Brasil,

TOKIO MARINE SEGURADORA

Transporte de agro e entregas são impulsionados pelo reaquecimento da economia e se tornam alvos de ladrões de cargas e assaltantes

Os roubos e furtos de caminhões em Mato Grosso aumentaram 98% em 2021 em relação a 2020, segundo dados da Secretaria Estadual de Segurança Pública (Sesp)

Para alguns setores do mercado, o período de estagnação comercial por conta da pandemia foi responsável pelo reaquecimento fora de época da economia. Empresas de transporte rodoviário de cagas tiveram um expressivo crescimento catapultado por produtos agrícolas, e-commerce, farmacêuticos, higiene e limpeza e alimentação. No entanto, aqui no Brasil, o setor de transporte de cargas rodoviárias tem pouco tempo para comemorar uma vez que seu desempenho positivo traz a preocupação do aumento de roubos de carga.

Impulsionados pela demanda gerada pela pandemia, o setor do agronegócio tem sido um dos que mais sofreram. Os roubos e furtos de caminhões em Mato Grosso aumentaram 98% em 2021 em relação a 2020, segundo dados da Secretaria Estadual de Segurança Pública (Sesp). No ano passado, foram registrados 161 roubos e 91 furtos de caminhões no estado. As cidades com os maiores índices desse tipo de crime são Cuiabá, Várzea Grande e Rondonópolis. "Com o reaquecimento da economia em 2021 por conta do agronegócio e principalmente na região de Mato Grosso, localização estratégica, os caminhões se tornaram alvos de bandidos que levam as cargas para a Bolívia e trocam por entorpecentes” – explica o comandante do Grupo Especial de Segurança na Fronteira (Gefron), Fábio Ricas

Em meio às crescentes tensões de abastecimento de fertilizantes vindos da Rússia, decorrentes da guerra na Ucrânia, as estatísticas de roubos de carga tendem a se agravar, uma vez que o volume negociado aumente por conta do receio de desabastecimento. “Geralmente, quando há preocupação de um possível risco de desabastecimento, como o que vem acontecendo agora com os fertilizantes, os produtores tendem a aumentar seus pedidos de modo a minimizarem prejuízos decorrentes de uma possível falta de estoque. Como esse tipo de produto é uma carga bastante visada, as estatísticas de roubo a cargas tendem a aumentar drasticamente” - explica Luiz Henrique Nascimento, diretor comercial da T4S Tecnologia.

Esse aumento considerável de volume transportado pelo agronegócio, gerado pela demanda emergencial de defensivos agrícolas, tende a obrigar as empresas de transportes rodoviários a partir de 2022 focar em soluções preventivas.

Com o objetivo de inovar e contribuir de forma efetiva na diminuição dos prejuízos milionários dos roubos de carga no Brasil, a T4S desenvolveu soluções tecnológicas inéditas e exclusivas. Uma delas é a Blindagem Elétrica, já consolidada e utilizada pelas maiores transportadoras do país, incluindo multinacionais.

O sistema funciona com placas energizadas colocadas em toda a parte interna do baú do caminhão, combinadas com um mix de materiais que oferecem isolamento e resistência física. Por se tratar de uma solução tecnológica com 100% de efetividade, segura para os operadores e transeuntes a Blindagem Elétrica já se encontra devidamente referenciada pelas principais Seguradoras e Gerenciadoras de Risco do país.

Totalmente desenvolvida no Brasil, suas características inovadoras e tecnologia de ponta se assemelham a de projetos de primeiro mundo:

1) Resistência física contra violações, cortes e perfurações, com o container chumbado no piso da Unidade Logística;

2) Choque Elétrico de alta potência, mas não letal, é disparado em qualquer tentativa de violação, corte ou perfuração;

3) Sensores espelhados por todo perímetro externo, provendo a visualização dos alertas de tentativa de violação em segundos e permitindo disparo de ação de Pronta Resposta imediatamente;

4) Abertura da porta apenas através de senha e contra senha fornecida pela Central de Monitoramento;

5) Software de Gestão do ativo e dos alertas inteligentes incluídos na Solução T4S.

Já os comandos remotos de ativação só podem ser executados pela Central de Monitoramento, sendo o acionamento e a desativação totalmente independentes da ação do condutor do veículo, assim como a abertura da porta apenas através de senha e contra senha fornecida pela Central. O dispositivo ainda é combinado a um sistema que, além de acionar a eletrificação, também gera o bloqueio do veículo, dificultando qualquer tentativa de deslocamento.

Além disso, a manta energizada é acompanhada do Bloqueador T4S, sistema de imobilização veicular que, além do objetivo de bloquear o veículo sem permitir sua desativação, possui um módulo rastreador próprio com todas as funcionalidades de um sistema secundário de rastreamento. Integrando, ainda, tecnologias como GPRS e Rádio Frequência de maneira inédita.

Sobre a T4S Tecnologia

Enrico Rebuzzi e Luiz Henrique Nascimento são fundadores do maior operador logístico de e-commerce no Brasil, a Direct Express/Directlog. Pela gestão de Rebuzzi e Nascimento, a Directlog se tornou líder de mercado e os executivos decidiram alçar novos voos ao investirem em conjunto com um terceiro sócio, Marcílio Machado, Consultor de TI e Engenheiro graduado pelo ITA, em um modelo de negócio ligado à tecnologia para o setor de transporte. Com uma visão empreendedora, transformaram uma das principais dificuldades do transporte de cargas em oportunidade de investimento, criando soluções para a melhoria da segurança. Assim nasceu a T4S Tecnologia, com a missão de inovar e contribuir de forma decisiva no combate aos prejuízos milionários dos roubos de carga no país.


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...:
 
https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

<::::::::::::::::::::>
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
<::::::::::::::::::::>
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar e sera atendido. -  Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
<::::::::::::::::::::>

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Ferramenta Automatizada...IMPORTANTE: COMENTÁRIOS com LINK são bloqueados automaticamente (COMMENTS with LINKS are automatically blocked.)...Sucesso!


voltar ao topo