Brasil,

TOKIO MARINE SEGURADORA

Consumo de bebidas alcoólicas adoçadas pode estimular ingestão abusiva de álcool, aponta estudo

Consumo de bebidas alcoólicas adoçadas pode estimular ingestão abusiva de álcool, aponta estudo

De acordo com pesquisa publicada na revista científica Alcohol, ingestão de bebidas alcoólicas açucaradas pode tornar o sabor do álcool mais tolerável, favorecendo assim o consumo excessivo da substância, que é tóxica para o organismo.

Grande parte das pessoas no Brasil consome álcool com certa regularidade. Segundo dados da Organização Mundial da Saúde, o Brasil é o terceiro país da América Latina que mais consome álcool. No entanto, nem todas as pessoas, principalmente o público mais jovem, apreciam o forte sabor do álcool e acabam optando por bebidas alcoólicas adoçadas para mascarar o gosto desagradável. O problema é que, de acordo com estudo publicado esse ano na revista científica Alcohol, essas bebidas alcoólicas açucaradas podem favorecer o consumo abusivo de álcool. “Segundo a pesquisa, quanto maior a ingestão de bebidas açucaradas por uma pessoa, maior a probabilidade de ela aumentar o consumo de álcool não adoçado. E essa é uma questão muito importante para a população brasileira, já que dados do Ministério da Saúde apontam que 17,9% dos adultos no Brasil já consomem bebidas alcoólicas abusivamente”, alerta a médica nutróloga Dra. Marcella Garcez, professora da Associação Brasileira de Nutrologia.

Para chegar a essa conclusão, os pesquisadores estudaram os efeitos do consumo de bebidas alcoólicas adoçadas com xarope de milho com alto teor de frutose, um dos principais ingredientes utilizados nesse tipo de produto. “Estudos prévios já demonstraram que outros adoçantes usados em bebidas alcoólicas, como sacarose e glicose, podem incentivar ratos a beber mais álcool, mas ainda não se sabia se o mesmo vale para o xarope de milho”, explica a especialista. Então, na pesquisa, os estudiosos avaliaram o consumo de diferentes proporções de álcool misturado com xarope de milho a 25% por ratos capazes de tomar líquidos por conta própria. Dessa forma, foi possível notar que os ratos, que geralmente não consomem álcool involuntariamente e mostram sinais de desagrado ao ingerir a substância, aumentaram a ingestão de álcool e a acharam mais palatável, o que pôde ser percebido pelas lambidas no focinho realizadas após o consumo da bebida açucarada. Para se ter uma ideia, as bebidas feitas com 10% de álcool e 25% de xarope de milho estimularam os ratos a beberem uma quantidade equivalente ao consumo de 4,5 cervejas em 30 minutos por um humano adulto.

De acordo com a Dra. Marcella, o estudo mostra então que alguém que bebe bebidas alcoólicas açucaradas pode se acostumar com o gosto do álcool mesmo sem gostar desse tipo de produto, o que, consequentemente, fará com que o consumo da substância aumente. “Esse é um grande problema principalmente entre a população mais jovem, para quem as bebidas açucaradas são destinadas, afinal, o fato de ser doce não a torna mais saudável do que uma lata de cerveja ou um copo de vinho. Na verdade, as bebidas alcoólicas açucaradas podem ser ainda mais perigosas, já que, por serem doces, são mais palatáveis e, logo, mais fáceis de serem ingeridas em excesso”, ressalta a médica.

E, segundo a especialista, os riscos do consumo excessivo de álcool são incontáveis. “O álcool é uma substância tóxica para o organismo humano e pode provocar doenças mentais, cânceres, problemas hepáticos como a cirrose, alterações cardiovasculares, com risco de infarto e acidente vascular cerebral, e a diminuição de imunidade, além de favorecer a desidratação, a inflamação e o acúmulo de líquidos”, diz a Dra. Marcella.

No entanto, caso você vá ingerir álcool, o ideal é apostar em bebidas alcoólicas que, se consumidas com moderação, trazem benefícios à saúde. “Limite o consumo diário a, no máximo, uma taça de até 150ml e opte sempre pelas variedades que apresentam funcionalidades, como o vinho tinto e seco, que é fermentado e rico em polifenóis, como o resveratrol, que são substâncias com grande poder antioxidante”, afirma a médica. A cerveja, por ser fermentada, também oferece benefícios à saúde, pois, assim como o vinho, também possui polifenóis, porém em quantidades menores. Logo, tem propriedades e funcionalidades benéficas ao organismo. “Lembrando que esses benefícios são obtidos com quantidades próximas a 300ml, uma lata, por dia e volumes maiores podem trazer malefícios que superam os efeitos positivos”, aconselha. Os destilados, por sua vez, não são fontes de polifenóis e possuem maior concentração de álcool em sua composição, o que reduz seus benefícios à saúde. “Além disso, bebidas como cachaça, vodca, whisky e tequila tendem a ser absorvidas mais rapidamente e, no geral, são mais agressivas para o fígado. Ou seja, devem ser evitadas ou limitadas a quantidades menores que uma dose diária.”

A Dra. Marcella Garcez ainda afirma que, mesmo uma eventual e pequena quantidade de qualquer tipo de bebida alcoólica deve ser acompanhada do consumo de água, pois a hidratação adequada é fundamental para manter o organismo funcionando corretamente. “A água exerce diversas atividades essenciais que garantem o funcionamento adequado do corpo humano, auxiliando, inclusive, na eliminação de toxinas. Por isso, seu consumo deve ser constante ao longo do dia”, completa. Além disso, após a ingestão de álcool, o ideal é apostar em uma alimentação leve e balanceada. “Como o fígado, que é o principal órgão responsável pela síntese de proteínas, já estará sobrecarregado na tentativa de metabolizar o álcool, o recomendado é que, depois de consumir bebidas alcoólicas, você evite alimentos pesados, como carnes vermelhas, dando preferência a carnes brancas cozidas e grelhadas, além de muita salada e fruta”, finaliza a especialista.

DRA. MARCELLA GARCEZ: Médica Nutróloga, Mestre em Ciências da Saúde pela Escola de Medicina da PUCPR, Diretora da Associação Brasileira de Nutrologia e Docente do Curso Nacional de Nutrologia da ABRAN. A médica é Membro da Câmara Técnica de Nutrologia do CRMPR, Coordenadora da Liga Acadêmica de Nutrologia do Paraná e Pesquisadora em Suplementos Alimentares no Serviço de Nutrologia do Hospital do Servidor Público de São Paulo. CRM-PR 12559 e RQE 16019.


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...:
 
https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

<::::::::::::::::::::>
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
<::::::::::::::::::::>
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar e sera atendido. -  Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
<::::::::::::::::::::>

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Ferramenta Automatizada...IMPORTANTE: COMENTÁRIOS com LINK são bloqueados automaticamente (COMMENTS with LINKS are automatically blocked.)...Sucesso!


voltar ao topo

Notícias ::

Mais Itens ::

NEWSLETTER SEGS