Brasil,

Make It Bright: Estudantes da Unicamp disputam final global do programa de estágio da JTI

  • Crédito de Imagens:Divulgação - Escrito ou enviado por  Matheus Pandolfo
  • Adicionar comentario
  • SEGS.com.br - Categoria: Educação
  • Imprimir

Jovens do curso de Engenharia Mecânica concorrem a duas vagas de estágio internacional na multinacional Japan Tobacco International (JTI)

Dois estudantes da Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP) disputam nesta quinta-feira, 3 de dezembro, a final global do Make It Bright. Para chegar a essa etapa do programa de seleção de estágio da JTI, eles venceram 36 duplas em nível nacional e agora enfrentarão mais 26 equipes em nível global. Caso ganhem, poderão farão um estágio de cinco meses em um dos 400 escritórios da empresa ao redor do mundo e mais um mês atuando em um programa social da empresa.

Para participar da seleção, a dupla formada por André Carrara e André Mafei, ambos alunos do curso de Engenharia Mecânica e com 22 anos, se inscreveu em abril propondo uma ideia de como oferecer melhores opções, produtos e experiências para consumidores, colaboradores e comunidades nas quais a JTI atua. Para Mafei, a oportunidade tem proporcionado um olhar diferente sobre como propor soluções disruptivas. “A razão para eu adorar participar de competições de inovação é que elas me motivam a ir além do que já existe de mais novo num segmento por meio da tecnologia. Esse aprendizado intenso que o Make It Bright tem nos proporcionado aperfeiçoa uma visão mais rápida e criativa de resolução de problemas. E ainda temos a chance de conquistar um espaço no time da JTI internacionalmente, o que é surreal e life-changing”, afirma.

Após ser selecionada, a proposta foi aprimorada com o auxílio de uma mentoria de colaboradores da JTI e depois foi avaliada por um júri, que teve a missão de selecionar o melhor projeto para ir à disputa global. “Fazer parte dessa experiência tem sido um desafio incrível e muito interessante. Ter esse suporte dos profissionais da JTI tem nos auxiliado a dar o nosso melhor. É muito evidente a evolução do projeto, que temos trabalhado há quase sete meses, mas também do desenvolvimento pessoal, profissional, de nossas habilidades, mentalidade e técnica”, ressalta Carrara.

Segundo Caren Morais, especialista em Gestão de talentos e Employer Branding da JTI, o programa de seleção possibilita aos jovens vivenciarem uma experiência de trabalho real em uma grande organização. “Esse é um programa diferenciado, pois possibilita a formação e o desenvolvimento de habilidades. Dessa forma, podem vislumbrar oportunidades de carreira enquanto passam por uma vivência de desenvolvimento de projeto, apresentação e avaliação”, afirma. E destaca que na final global os jovens apresentarão os projetos ao time de executivos da organização.

Mafei ressalta que representar o Brasil na competição é motivo de orgulho. “Fomos selecionados como a melhor dupla do país e isso foi um reconhecimento muito especial. Depois de várias competições de que participei, essa é a primeira vez que chego ao primeiro lugar. Aliado a toda dedicação dos nossos mentores que ‘vestiram a nossa camisa’ e nos ajudaram e torceram muito pela nossa ideia, isso vem fazendo com que toda a experiência esteja sendo fantástica”, afirma. Já Carrara destaca a expectativa com a chegada do dia da apresentação. “É alta. Estou muito feliz de poder participar dessa seleção, representar o Brasil e também ansioso e otimista com a final. Além de também estar aguardando para ver as visões de pessoas de outros países que tiveram outras ideias, outras soluções e outros projetos para o mesmo desafio”, afirma.

A final global do Make It Bright será realizada de maneira on-line no dia 3 de dezembro. Nela, Mafei e Carrara vão interagir com os participantes de outras nacionalidades do Make It Bright e com executivos globais da JTI. Caso cheguem ao Top 5 da competição, eles ganharão o curso Top Skills na Royal Academy Of Dramatic Art de Londres, além da passagem e acomodação. Já se vencerem a competição, farão um estágio internacional de 5 meses em um dos 400 escritórios da empresa, além de atuarem por um mês em um projeto social. As inscrições para a próxima edição do programa devem abrir em março de 2021.

