Brasil,

TOKIO MARINE SEGURADORA

Investindo no sono: Empresa de colchões e travesseiros tecnológicos tem aumento de 48% nas vendas durante a pandemia

"Com a população ficando mais tempo em casa, a procura por comodidade tem crescimento acelerado"

Muitas empresas durante o período de pandemia, que já se estende por mais de cinco meses no Brasil, viram os seus lucros reduzidos ou zerados por conta do isolamento social. Porém, para alguns segmentos a realidade foi inversa e determinadas empresas andaram na contramão dessa crise e aumentaram o faturamento durante esse período. Setores como o de delivery, teletrabalho, reformas, cursos online e marcas que proporcionam comodidade para quem fica mais tempo em casa perceberam um aumento significativo de clientes.

Esse é o caso da Super Conforto, que oferece produtos para melhorar a qualidade do sono, como colchões e travesseiros munidos de tecnologia de ponta. Durante a pandemia, a marca teve um crescimento superior aos índices registrados no mesmo período do ano passado com 48% de aumento nas vendas.

Essa crescente se deu por diversos fatores, mas principalmente pela busca da qualidade de vida em meio à pandemia já que muitas pessoas estão permanecendo confinados a maior parte do tempo e a relação com a casa tem ganhado um olhar mais detalhado. Antes, o colchão que servia apenas para um descanso depois de um dia de trabalho, hoje, é considerado a estrela da casa para quem gosta de passar um tempo em família assistindo séries e filmes ou por quem quer uma massagem terapêutica a qualquer hora do dia sem sair de casa. O simples travesseiro conhecido de todos deu lugar a um travesseiro super tecnológico como o iPillow, que além dos ajustes de altura, possui um alto-falante embutido que permite o consumidor escutar músicas, rádio, audiobook, entre outros, diretamente no conforto do travesseiro e sem incomodar a pessoa ao lado, pois o áudio fica concentrado na região.

“As pessoas estão mais em casa, devido a quarentena. Assim puderam prestar atenção aos detalhes do seu lar, sentiram a necessidade de trocar e arrumar certos pontos, mas o principal é: perceberam o colchão como sendo o móvel mais importante da casa. Afinal, passamos 1/3 das nossas vidas na cama e esse tem que ser um período prazeroso, de descanso, relaxamento e conforto”, afirma Ricardo Santana Maia, CEO da Super Conforto.

Também podemos considerar que as preocupações com relação as incertezas que o vírus trouxe fizeram com que muitos brasileiros perdessem, literalmente, o sono e procurassem algo que os ajudassem. “Os colchões e travesseiros Super Conforto possuem tecnologias que induzem ao sono profundo, proporcionam relaxamento dos músculos e auxiliam no tratamento da insônia, além das terapias capazes de aumentar a imunidade, o que auxilia no combate a vírus e doenças”, explica Maia.

A empresa, que oferece produtos que são capazes de cuidar de problemas físicos, como as dores nas costas e articulações, também conquistou o público que se viu a procura de uma alternativa de qualidade para tratar os problemas enquanto os studios de pilates e RPG, que são muito utilizados para esse fim, precisaram permanecer fechados.

Fato é que a pandemia trouxe consigo uma mudança de consumo na população, essa adaptação do consumidor ocasionou essa valorização do conforto, qualidade de vida e alternativas para aumentar a proteção, imunidade e ficar longe de possíveis infecções. Essa herança ainda permanecerá por muito tempo na sociedade gerando uma transformação nas prioridades.

Para o futuro, a expectativa da marca é que esse crescimento se mantenha durante todo o ano mesmo que aos poucos todos os setores sejam abertos. Para o CEO da empresa, os índices de crescimento devem continuar em ascendência, pois as pessoas aprenderam a valorizar mais os momentos em casa e desaceleraram o ritmo. Sem contar que os gastos com eventos e turismo ainda vão demorar um pouco mais para começar a girar novamente, então, as pessoas vão investir nas áreas de reforma, decoração e bem estar durante essa retomada.


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...:
 
https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

<::::::::::::::::::::>
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
<::::::::::::::::::::>
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar e sera atendido. -  Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
<::::::::::::::::::::>

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Ferramenta Automatizada...IMPORTANTE: COMENTÁRIOS com LINK são bloqueados automaticamente (COMMENTS with LINKS are automatically blocked.)...Sucesso!


voltar ao topo