Brasil,

Saiba como conversar com crianças sobre dinheiro

Pexels Pexels

Como falar de dinheiro com crianças

Educar as crianças a respeito do dinheiro é algo que envolve três valores essenciais: paciência, definição de prioridades e propósitos. Isso, aliás, é algo que deve fazer parte da rotina de qualquer pessoa, não apenas das mais novas, mas são justamente estas que tendem a ter melhores resultados com esse aprendizado.

As crianças têm mais tempo a seu favor, o que permite usarem melhor os juros compostos aumentando as chances de retorno.

Como falar de dinheiro com crianças

Primeiro, é preciso que as crianças aprendam o que é o dinheiro. Entendendo que ele nada mais é do que um mecanismo de troca, fica mais fácil ensinar que existem formas de obtê-lo. Essa é uma noção básica que ajuda a gerar uma compreensão de que para ter o que quer a pessoa precisa oferecer algo.

Uma maneira de simplificar esse aprendizado é trabalhando com o conhecido “cofrinho”. A ideia é que o acúmulo não se dê apenas para que a criança junte dinheiro, mas sim para que tenha como alcançar um objetivo.

Por exemplo, para ter o brinquedo que deseja, a criança precisa aprender a ter disciplina e paciência, o que será importante no futuro, quando estiver investindo em uma estratégia de longo prazo.

Como associar dinheiro a trabalho

Nessa lógica, a criança tende a começar a compreender a dinâmica de algo que é fundamental na sociedade em que vivemos: o trabalho, afinal, é por meio dele que é possível alcançar os objetivos.

Os pais podem ajudar, atrelando o trabalho a valores como o propósito. Crianças que crescem acreditando que o trabalho é somente uma maneira de ganhar dinheiro podem se tornar adultos frustrados por fazerem aquilo que não gostam, entretanto, se aprenderem desde cedo que o trabalho pode ser a venda do seu tempo para a resolução de determinada dor de outra pessoa, então elas podem crescer sabendo que é possível ganhar dinheiro exercendo atividades com as quais se identificam.

A função dos pais no educação financeira infantil

Cabe aos pais dar a devida orientação a respeito do que as crianças encontrarão pela frente, visando simplificar sua trajetória nos próximos anos. Pensando na lógica da educação financeira para crianças, não é necessário um aprofundamento maior em relação a formas de se ganhar dinheiro, principalmente em uma fase ainda muito nova da vida dos pequenos.

Entretanto, o ideal é que os pais atuem de maneira racional, mostrando o que dinheiro realmente é e de que formas ele pode ser conquistado, sem criar na mente da criança uma ideia ilusória, seja de que é necessário fazer qualquer coisa para ter muito dinheiro, seja de que o sucesso financeiro é algo inalcançável.

O caminho começa com o diálogo e o entendimento, por parte dos próprios pais, a respeito de como o sistema financeiro funciona e que o tempo é aliado de quem se organiza no longo prazo.

A hora de certa de começar a falar sobre o assunto

Assim que as crianças começarem a dar sinais de que já podem assimilar esse tipo informação, os pais podem introduzir conceitos como o de investimentos como a poupança. A partir dos 3 anos, as atividades lúdicas podem ser inseridas na rotina infantil. Jogos que sutilmente abordem o tema da poupança e da dinâmica por trás do dinheiro, são recomendados. Já a partir dos 10 anos, as crianças podem ter contas específicas com cartão de débito nos bancos.

Vale a pena conferir as diferentes soluções que as instituições financeiras oferecem para quem tem menos de 18 anos. O mercado já se prepara para a nova geração de investidores por vir. Há corretoras, como a Genial Investimentos, que zerou as taxas de corretagem e de custódia para menores de 18 anos.

Essa é uma oportunidade que torna ainda mais vantajoso o ingresso do investidor jovem nesse mercado. Pagando menos tributos, a rentabilidade dos ativos tende a ser maior, o que faz com que os resultados sejam mais interessantes.


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...:
 
https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

<::::::::::::::::::::>
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
<::::::::::::::::::::>
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar e sera atendido. -  Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
<::::::::::::::::::::>

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Ferramenta Automatizada...IMPORTANTE: COMENTÁRIOS com LINK são bloqueados automaticamente (COMMENTS with LINKS are automatically blocked.)...Sucesso!


voltar ao topo