 2024, 43% das empresas esperam que os modelos de consumo como um serviço aumentem devido a mais recente crise econômica. Além disso, metade da infraestrutura mundial de datacenter será consumida em ofertas como um serviço. Infelizmente, quando se trata de armazenamento, nem todos que buscam um verdadeiro modelo Storage-as-a-Service (STaaS) encontrarão o que realmente precisam. Abaixo estão pontos essenciais que precisam ser avaliados para te livrar de enrascadas nessa jornada.

Nem todas os STaaS são construídos da mesma forma

Da mesma forma que há uma pressão para as empresas adotarem novos modelos operacionais, os fornecedores de soluções legadas também estão correndo para adaptar suas ofertas. Mas enquanto a maioria mantém o foco nos modelos de consumo flexíveis, acabam escorregando na entrega das necessidades comerciais em tempo real, criando alguns obstáculos como deixar a empresa presa a um só fornecedor no longo prazo, flutuações de custo e atualizações que demandam interrupções operacionais.

O CIO moderno quer eliminar o legado. Antes de qualquer coisa, é importante lembrar que o modelo como um serviço vai além do custo da assinatura. Os benefícios de OPEX versus CAPEX podem conquistar alguns, mas os CIOs precisam de soluções que atendam mais aos requisitos operacionais do que ao custo. Isso significa que ao implementar um STaaS é fundamental buscar por parceiros de negócios, não apenas fornecedores.

As demandas emergentes incluem SLAs projetados para o cliente, e os fornecedores legados não estão preparados para isso. Nesse caso, a responsabilidade pela gestão da capacidade acaba sendo empurrada para o cliente, exigindo que ele seja proativo no planejamento e solicitação de expansão. No fim das contas, estas mudanças podem não ser possíveis sob o contrato, porque uma determinada capacidade pode ser modificável apenas na data de expiração e renovação. Os contratos podem às vezes até incluir cláusulas que comprometem o fornecedor a uma mera fração da capacidade requerida. E na gestão de ativos, os clientes frequentemente descobrem que devem fazer pedidos explícitos e até mesmo arcar com os custos de remessa e instalação.

Qual é a escolha certa?

O STaaS eficiente oferece o modelo OPEX, é claro, mas se concentra em oferecer valor e flexibilidade. Os fornecedores da STaaS constroem suas ofertas em torno de SLAs e SLOs (objetivo de nível de serviço), e elaboram contratos de acordo com as necessidades dos CIOs. Para oferecer um serviço que realmente atenda o cliente, são necessários dados, observação e telemetria das cargas de trabalho para gerenciar os SLOs estreitos. É colocar em prática o "serviço" oferecido sob o conceito desse tipo de modelo".

Para começar, a regra principal deve ser “não perturbe”. Não pode haver dúvidas contratuais em relação às cláusulas que garantem desempenho e especificam tempos de inatividade. Ou seja, a gestão da capacidade de armazenamento é uma colaboração estreita entre o fornecedor e o cliente e deve permitir que as mudanças sejam feitas a qualquer momento, sem riscos para ambos. Essa sinergia permite que os fornecedores consigam antecipar as necessidades dos clientes, atendendo sob demanda e realizando instalações sem custos extras.

Talvez uma das principais características dos modelos para nuvem não seja tanto a capacidade de se mover conforme a necessidade, mas a capacidade de realizar isso de forma automatizada. O STaaS oferece atualizações de hardware e software assim que se tornam disponíveis, e não somente quando são solicitados e pagos. Além disso, estas atualizações são 100% sem interrupções, ao contrário dos processos legados de 3-5 anos, que não só exigem planejamento de paradas e para manutenção, mas também acrescentam riscos desnecessários – e que nenhuma empresa quer. É esta característica que define a seriedade de qualquer fornecedor que afirma oferecer STaaS.

O foco é a colheita dos frutos

A oferta STaaS deve oferecer, no mínimo, uma experiência de nuvem, sem interrupções operacionais ao migrar (ou depois), fácil instalação, gerenciamento proativo, opções flexíveis para entrada, expansão e saída, valores transparentes, flexibilidade de arquitetura da nuvem ao on-premise e ao híbrido, capacidades de automação, principalmente em upgrades e manutenção, e uma experiência sem falhas, independentemente se a solução é entregue diretamente ou por meio de parceiros.

A STaaS tem o poder de acelerar os esforços de transformação digital das empresas e ajudá-las a fazer muito mais com seus dados. Os CIOs podem alinhar melhor a tecnologia às metas comerciais e reformular unidades operacionais para que os responsáveis pelo armazenamento possam deixar de lado a monotonia do gerenciamento e se tornarem mais criativos e inovadores. É uma combinação de custo-benefício, produtividade, inovação e crescimento dos negócios. E na economia digital global de hoje, poderia haver algum argumento mais forte do que adotar um STaaS de verdade?


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...:
 
https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

<::::::::::::::::::::>
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
<::::::::::::::::::::>
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar e sera atendido. -  Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
<::::::::::::::::::::>

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Ferramenta Automatizada...IMPORTANTE: COMENTÁRIOS com LINK são bloqueados automaticamente (COMMENTS with LINKS are automatically blocked.)...Sucesso!


voltar ao topo