Brasil, 17 de Novembro de 2019

TOKIO MARINE SEGURADORA

Desafios e oportunidades para fazer sucesso no mercado chinês

Por Ian Lin, CEO da Serpa China

Impulsionada pelo seu amplo potencial de exportação e importação, a relação comercial entre Brasil e China nunca foi tão forte e expressiva. Não por acaso, a indústria chinesa vem conquistando cada vez mais a atenção das empresas de nosso País, como uma oportunidade real de expansão nos negócios. As chances de sucesso são enormes e o investimento continua crescendo. Mas há uma contrapartida: comprar ou vender para o mercado chinês exige muita atenção, conhecimento e pesquisa do empresário brasileiro.

As organizações que desejam comprar ou enviar produtos à China devem saber, de antemão, que há uma série de passos e trâmites a ser rigorosamente seguido. Da legalização da situação da empresa brasileira junto ao governo chinês até a liberação da mercadoria no destino final são necessárias muitas ações. Entre outras coisas, é preciso conhecer de forma detalhada os fornecedores e como definir a correta precificação dos produtos, além de entender sobre as regras de alfândega aqui e na China, verificando recorrentemente os procedimentos, impostos e taxas de cada etapa da compra ou venda.

Um ponto essencial nessa jornada é regularizar a atuação no cenário chinês. Isso porque, antes de começar a investir na China, é fundamental providenciar dois registros junto à alfândega chinesa - o registro de marca e o registro de produto. Além de ser pré-requisito para ingressar nas plataformas de e-commerce mais reconhecidas na China (como JD e Tmall), o registro de marca também é importante para a proteção da imagem do seu negócio. A partir deste registro, você terá um documento que atribui a jurisdição de sua marca na China a seu nome, sendo uma espécie de proteção legal contra possíveis copiadores.

Apesar dos custos envolvidos, portanto, o registro de marca deve ser visto como um investimento e não uma despesa. Afinal, esse registro concede ao exportador brasileiro a total exclusividade na comercialização dos produtos de sua marca em todo o território chinês.

Outro ponto importante é que por meio do registro e produto será possível atestar que seus produtos correspondem às regulamentações do governo chinês, evitando assim, problemas na liberação dos itens junto às autoridades aduaneiras chinesas. Em um mercado tão competitivo e concorrido, destacar os propósitos e diferenciais de sua marca e a disposição para investir no oriente podem ser fatores imprescindíveis para atrair a atenção dos negociantes locais.

Providenciar estes documentos é de suma importância, sobretudo por se tratar de um processo complexo, que exige atenção e planejamento. É preciso se organizar e seguir o passo a passo para obtê-los, viabilizando assim, a comercialização dos produtos no mercado asiático. Por isso mesmo, o mais indicado é buscar uma assistência profissional preparada para ajudar nesse caminho de regularização e negociação. Isso porque estamos falando de um processo que leva, em média, um ano para o registro de marca e um mês para o registro de produto.

A China possibilita uma imensidão de oportunidades, mas além das questões legais, para conduzir negócios com eficácia na China, é importante que as empresas brasileiras tenham um entendimento básico da cultura do país. A relação com um parceiro chinês significa reuniões presenciais e requer tempo para estabelecer confiança. Há várias maneiras de construir essa confiança, formalmente ou informalmente.

A lição que temos para fazer negócio com a China e conseguir uma boa negociação é, sem dúvidas, ter paciência e foco. O estilo de empreendedorismo e venda do mercado chinês é muito diferente do brasileiro e temos de reconhecer e entender isso. A melhor estratégia, assim, é conhecer a fundo o mercado chinês e se adaptar rapidamente às questões que exijam ajustes ou transformações. As oportunidades estão surgindo, mas é necessário estar preparado para aproveitá-las. Não há tempo a se perder.


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...: https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

Separador
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
Separador
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar que voce sera atendido. - Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta totalmente automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
Separador

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Ferramenta Automatizada...IMPORTANTE: Comentários com Link são bloqueados automaticamente (Comments with Links are automatically blocked.)...Sucesso!


voltar ao topo

Notícias ::

Mais Itens ::

NEWSLETTER SEGS