Brasil, 11 de Dezembro de 2019

Prato italiano, toque goiano

Divulgação Divulgação

Riqueza de sabores da cozinha italiana, a receita é original da Itália e o ingrediente é bem brasileiro. Prato servido no Festival é a prova de que a mistura de culturas de dois Países que têm algo em comum, a diversidade no uso dos frutos, legumes e vegetais

É fato, os italianos amam abóbora e esse fruto tão simples é ingrediente muito conhecido da culinária brasileira. Tradicional na Itália, a zucca (abóbora em português) é usado em muitas receitas italianas, principalmente como base de molhos e até recheios de massas, como no Tortéi de Abóbora. Prato desenvolvido exclusivamente para o Festival Italiano de nova Veneza, o spaguetti com creme de zucca trás abóbora cabotiá como protagonista e confere carga de sabor diferenciada.

Com inspiração no prato Penne Alla Mantovana, clássico da região centro oeste da Itália, o Creme de Zucca é um molho que se destaca pelo uso diferenciado da abóbora cabotiá com toque de goianidade. “O prato é uma versão adaptada. A receita original tem como ingredientes a abóbora, bacon e vinho branco”, explica a chef Vânia Maria Alves, responsável pela cozinha oficial do Festival. Segundo Vânia, a receita foi adaptada para conferir mais cremosidade e fluidez para o molho e agradar todos os paladares. “A mistura de culturas é evidente na receita que leva um pouco mais de creme de leite e o bacon aparece de duas diferentes, dentro do molho e na finalização”, explica. A estimativa é de que pelo menos 200 pratos sejam servidos na 15º Festival Italiano de Nova Veneza.

A mistura de culturas vem muito antes da italiana com a brasileira. Antes mesmo da colonização do Brasil, a abóbora era conhecida e utilizada na cultura indígena, sendo o terceiro principal cultivo dos povos indígenas, só perdendo para mandioca e o milho, segundo a pesquisadora da Embrapa, Rosa Barbieri. Levada do Brasil pelos espanhóis e portugueses, as sementes do fruto alaranjado e de sabor terroso chegou em território europeu e foi introduzido na culinária do Velho Continente.

De cá pra lá, a abóbora volta para sua terra natal pelas mãos dos italianos e alemães que trouxeram através da culinária, receitas diferenciadas com o fruto. Tal qual a música, a culinária está em constante evolução e recebe diversas inspirações e releituras.

Apreciadores de boa comida, os italianos prezam pela qualidade do alimento. Segundo a neta de italianos, Hermione Stival, a comida é orgulho e patrimônio do País. “A gastronomia se mostra como um reflexo da economia e dos hábitos de cada lugar e a cultura e é muito respeitada e celebrada”, reflete a presidente da Associação Pró-Festival Italiano de Nova Veneza (Afesti) que afirma que a festa é uma celebração à cultura italiana no Brasil.

De alto valor nutricional agregado, o fruto é um dos hortifrutigranjeiro mais acessíveis e rica em vitaminas como a do do complexo B, nutrientes que auxiliam o organismo a utilizar a glicose, ácidos graxos e aminoácidos com eficiência. Além disso, ela é fonte de minerais como cobre, cálcio, fósforo e potássio. As sementes podem ser consumidas e podem até diminuir o nível de colesterol do organismo e o fruto não se limita a pratos salgados, sendo aproveitado também em quitutes doces.

Confira a receita do Creme de Zucca

Ingredientes:
500g de pasta tipo penne
500g de abóbora cabotiá
200g de bacon
02 dente de alho picados
1 cálice de vinho branco
2 cx de creme de leite
Queijo, parmesão, alho e sal

Preparo:
Cozinhar a abóbora e cortar em cubos
Em uma frigideira aquecer o óleo e fritar o bacon e o alho
Acrescentar a abóbora e o vinho
Deixar cozinhar por 5 minutos e corrigir o sal
Retirar do fogo e passar no liquidificador
Juntar a massa previamente cozida
Para finalizar, salpique parmesão ralado por cima

Pronto e buon appetito!

Sobre o Festival Gastronômico de Nova Veneza

Em seu ano de debut, o tradicional Festival Italiano de Nova Veneza traz como tema “Pelos Sabores e Encantos da Itália” e está sendo preparada para marcar o tradicional rito de passagem para o amadurecimento. A festa será realizada entre os dias 6 e 9 de junho e promete trazer aos seus visitantes a sensação de estar dentro da Itália, mais precisamente em Veneza, cidade famosa por seus canais e gôndolas que levam turistas apaixonados. Além da atmosfera que toma conta da pequena cidade de um pouco mais de 9 mil habitantes, o festival conta com atrações típicas do país europeu, como mostras de cinema italiano e atrações musicais nos moldes da tradicional cultura.

Em 2018, 100 mil pessoas passaram pelo festival e neste ano estão previstas 120 mil visitantes nos quatro dias de Festival. Na Cantina da Nona, restaurante oficial do evento, 20 mil pratos foram servidos. Durante o evento os visitantes podem apreciar comida, música, dança, artesanato e a história dos italianos e dos imigrantes italianos no Brasil.

O Festival Italiano de Nova Veneza tem impacto direto na rotina dos moradores que participam ativamente da organização e realização da festa. De acordo com Hermione Stival, presidente da Comissão Organizadora, toda a mão de obra contratada é preferencialmente de Nova Veneza. “Buscamos valorizar nossos conterrâneos e oportunizar criação de emprego e renda extra aqui”, finaliza.


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...: https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

Separador
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
Separador
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar que voce sera atendido. - Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta totalmente automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
Separador

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Ferramenta Automatizada...IMPORTANTE: Comentários com Link são bloqueados automaticamente (Comments with Links are automatically blocked.)...Sucesso!


voltar ao topo

Notícias ::

Mais Itens ::