Imersão virtual

Realizado de maneira presencial em suas três edições nacionais até aqui, a seleção do Make It Bright de 2020 precisou passar por adaptações durante a pandemia do coronavírus. Tanto a divulgação, quanto mentorias e a viagem internacional precisaram ser replanejadas. “Este foi um ano bem atípico, tivemos que mudar todo o planejamento para proporcionar uma experiência virtual positiva e lidar com um cenário de incertezas. Contudo, chegamos ao final com um saldo muito positivo, com o triplo de participantes inscritos, mesmo com divulgação exclusivamente via redes sociais, e com aprendizados que vão nos ajudar aperfeiçoar a experiência para os próximos anos”, afirma Caren.

Outras mudanças também foram necessárias para garantir uma competição justa entre os competidores. Por exemplo, a empresa colocou à disposição computadores, cadeiras e outros materiais de escritório para os inscritos. Já para auxiliar os participantes a se sentirem imersos na JTI a aposta foi o acolhimento e a tecnologia. “Ao longo do processo enviamos presentes aos participantes, como cestas de café da manhã e alguns brindes. Nossos times de mentores também estiveram à disposição para auxiliá-los ao longo do processo, realizaram reuniões virtuais, encontros e debates. Além disso, utilizamos realidade virtual para ‘levá-los’ até a nossa sede global em Genebra”, destaca Caren.

Aos participantes, o esforço da organização valeu a pena. “É claro que havia a expectativa de participar da final de forma presencial, mas o momento não é esse. Acho que a JTI está conseguindo fazer com que a gente sinta a atmosfera da final, mandaram presentes, pudemos trocar experiências com as equipes e pessoas ao redor do mundo. Está sendo uma experiência de sucesso”, destaca Carrara.

Employer Branding

Reconhecida globalmente como Top Employer desde 2014, a JTI é uma empresa comprometida com seus 44 mil colaboradores. Investe para ter um ambiente acolhedor, que respeita a diversidade de pessoas, opiniões e comportamentos. Investe também no desenvolvimento de pessoas, promovendo oportunidades e experiências que proporcionam uma carreira rica em aprendizado, conhecimento e sucesso. No Brasil, a JTI é Top Employer desde 2018.

Sobre a JTI

A Japan Tobacco International (JTI) é uma empresa internacional líder em tabaco e vaping, com operações em mais de 130 países. É proprietária global de Winston, segunda marca mais vendida do mundo, e de Camel fora dos EUA. Outras marcas globais incluem Mevius e LD. Também um dos principais players no mercado internacional de vaping e tabaco aquecido com as marcas Logic e Ploom. Com sede em Genebra, na Suíça, emprega mais de 44 mil pessoas e foi premiada com o Global Top Employer por cinco anos consecutivos. A JTI é membro do Japan Tobacco Group of Companies.

No Brasil, são mais de mil colaboradores em 10 Estados além do Distrito Federal. A operação contempla a produção de tabaco – por meio de 11 mil produtores integrados no Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná – compra, processamento e exportação de tabaco, fabricação, venda e distribuição de cigarros mais de 20 Estados do Brasil. As marcas comercializadas são Djarum, Winston e Camel, essa última também exportada para a Bolívia. Em 2018, 2019 e 2020, a JTI foi reconhecida como Top Employer Brasil.


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...:
 
https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

<::::::::::::::::::::>
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
<::::::::::::::::::::>
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar e sera atendido. -  Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
<::::::::::::::::::::>

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Ferramenta Automatizada...IMPORTANTE: COMENTÁRIOS com LINK são bloqueados automaticamente (COMMENTS with LINKS are automatically blocked.)...Sucesso!


voltar ao topo