Brasil,

TOKIO MARINE SEGURADORA

Marketing digital não é tendência no mercado de seguros para corretores

Marketing digital não é tendência no mercado de seguros para corretores

Por: Arley Boullosa

Pode parecer estranho o título que coloquei no assunto que me proponho tratar, mas vou explicar: vamos iniciar com a definição de Tendência. Peguei a primeira que aparece na busca do Google:tendência - substantivo feminino - 1. 1. aquilo que leva alguém a seguir um determinado caminho ou a agir de certa forma; predisposição, propensão.

Uma tendência quando falamos de negócio ou mercado é por definição, algo novo que enxergamos como possibilidade para o futuro. Mas quando confundimos (ou desconhecemos) com algo que surgiu com força em 2010 no nosso segmento. com diversas corretoras indo para a internet para fazer a captação de leads, investindo em sistemas de multicálculo e gestão, na minha opinião, não podemos considerar como tendência em 2020.

Lembro quando decidimos montar a nossa corretora, a Moby, em 2102, o que mais estudamos para desenvolver o modelo de negócio da empresa, público alvo, forma de atuação e planejamento, foram corretoras como a Minuto Seguro, Bidu, Smartia, Sossego, Segurar, TáCerto e outras que já serviam de inspiração, de quem queria ir para a internet buscar um número crescente de consumidores, que já procuravam o termo “seguro de automóvel”, principalmente no Google.

O movimento inspirado em “sites agregadores” já funcionava de forma consolidada em vários países, principalmente no Reino Unido e nos EUA, onde a cultura de seguro, legislação e simplificação de processos garantiam inclusive a contratação direta pelos clientes, devido ao uso de tecnologia. Temos diversas corretoras atuando de “forma digital” no Brasil, há pelo menos dez anos. Realizando a captação de leads na internet e fazendo a venda de forma consultiva, devido à necessidade de ter que falar com os clientes, esclarecer coberturas, tirar dúvidas, filtrar fraudes e orientar a efetivação do negócio após a negociação e fechamento.

Começa a ficar claro hoje que, quando vários “especialistas” que surgiram não sei de onde e nunca realizaram nada no nosso mercado, falam que o marketing digital é uma tendência para os corretores de seguros, em conseqüência da pandemia do Covid-19, estão pelo menos dez anos atrasados. A crise sanitária e econômica que estamos vivendo, acelerou o que já acontecia e muitos corretores já estavam executando. Não apenas indo para a internet para buscar leads, mas automatizando o que é possível e melhorando seus processos para tornar suas operações mais eficientes e rentáveis.Muitas corretoras estão passando por dificuldades e isso acontece, porque já tínhamos uma situação complicada desde 2015, quando iniciamos um período de crescimento baixo do PIB, aumento do desemprego, recorde de inadimplência, dificuldades de crédito e redução na venda dos veículos 0km. Quem quiser sobreviver e passar pela crise precisa recuperar o tempo perdido e investir forte no que não fez até agora.

As corretoras que já estavam com seus modelos de negócios adequados ao ambiente digital, estão tendo mais facilidade na travessia e até crescendo durante a pandemia, enquanto a maioria tem o desejo de mudar para se ajustar a nova realidade e não sabem muito bem como começar. A boa notícia é que se for feito um plano de ação e realmente partir para a execução, ainda é possível reverter parte do prejuízo.

*Arley Boullosa é professor há 22 anos, palestrante, gestor da Kuantta Consultoria, sócio da Moby Corretora de Seguros e especialista em captação de leads, voltado para a comercialização de seguros pela internet.


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...:
 
https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

Separador
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
Separador
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar e sera atendido. -  Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
Separador

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Ferramenta Automatizada...IMPORTANTE: COMENTÁRIOS com LINK são bloqueados automaticamente (COMMENTS with LINKS are automatically blocked.)...Sucesso!


voltar ao topo

Notícias ::

Mais Itens ::

NEWSLETTER SEGS