Brasil, 22 de Janeiro de 2020

TOKIO MARINE SEGURADORA

Tecnologia goiana conquista mercado catarinense

pixabay pixabay

Empresa Exact Sales, de Florianópolis, enxergou na startup de big data analytics, Results, as soluções à altura de seu ecossistema

Considerada a meca brasileira da tecnologia, Florianópolis também recebe o trocadilho de Ilha do Silício, para designá-la quando o assunto é inovação. A capital catarinense concentra o maior percentual de startups do Brasil, levando em conta o número de habitantes, segundo cruzamento de dados da Associação Brasileira de Startups (Abstartups) com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Ali se concentra desenvolvedores com olho clínico para as soluções mais criativas para os diversos negócios e é celeiro de startups que estão bem posicionadas no mercado nacional e internacional. Eles enxergaram em uma startup goiana, soluções à altura de seu ecossistema.

Depois de um ano de negociações, a Ace Centro-Oeste finalizou a venda da Resultys, startup goiana de big data analytics, focada em coleta e formação de bancos de dados públicos para a Exact Sales, de Florianópolis (SC)."Estamos comprando a tecnologia da empresa para deixar nossos robôs de pesquisa mais assertivos", afirma o presidente executivo da empresa catarinense, Theo Orosco.

Essa é uma das primeiras startups do Centro-Oeste que passa pelo “exit”, que em inglês significa saída, mas a despedida é por um bom motivo. “Para nós, essa aquisição demonstra que nosso ecossistema está amadurecendo e o mercado da inovação já enxerga Goiás com outros olhos”, diz Ivan Gonçalves, criador da Resultys juntamente com seu sócio, Diego Roberto Rodrigues.

A Resultys é especializada em um software que ajuda vendedores a prospectar novos clientes. Sua base de dados reúne informações de 20 milhões de empresas no Brasil. Nela, é possível encontrar dados como CNPJ, setor de atuação, número de funcionários, estimativa de faturamento, entre muitos outros dados usados nas atividades de prospecção e qualificação de clientes potenciais. Criada em setembro de 2016, não levou muito tempo para que a ideia recebesse incentivos. Já em 2017, recebeu investimentos da ACE Centro-Oeste, maior aceleradora da América Latina, e cresceu.

A união entre a empresa catarinense e a startup goiana começou com um e-mail, no qual Ivan e Diego falaram ao CEO da Exact da sinergia entre as duas, no início da Resultys. “A Exact se destacava no segmento de vendas e nós enxergávamos que poderíamos ser bem sucedidos juntos. A plataforma deles não oferecia a compra de cadastros de potenciais clientes, que era exatamente o que a gente oferecia com nossa startup”, relembra o empresário.

Primeiramente, a Exact Sales se tornou cliente da Resultys para testar o programa, no entanto, começaram a ver que era mais interessante comprá-la devido a grande demanda. De acordo com o sócio da Sirius Venture Capital e da ACE Centro-Oeste, Cidinaldo Boschini, o exit da Resultys para a Exact Sales é um marco para o ecossistema de Goiás. “Tenho certeza que servirá de inspiração para outros empreendedores trilharem o mesmo caminho”, afirma.

Mercado promissor

A perspectiva é de consolidação e crescimento do mercado de startups em Goiás, segundo o administrador especialista em venture capital e startups, Marcos Bernardo Campos, também co-founder do Gyntec. “Tanto os empreendedores quanto os investidores, estão de olho nas startups, e o otimismo para esse mercado em 2020 é comprovado também pelos números já alcançados”, diz.

Segundo a Associação Brasileira de Startups (Abstartups) de 2015 à 2019, o número de startups passou de 4.151 para 12.728, um aumento de 207%. As startups têm atraído o interesse de quem quer abrir o próprio negócio e mudar o rumo da carreira, construindo sua própria fonte de renda. Goiás é o segundo estado com maior número de startups no Centro-Oeste, com 21,1% do total, segundo mapeamento da ABStartups - fica atrás somente do Distrito Federal.

Na visão do startupeiro Ivan Gonçalves, o ecossistema de startups goiano tem grande potencial, mas pode melhorar ainda mais na medida em que houver maior interação entre governo, instituições e as próprias startups. “Passamos alguns anos dispersos, cada um promovia suas iniciativas de forma isolada”, avalia.

Nesse sentido, ele considera que o Gyntec, onde a Resultys se desenvolveu, foi uma contribuição positiva para o relacionamento, a integração, o compartilhamento de experiências e o networking. “Além de ser um coworking voltado ao startupeiros, eles também trazem muitos workshops e eventos para fortalecer o ecossistema” conta Ivan.

Para quem quer entrar nesse ecossistema, Ivan aconselha a analisar a ir além de desenvolver o negócio em si, mas pensar sobre a estrutura societária, as competências necessárias para cada sócio, se realmente precisa de um investidor e, principalmente, entender sobre as questões jurídicas. “A gente sofreu um pouco porque não tínhamos esses conhecimentos e até tivemos alguns problemas. É preciso entender muito bem desse mundo de startups, inclusive juridicamente”, reforça o empresário.

Ele e o sócio começaram a empreender juntos ainda na faculdade de redes de computadores, em Goiânia, em 2007. O Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) acabou resultando na criação da empresa, a Geoinova, primeiro negócio da dupla com foco mapeamento por imagens de satélite e drones, além de big data, em 2010.


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...: https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

Separador
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
Separador
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar que voce sera atendido. - Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta totalmente automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
Separador

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Ferramenta Automatizada...IMPORTANTE: Comentários com Link são bloqueados automaticamente (Comments with Links are automatically blocked.)...Sucesso!


voltar ao topo

Notícias ::

Mais Itens ::

NEWSLETTER SEGS