Brasil,

Café da manhã: por que não pular a primeira refeição do dia?

Café da manhã: por que não pular a primeira refeição do dia?

Preferir alimentos ricos em nutrientes faz toda a diferença, pois serão fonte de energia depois de horas de sono

Ainda durante a infância, muitos escutam que o café da manhã está entre as refeições mais importantes do dia. E não é para menos, já que, inclusive durante o sono, o corpo consome – em média – 50 calorias por hora. Assim, por ser a primeira fonte de energia no dia, dedicar um tempo e escolher os alimentos corretos para essa refeição é essencial, mesmo com uma rotina corrida.

Muito mais que apenas um café, priorizar comidas ricas em vitaminas e sais minerais pode contribuir para a harmonia do organismo, bem como ajudar na concentração, disposição e atenção nos trabalhos que virão.

Assim, diversas são as razões para não pular a refeição e ir direto para o almoço. A alteração na glicemia, que causa mal-estar; e a sensação de cansaço, mesmo após horas de sono, são consideradas as principais. Outro aspecto importante está no fato de que evitar o desjejum pode aumentar a ansiedade, provocando fome ou desejo por alimentos calóricos que não trazem saciedade.

Adaptação à rotina

Pensando no café da manhã, a RisoVita – uma marca de saudabilidade da Fumacense Alimentos – tem se mostrado uma ótima opção àqueles que desejam algo prático, leve, saboroso e nutritivo.

Seja com as bebidas vegetais ou com as farinhas para pães e bolos – todos à base de arroz –, os produtos da RisoVita se adequam às necessidades e desejos dos consumidores, conforme o diretor executivo do Grupo EZOS – do qual a Fumacense Alimentos faz parte –, Ricardo Regado, porque são hipoalergênicos e veganos.

Com isso, possibilitam o consumo também para pessoas com alergia à proteína do leite (APLV), intolerância a lactose e ao glúten ou alguma outra dieta restritiva.

Tendo em vista que cada indivíduo possui uma rotina diferente, selecionar os alimentos que conversem com o estilo de vida também facilita no momento de pensar nessa primeira refeição. “Quem deseja praticar alguma atividade física logo cedo, por exemplo, pode agregar alguma fruta à bebida vegetal e fazer um smoothie ou vitamina”, explica Regado.

Já algumas pessoas não abrem mão de um bolo ou uma fatia de pão pela manhã. Nesse cenário, as misturas para pães e bolos à base de arroz se mostram uma boa opção, principalmente para pessoas celíacas. “Além disso, o preparo se torna muito mais rápido, já que a maioria dos ingredientes se encontram dentro do próprio pacote”, afirma o diretor executivo do Grupo EZOS.

Sobre a RisoVita

Fruto da inovação e diversificação, a RisoVita surgiu no ano de 2014 por conta da grande visão de futuro e vasta experiência no beneficiamento e produção de arroz da empresa Fumacense Alimentos. Aliada à tecnologia europeia de ponta e equipamentos modernos, a marca tornou-se pioneira na América Latina com o início da produção de bebidas vegetais à base de arroz.

Com produtos nacionais e de excelente qualidade, os alimentos são produzidos a partir dos grãos deste cereal. Devido a crescente procura por alimentação saudável, a RisoVita aumentou seu mix de produtos e hoje encontram-se disponíveis as bebidas vegetais líquidas e em pó, farinhas de arroz e misturas para pães e bolos.

Em 2021, com o intuito de oferecer um produto ainda mais saudável para seus consumidores, a RisoVita lançou a sua primeira linha orgânica. Os primeiros produtos disponibilizados nas prateleiras dos supermercados foram a farinha de arroz e a bebida vegetal à base de arroz nos sabores original e de coco. Os novos alimentos não possuem nenhum aditivo químico, encaixando-os perfeitamente na categoria Clean Label e Plant-Based.

Juntamente com o Criciúma Shopping, a Mark At Place e a JS Empreendimentos, a Fumacense Alimentos – com as marcas Kiarroz e RisoVita – faz parte do Grupo EZOS, um grupo econômico lançado em 2020 com um sistema de gestão inovador, por conta da criação do primeiro Centro de Serviços Compartilhados do Sul catarinense.


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...:
 
https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

<::::::::::::::::::::>
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
<::::::::::::::::::::>
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar e sera atendido. -  Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
<::::::::::::::::::::>

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Ferramenta Automatizada...IMPORTANTE: COMENTÁRIOS com LINK são bloqueados automaticamente (COMMENTS with LINKS are automatically blocked.)...Sucesso!


voltar ao topo