Brasil,

TOKIO MARINE SEGURADORA

O desenvolvimento de profissionais do setor odontológico

*Geraldo Almeida Lima

A Odontologia Suplementar vem passando por diversas transformações no Brasil, como pudemos acompanhar durante o recente Simpósio de Planos Odontológicos. Com o constante crescimento do setor, o surgimento de tecnologias aliadas à aplicabilidade e, até mesmo, às mudanças regulatórias que regem o mercado da saúde suplementar, fica cada vez mais evidente o cenário promissor que temos pela frente.

Para se ter uma ideia, o segmento de planos odontológicos conta atualmente com 23,5 milhões de beneficiários. Entre junho de 2016 e junho de 2018, ao menos 2,7 milhões de pessoas contrataram um plano odontológico. Isso demonstra a contínua expansão do segmento, que caminha na contramão da crise econômica que assola o país há vários anos. O próprio investimento em tecnologia tem contribuído com este segmento, como os novos produtos que são oferecidos pelas operadoras e a ampliação dos canais de venda que facilitam, ainda mais, o acesso da população à Odontologia Suplementar.

O cenário atual traz novas perspectivas aos profissionais que atuam no setor e precisam acompanhar essas mudanças. O Brasil é o país que mais forma cirurgiões-dentistas no mundo. Atualmente existem mais de 300 mil profissionais exercendo esta função, de acordo com o Conselho Federal de Odontologia. Muitos desses profissionais almejam ter o próprio consultório, conquistando sua clientela e ampliando o portfólio de serviços.

Como um segmento do mercado que cresce por conta da previsibilidade e a segurança que o plano odontológico oferece ao beneficiário, a um preço acessível aliado ao atendimento de qualidade, a Odontologia Suplementar demanda conhecimento aprofundado e atualizado de todos os agentes atuantes. Para aprimorar ainda mais essas habilidades técnicas e de gestão, cirurgiões-dentistas também buscam outros cursos de especialização após a graduação.

Colaboradores e gestores de operadoras odontológicas procuram igualmente se aperfeiçoar para acompanhar todos os aspectos que envolvem o setor. Acompanhar as mudanças e entender adequadamente a regulação é fundamental para que consigam executar o trabalho da melhor forma. A questão da agenda regulatória com foco direcionado para a Odontologia, inclusive, é um pleito antigo do Sinog. Entregamos na agência reguladora, um documento que pleiteia uma legislação específica, que atenda os anseios e considere as características do setor, que são peculiares, diferentes das que são direcionadas ao segmento médico-hospitalar.

Para colaborar com o desenvolvimento dos profissionais do setor, ao longo de seus 22 anos de atuação o Sinog vem elaborando uma extensa agenda de cursos, simpósios, seminários e congressos direcionados às pessoas ligadas à gestão de operadoras odontológicas e, também, aos cirurgiões-dentistas. Desde 2015 começamos a oferecer o curso de Excelência em Gestão de Operadoras Odontológicas, único e pioneiro neste segmento, que já ajudou na especialização de mais de 200 profissionais, dando a oportunidade de conhecerem a fundo a operação do produto odontológico.

Nosso curso de média duração, bem-sucedido desde a primeira edição, analisa indicadores de custo benefício, elabora padrões de qualidade e trata dos assuntos relacionados à ética odontológica, legislação específica, mercado de trabalho, abusos e fraudes relacionados à operação em saúde suplementar, oferecendo aos profissionais subsídios necessários para que tenham uma visão mais estratégica do setor.

Acreditamos que a atuação de profissionais da área da saúde, em específico que atuam na Odontologia Suplementar, é fundamental para estruturar os serviços básicos e essenciais da sociedade. Além de garantir a saúde bucal da população, o trabalho desses profissionais envolve muitas responsabilidades legais e éticas de um setor que está em pleno desenvolvimento e, portanto, passará ainda por muitas transformações.

*Geraldo Almeida Lima é presidente do Sindicato Nacional das Empresas de Odontologia de Grupo – Sinog



Publicidade



Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...:
 
https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

Separador
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
Separador
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar e sera atendido. -  Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
Separador

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Ferramenta Automatizada...IMPORTANTE: COMENTÁRIOS com LINK são bloqueados automaticamente (COMMENTS with LINKS are automatically blocked.)...Sucesso!


voltar ao topo

Notícias ::

Mais Itens ::

NEWSLETTER SEGS