Brasil,

TOKIO MARINE SEGURADORA

A reconstrução do olhar com a Blefaroplastia

Dr. Rogério Leal explica diferenças entre cirurgia tradicional e à laser e recomenda resurfacing ou peeling para potencializar os resultados desse procedimento

Nessa época de pandemia os olhos nunca estiveram tanto em evidência, por isso, o número de cirurgias plásticas para transformar e deixar o olhar mais marcante e bonito vem aumentando consideravelmente. Um dos procedimentos estéticos mais recomendados para reduzir a aparência de cansaço proporcionada pelas pálpebras caídas é a Blefaroplastia, uma intervenção cirúrgica, que, além de melhorar o aspecto também revitaliza o olhar.

Realizado por um cirurgião plástico especialista, esse procedimento reposiciona as pálpebras através da retirada dos excessos de pele e das bolsas de gordura presentes nessa região. Além de rejuvenescer, essa intervenção também reduz as rugas e linhas de expressão, proporcionando um melhor resultado, deixando o rosto mais jovem e harmônico.

Segundo o Dr. Rogério Leal, cirurgião oculoplástico especializado nesse tipo de intervenção, esse procedimento pode ser feito tanto na parte superior quanto inferior das pálpebras. “Quando a cirurgia é feita apenas embaixo é chamada de Blefaroplastia inferior e tem o objetivo de tratar as bolsas de gordura e a pele na região abaixo dos olhos. Neste caso, o problema pode ser causado pela perda de firmeza da pele e dos músculos da face, que, somados à flacidez das pálpebras inferiores, proporcionam uma aparência de cansaço”.

Em alguns casos, para obter melhores resultados, o médico sugere associar a cirurgia com outros procedimentos como elevação das sobrancelhas, peelings químicos, laser, preenchimentos com ácido hialurônico, com a gordura do próprio paciente ou ainda a transposição de gordura.

Rogério acrescenta que a Blefaroplastia é uma cirurgia delicada e deve ser realizada apenas por médicos especialistas. “Depois de examinado é medida a quantidade de pele que será retirada do paciente e marcada a região dos cortes da cirurgia. Em seguida, é infiltrada uma quantidade adequada de anestésico nas pálpebras (anestesia local) e feita a sedação para proporcionar maior conforto. Em pessoas mais sensíveis, também pode ser utilizada a anestesia geral”, explica.

Além do método tradicional, a Blefaroplastia também pode ser feita com aparelho de laser de CO2 fracionado que possui duas ponteiras, sendo uma utilizada para a realização dos cortes. “A ponteira do laser tem a função de coagular os vasos sanguíneos impedindo que ocorram sangramentos ao mesmo tempo que são realizados os cortes. Dessa forma, o inchaço e a formação de hematomas no período pós-operatório são reduzidos”, acrescenta.

Para os casos de olheiras marcantes, quando a cirurgia é finalizada, Rogério recomenda a realização de resurfacing ou peeling que promovem a renovação da superfície da pele através do aumento da produção de colágeno. “Além do rejuvenescimento da região das pálpebras, esses procedimentos reduzem as rugas e poros, diminuem a flacidez e clareiam a pele”, justifica.

Em casos em que o envelhecimento cutâneo é intenso, o cirurgião explica que pode substituir o laser pelo Peeling Químico Médio ou pelo Profundo com Fenol e reforça ainda a importância do paciente manter os cuidados pós-operatórios como o uso de compressas frias, analgésicos, alimentação adequada, drenagem linfática facial e repouso na primeira semana para atingir os resultados desejados rapidamente.

SOBRE O DR. ROGÉRIO LEAL

Médico cirurgião plástico ocular Dr. Rogério Leal, especialista em Cirurgia Estética e Reparadora das Pálpebras, é membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica Ocular e da Academia Brasileira de Cirurgia Plástica da Face, realizando desde cirurgia plástica das pálpebras até tratamentos faciais a laser e peelings químicos.

Formado pela Universidade Federal do Paraná em 1996, mudou-se para São Paulo, onde concluiu sua formação em instituições respeitadas como o Hospital Brigadeiro e o IOTC, além do Detroit Medical Center, nos Estados Unidos.

Médico cirurgião plástico ocular Dr. Rogério Leal, especialista em Cirurgia Estética e Reparadora das Pálpebras, é membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica Ocular e da Academia Brasileira de Cirurgia Plástica da Face, realizando desde cirurgia plástica das pálpebras até tratamentos faciais a laser e peelings químicos.

Formado pela Universidade Federal do Paraná em 1996, mudou-se para São Paulo, onde concluiu sua formação em instituições respeitadas como o Hospital Brigadeiro e o IOTC, além do Detroit Medical Center, nos Estados Unidos.

É professor assistente do Protocolo de Peelings Químicos Palpebrais do Serviço de Cirurgia Plástica Ocular do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP).

Em alguns casos, para obter melhores resultados, o especialista associa cirurgia com outros procedimentos como elevação das sobrancelhas, peelings químicos, laser, preenchimentos com ácido hialurônico e transposição de gordura do próprio paciente.

Após concluir sua formação em Cirurgia Plástica Ocular, seu grande mestre, Dr. Tadeu Cvintal, o encaminhou para realizar um estágio com o renomado cirurgião plástico Dr. Pedro Vital Neto, no Hospital Albert Einstein.

Atualmente, realiza cirurgias nos Hospitais Santa Catarina e Albert Einstein, em São Paulo, no Hospital Samaritano, no Rio de Janeiro, e no Hospital Union, em Curitiba.


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...:
 
https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

<::::::::::::::::::::>
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
<::::::::::::::::::::>
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar e sera atendido. -  Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
<::::::::::::::::::::>

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Ferramenta Automatizada...IMPORTANTE: COMENTÁRIOS com LINK são bloqueados automaticamente (COMMENTS with LINKS are automatically blocked.)...Sucesso!


voltar ao topo