Brasil,

TOKIO MARINE SEGURADORA

Análise Boa Vista - Vendas no varejo restrito sobem 0,6% entre os meses de outubro e novembro, mas registram queda na comparação interanual de 4,2%

No ano, o resultado acumulado desacelerou de 2,6% para 1,9%, aponta PMC

De acordo com a Pesquisa Mensal do Comércio (PMC), do IBGE, divulgada nesta sexta-feira (14), o volume de vendas no varejo restrito subiu 0,6% em novembro na comparação mensal dos dados dessazonalizados. O resultado foi melhor que a mediana das projeções do mercado, que apontava estabilidade, e variavam de uma queda de 2,8% a uma elevação de 0,4% no período. Dentre os destaques, as vendas foram puxadas para cima, sobretudo, pelo segmento de “Super e hipermercados”, que subiu 0,8% no mês. Na contramão, “Móveis e eletrodomésticos”, “Tecidos, vestuário e calçados” e “Combustíveis e lubrificantes” apontaram queda de 2,3%, 1,9% e 1,4%, respectivamente. Por outro lado, na comparação interanual foi observada uma retração de 4,2%, que contribuiu para a desaceleração dos resultados acumulados. No ano e no acumulado em 12 meses, o crescimento passou de 2,6% para 1,9%.

A desaceleração do crescimento nas vendas varejistas já era esperada pelos economistas da Boa Vista, dado que o seu indicador de Movimento do Comércio havia registrado queda de 2,8% em novembro na comparação interanual. Dentre as razões disso, a redução da confiança observada em novembro tanto de consumidores quanto de comerciantes, e, sobretudo, a falta do auxílio emergencial, pago até o mês de outubro, pesaram sobre a decisão e sobre o orçamento das famílias. Tanto que, os consumidores se mostraram mais cautelosos durante a Black Friday e optaram mais por itens básicos, deixando um pouco de lado aqueles outros itens, costumeiramente, mais desejados e de maior valor, como aparelhos eletrônicos e eletrodomésticos.

Segundo os economistas da Boa Vista, esse cenário é um presságio dos números referentes ao mês de dezembro que ainda serão divulgados. Com inflação e juros mais elevados, menos auxílios e confiança, a tendência de desaceleração na curva de longo prazo tende a se manter, de modo que o varejo deve encerrar o ano de 2021 com crescimento próximo a 1,5%.

Sobre a Boa Vista

A Boa Vista, empresa brasileira de inteligência analítica, foi criada em 2010 a partir do SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito), o primeiro banco de dados do país, consolidando-se como referência no apoio à tomada de decisão em todas as fases do ciclo de negócio.​

É precursora do Cadastro Positivo e no propósito de incluir consumidores no mercado de crédito, apoiando-os na construção de um relacionamento sustentável com as empresas credoras, por meio da disponibilização de informações de educação financeira e serviços gratuitos em seus canais oficiais como o site www.consumidorpositivo.com.br e o app Boa Vista Consumidor Positivo.​

A empresa tem por princípio a segurança e a privacidade dos dados e suas soluções estão 100% em conformidade com a LGPD (Lei Geral de Proteção de Dados), tendo sido reconhecida como a primeira do segmento financeiro e de gestão de bancos de dados a obter a certificação ISO 27701, norma internacional referente à segurança e privacidade da informação.​

Em 2020, a Boa Vista tornou-se a primeira empresa de capital aberto em seu segmento, dando início à uma estratégia de crescimento por meio de aquisições de empresas com as mesmas características na aplicação de inteligência analítica às suas soluções, como a Acordo Certo – especialista em recuperação de crédito – ​e a Konduto, autoridade em antifraude para e-commerce e pagamentos digitais. Em 2021, também de forma pioneira, lançou o CEA (Centro de Excelência em Analytics), levando a empresa para a fronteira do conhecimento no desenvolvimento de algoritmos de alta performance.​


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...:
 
https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

<::::::::::::::::::::>
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
<::::::::::::::::::::>
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar e sera atendido. -  Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
<::::::::::::::::::::>

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Ferramenta Automatizada...IMPORTANTE: COMENTÁRIOS com LINK são bloqueados automaticamente (COMMENTS with LINKS are automatically blocked.)...Sucesso!


voltar ao topo