Brasil,

TOKIO MARINE SEGURADORA

A Transformação Digital reformulou o Comércio Exterior brasileiro?

O meio empresarial segue em constante evolução e o cenário do Comércio Exterior não é diferente, contando com medidas que fomentam a Transformação Digital e a inovação

Por Cláudia Oliveira*

O debate em torno dos impactos da tecnologia sobre a realidade operacional das empresas costuma recair na Transformação Digital e seus mais diversos braços inovadores. Não há como negar a relevância do assunto, na medida em que a tecnologia é parte crucial de empresas cada vez mais digitalizadas, com ganhos de eficiência e competitividade que mostram toda a relevância de se investir em inovação.

Mas como o assunto impacta no Comércio Exterior? Certamente, a importância é a mesma e, em alguns casos, até maior. Afinal, dentro de um contexto de aprimoramento contínuo, é praticamente impossível acompanhar essa reformulação sem o suporte de soluções tecnológicas. No Brasil, por exemplo, a relação de empresas do setor com o Governo Federal se encontra em estágio dinâmico de modernização.

Simplificação é tendência no Comércio Exterior

Por muito tempo, companhias que lidam com processos aduaneiros enfrentaram situações adversas, devido a inúmeros entraves operacionais, desperdício de tempo hábil, excesso de burocracia, entre outros pontos que, historicamente, sempre dificultaram a vida dessas empresas. Há alguns anos, as autoridades responsáveis e os próprios gestores têm se movimentado para que o quadro fosse amenizado, oferecendo novas oportunidades de se potencializar a eficiência e a competitividade dos processos. Agora, o cenário para as importadoras e exportadoras é de evolução.

Levando em consideração o âmbito governamental, iniciativas voltadas para ferramentas simplificadoras, que têm pautado a criação de programas interessantes para o ecossistema nacional, podem ser destacadas. Fato é que essas medidas continuarão a surgir, com formatos e atualizações que exigem uma estrutura consolidada no que diz respeito à tecnologia.

A simplificação do Comércio Exterior pode ser refletida em mudanças específicas. A ideia central é, sem dúvidas, facilitar a vida dos que compõem um dos polos econômicos mais importantes em nosso país. Algumas tendências:

Dados concedidos em um canal unificado;
Comunicação direta e transparente;
Programas digitais que proporcionem mais agilidade à rotina dos procedimentos, liberando os profissionais para atividades de cunho estratégico.

Sobre a discussão acerca da transformação digital do Comex brasileiro, é preponderante partirmos do princípio que rege ações com a finalidade de simplificar etapas e trazer ganhos produtivos indispensáveis para companhias inseridas na modernização do setor.

Uso dos dados e o Compliance no Comércio Exterior

Atualmente, os dados são objetos que protagonizam a procura por soluções de automação por parte das empresas. Seguindo essa tendência que se justifica na prática, a Lei Geral de Proteção de Dados teve sua vigência aplicada, demandando garantias de que os dados sejam tratados sob preceitos de transparência, privacidade e consentimento. Isso também se aplica a exportadoras e importadoras.

Logo, a implementação de novas tecnologias, especialmente no que tange o fluxo informacional, faz com que lideranças corporativas encontrem na automatização de processos uma ótima possibilidade estratégica, de readequar colaboradores e depositar as informações disponíveis em um ambiente seguro e funcional, com agilidade para acompanhar o dinamismo do mercado. Essa solução é uma realidade inadiável e, para se ter uma ideia, de acordo com uma projeção do Gartner, 90% das grandes empresas no mundo todo poderão adotar a automação de processos robóticos de alguma forma até 2022.

Para empresas que lidam com o dia a dia do Comércio Exterior, não é novidade se deparar com um quadro caótico de informações repassadas, mesmo em frente à simplificação proposta pelo Governo Federal. Ainda é comum observar diversas fontes de dados, assim como inúmeros destinatários, condições problemáticas que travam processos e, consequentemente, diminuem a competitividade.

Quanto ao Compliance, os motivos para se abraçar a tecnologia no âmbito interno são numerosos. Não é concebível estabelecer um parâmetro positivo de eficiência processual se essas operações não estão resguardadas legalmente, respeitando questões sensíveis, como a integridade dos dados citada acima.

Um sistema automatizado serve como ponto de partida ideal para que mudanças legais e tributárias sejam contempladas, o que também contribui para um planejamento tributário muito mais efetivo e próximo à realidade. Anualmente, modificações relacionadas a prazos, datas, entre outras informações fiscais são realizadas junto aos órgãos responsáveis. No intuito de se manter em harmonia com a legislação vigente, a presença digital é determinante.

A Transformação Digital como grande aliada

Por mais que o caminho rumo à Transformação Digital seja bastante amplo e complexo, o objetivo final é parecido entre o meio empresarial: atingir níveis elevados de competitividade, de maneira escalável e que não provoque gastos exorbitantes. Claro, toda e qualquer análise relacionada à adesão sobre tecnologias inovadoras deve considerar particularidades corporativas. Nenhuma empresa é similar à outra, e isso não pode ser encarado como algo negativo. O elemento da inovação, além de positivo, também é diversificado, a fim de corresponder organizações de todos os tamanhos e segmentos.

Em suma, dizer que a Transformação Digital tem reformulado o Comércio Exterior é ter como parâmetro um fato comprovado frequentemente no cotidiano empresarial. Mais do que isso, um sinal claro de que os tempos mudaram; e o Comex não poderia ficar de fora desse fenômeno global.

*Cláudia Oliveira é COO da eCOMEX NSI, com MBA em Marketing pela Fundação Getúlio Vargas e MIT em Gestão de Tecnologia da Informação pela FIAP.

Sobre a eCOMEX

Fundada em 1986, a NSI, agora eCOMEX, desenvolve aplicativos para otimização da gestão de processos de comércio exterior. Primeira empresa no Brasil a integrar seus aplicativos aos principais sistemas ERPs do mercado e a disponibilizar uma aplicação 100% WEB para gestão do comércio exterior. A companhia é integrante do Grupo Cassis, que conta com mais de 250 colaboradores e 3 mil clientes em todo o Brasil.


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...:
 
https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

<::::::::::::::::::::>
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
<::::::::::::::::::::>
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar e sera atendido. -  Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
<::::::::::::::::::::>

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Ferramenta Automatizada...IMPORTANTE: COMENTÁRIOS com LINK são bloqueados automaticamente (COMMENTS with LINKS are automatically blocked.)...Sucesso!


voltar ao topo