Brasil,

TOKIO MARINE SEGURADORA

Três Perguntas para Ismar Tôrres

José Ismar Alves Tôrres assumiu a gestão da Seguradora Líder em dezembro de 2016. Em pouco mais de quatro anos, Tôrres liderou uma série de transformações na gestão do Seguro DPVAT, especialmente nas áreas de simplificação e celeridade dos processos; controles internos e compliance; e combate às fraudes. No dia 31 de março, Ismar despediu-se da Companhia e, no seu lugar, assume Leandro Martins Alves, que até o final de março ocupava o cargo de Presidente do Conselho de Administração da Seguradora.

Para relembrar a trajetória de mudanças realizadas na Seguradora Líder nos últimos anos, Ismar Tôrres é o convidado da seção “Três Perguntas para” da newsletter da Companhia. Confira a entrevista na íntegra abaixo:

Como você descreveria a gestão do Seguro DPVAT pela Seguradora Líder nos últimos quatros anos, período em que esteve à frente da Companhia?

Estar à frente da Diretoria Executiva da Seguradora Líder desde 2016, guiando as transformações necessárias para o aperfeiçoamento de um produto tão único e de uma dimensão social sem igual, como o Seguro DPVAT, foi uma honra.

Ao longo deste tempo, trabalhamos com o propósito de assegurar o acesso facilitado e o olhar ainda mais atento ao atendimento amplo, digno, humano e empático aos mais de 211 milhões de brasileiros que têm direito a este benefício. Afinal, no país em que uma pessoa morre no trânsito a cada 15 minutos e que, por ano, acumula cerca de 300 mil indenizações para vítimas de acidentes em ruas, estradas e rodovias, o Seguro DPVAT é, muitas vezes, o único recurso que as vítimas e seus familiares têm para se reerguer.

Visando garantir sempre a destinação correta e transparente deste benefício, com processos otimizados e ágeis, realizamos mudanças significativas na gestão ao longo dos últimos quatro anos para apresentar um trabalho cada vez mais eficiente. Eficiência foi a nossa palavra-chave dos últimos anos. Mesmo com a queda expressiva da arrecadação, decorrente das reduções, ano após ano, do prêmio do Seguro DPVAT, conseguimos reduzir em mais de 55% as despesas da operação entre 2016 e 2020, permitindo uma economia de R$632 milhões.

Quais as realizações que você mais se orgulha ao longo deste período?

Ao longo destes quatro anos, trabalhamos incansavelmente em melhorias e aprimoramento, visando sempre atender da melhor forma à população, e cada ação tomada neste sentido me traz muito orgulho. Me sinto realizado de saber que trabalhamos focados em facilitar a vida das pessoas, principalmente em um momento tão difícil.

Entre as ações, investimos de forma maciça no combate às fraudes contra o Seguro DPVAT. Nos últimos anos, passamos a utilizar sistemas com machine learning e inteligência artificial, aumentando a eficácia de prevenção de fraudes através de modelos matemáticos avançados. Além disso, os casos considerados merecedores de apuração mais detalhada são enviados, ainda, para uma equipe que investiga in loco a existência de irregularidades, garantindo que as indenizações sejam pagas aos reais beneficiários do seguro. Mais de 10 mil pedidos de indenização indevidos já foram evitados pelos sistemas da Seguradora Líder nos últimos dois anos, representando perdas evitadas de mais de R$ 70,8 milhões. Quando uma fraude é identificada, a Seguradora Líder encaminha uma notícia-crime ou uma representação disciplinar aos órgãos competentes. Nos últimos dois anos, em todo o País, as ações proativas da Seguradora Líder já resultaram em 94 sentenças condenatórias, 130 condenados, 34 prisões e 103 cancelamentos, suspensões ou cassações de registros em órgãos de classe.

O mercado segurador também reconheceu esses importantes avanços da Seguradora Líder: em 2019, o modelo de combate às fraudes do Consórcio do Seguro DPVAT foi vencedor do Prêmio de Inovação em Seguros da Confederação Nacional das Seguradoras (CNseg).

Além disso, foram criados processos para simplificar a vida do beneficiário, tais como a redução de documentos necessários para dar entrada no pedido de indenização; padronização da jornada do cliente em todos os canais de atendimento, com a adoção de plataforma omnichanel; lançamento do aplicativo Seguro DPVAT, permitindo a abertura do sinistro de forma remota – o que facilitou, também, a entrada no processo de indenização durante a pandemia –; e o desenvolvimento do Assistente Virtual da Seguradora Líder, disponível via chat e WhatsApp para acelerar o atendimento dos nossos clientes.

Todo esse trabalho fez com que reduzíssemos em mais de 70% o tempo médio de pagamento das indenizações – que em janeiro de 2017 era de 74 dias e, em dezembro de 2020, de 21 dias.

Também tenho muito orgulho de dizer que, nos últimos quatro anos, o Consórcio do Seguro DPVAT fortaleceu os sistemas de Gestão de Riscos e Controles nas três linhas de defesa, com contratação de profissionais experientes de mercado para a liderança da segunda linha (Riscos, Compliance e Controles Internos) e da terceira linha (Auditoria Interna). A governança de riscos da Seguradora Líder foi reestruturada com a criação de comissões, políticas, gestão de riscos e diligência de parceiros de negócio. Foram aprimorados, ainda, todo o mapa de Riscos Corporativos e das matrizes de processos, riscos e controles, assim como foi revista toda a estrutura de normativos internos, através de uma governança robusta. Criamos, ainda, um Programa de Integridade, que passou do nível de maturidade de 52% para o de 74%, sete pontos percentuais acima do mercado segurador, de acordo com diagnóstico realizado em 2020, por empresa de renome contratada para tal finalidade. Criamos, ainda, em 2017 um Portal da Integridade com todos os dados sobre a operação do Seguro DPVAT, reforçando a transparência da Seguradora Líder.

E como você enxerga a importância deste seguro social para a sociedade brasileira no atual momento, em que o país enfrenta uma das piores crises sociais e econômicas?

O Seguro DPVAT propicia uma importante reparação social ao proteger os mais de 211 milhões de brasileiros em casos de acidentes de trânsito, especialmente os de renda mais baixa. Em um país com mais de 450 mil mortos no trânsito nos últimos dez anos e com menos de 30% da frota em circulação circulando com algum seguro facultativo contratado, o DPVAT se torna, em muitos casos, o único amparo financeiro de milhares de famílias.

A tragédia do trânsito brasileiro muitas vezes transforma em vítima o provedor da casa. Diante deste cenário, o Seguro DPVAT se torna, cada vez mais importante para a sociedade brasileira, principalmente em um momento de constante empobrecimento da população, assolada por uma grave crise econômico-social. O seguro pode ser, para essas famílias, a garantia de cerca de um salário-mínimo por mês, mesmo com uma importância segurada não reajustada há mais de 13 anos, para muitos beneficiários, vítimas do trânsito brasileiro.

O Seguro DPVAT deveria ser visto, portanto, como uma política de Estado, tendo em conta o seu caráter e alcance social abrangente, beneficiando principalmente as classes sociais menos favorecidas. Este é um produto que vem sendo aperfeiçoado na linha do tempo, desde a sua criação. É um direito e uma conquista de toda a sociedade brasileira.


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...:
 
https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

<::::::::::::::::::::>
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
<::::::::::::::::::::>
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar e sera atendido. -  Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
<::::::::::::::::::::>

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Ferramenta Automatizada...IMPORTANTE: COMENTÁRIOS com LINK são bloqueados automaticamente (COMMENTS with LINKS are automatically blocked.)...Sucesso!


voltar ao topo