Brasil,

TOKIO MARINE SEGURADORA

Agtech capta R$ 4 milhões para se tornar opção de comercialização para pequenos produtores

  • Crédito de Imagens:Divulgação - Escrito ou enviado por  AD Comunicação & Marketing
  • Adicionar comentario
  • SEGS.com.br - Categoria: Agro
  • Imprimir

Muda Meu Mundo (MMM) usa dados ESG para resolver problemas de conexão de agricultores com supermercados, como Carrefour, GPA e Natural da Terra

O modelo de negócios da agtech Muda Meu Mundo (MMM) tem chamado cada vez mais atenção. Tanto é que, entre dezembro de 2021 e abril de 2022, o número de agricultores cadastrados na plataforma triplicou, chegando a 400 produtores – com expectativa de alcançar 600 até o fim de agosto. Dessa quantidade, 80% são provenientes do estado de São Paulo e 20% estão no Ceará.

Um dos motivos para a empresa estar em destaque é a geração de dados de ESG – Governança Ambiental, Social e Corporativa. Eles são responsáveis pela transparência na relação comercial com o varejo e são usados como reforço para o impacto a ser gerado com os produtores.

“Foi analisando os dados ESG de nossa plataforma que entendemos que precisaríamos ir além da simples comercialização com o agricultor. Hoje, oferecemos emissão de Nota Fiscal, adiantamento de recebíveis, assistência técnica em qualidade e agricultura regenerativa, bem como microcrédito e logística. Nosso objetivo é ser a principal opção de comercialização e segurança para os mais de 3 milhões de pequenos produtores no Brasil”, diz Priscilla Veras, fundadora e CEO da startup.

Essa mesma inovação ultrapassa o campo e atrai investimentos. Recentemente, a MMM captou R$ 4 milhões em uma rodada pré-seed. O capital será usado para ampliar a operação de forma sólida. O objetivo é criar um modelo viável da operação, que possa ser replicável e escalável já no próximo ano.

Entre os principais investidores da empresa estão Eduardo Mufarej, Pedro Paulo Diniz e Ticiana Rolim Queiroz. Também é possível citar os fundos AgroVen, Bossa Nova, Sororitê e Squared Venture.

“Nesta rodada, queríamos trazer pessoas que poderiam contribuir com nosso crescimento. E, por isso, temos muito orgulho de ter em nosso conselho pessoas como Silvio Meira, André Fachetti, Erica Stul, José Calasans e Marcos Pedote. Cada um traz conhecimento em áreas específicas, como tecnologia, fintech, varejo, impacto e estratégia. Além de termos fundos totalmente femininos e fundos que, assim como nós, nasceram no Nordeste”, comenta Priscilla.

Core Business

Referência no agronegócio e voltada para empresas que querem melhorar aspectos de ESG, a Muda Meu Mundo tem o propósito de conectar pequenos produtores rurais diretamente a supermercados e startups, sem intermediários. Seu objetivo é criar uma cadeia de suprimento de alimentação sustentável e transparente, fazendo com que o varejo gere valor para o campo, encurtando elos e agregando mais receita a ambas as pontas.

Na prática, a tecnologia analisa seu banco de dados para realizar a melhor combinação entre as necessidades da rede varejista e o produtor que pode atendê-las de forma contínua. E mais: ainda trabalha com um prazo de entrega de até 12 horas, reduzindo, assim, o desperdício de alimentos de 30% para menos de 3% ao mês.

Também é válido destacar que é uma solução do tipo White Label. Isso significa que qualquer empresa que venda para clientes finais consegue usar a tecnologia para se conectar diretamente com produtores e, com isso, trazer mais eficiência, praticidade e transparência à cadeia produtiva. A companhia ainda recebe relatórios ESG a cada trimestre, que indicam o impacto positivo provocado pela conexão e de que forma está sendo cumprido cada Objetivo de Desenvolvimento Sustentável (ODS) estabelecido pela Organização das Nações Unidas (ONU).

Os produtos comercializados, por sua vez, chegam às gôndolas com um QR Code, que informa ao consumidor dados como agricultor, método de produção e imagens. Atualmente, são mais de 200 produtos cadastrados na plataforma e, em média, 103 SKUs comercializados diariamente.

Entre os grandes varejistas que já aderiram à solução da MMM estão Carrefour, GPA (Compre Bem, Extra, Pão de Açúcar), St Marche, Mercadinhos São Luiz, Natural da Terra e Supermercado Pinheiro. Também é possível citar as startups Frubana e Jüsto.

“Uma empresa que quer fazer o bem e trazer mudanças para sociedade e meio ambiente, conseguindo ampliar seu alcance e manter uma equipe de primeira qualidade. É isso que almejo para a Muda Meu Mundo, que continue crescendo de forma sustentável e com ótimas pessoas, para que seu impacto seja o maior e o mais duradouro possível”, destaca o investidor-anjo José Calasans.

Sobre a Muda Meu Mundo (MMM)

A Muda Meu Mundo (MMM) é um marketplace B2B que conecta o pequeno agricultor a grandes varejistas e startups por meio de inteligência de dados. Seu objetivo é tornar a cadeia de distribuição mais justa e com impacto positivo de ponta a ponta, além de diminuir o tempo de entrega de alimentos frescos para até 12 horas.

A empresa atua no mercado desde 2019 e é comandada por Priscila Veras, nordestina eleita pela Forbes como uma das 20 mulheres mais inovadoras em agtechs do País, e Laís Xavier, cientista da computação que se tornou a primeira mulher presidente da Associação das Empresas Brasileiras de Tecnologia da Informação (Assespro-PE/PB).


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...:
 
https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

<::::::::::::::::::::>
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
<::::::::::::::::::::>
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar e sera atendido. -  Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
<::::::::::::::::::::>

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Ferramenta Automatizada...IMPORTANTE: COMENTÁRIOS com LINK são bloqueados automaticamente (COMMENTS with LINKS are automatically blocked.)...Sucesso!


voltar ao topo