Brasil,

Concha Y Toro lidera o ranking de vinhos importados no Brasil

Vinhedo Don Melchor, Puente Alto, ícone da Concha Y Toro - Divulgação Vinhedo Don Melchor, Puente Alto, ícone da Concha Y Toro - Divulgação

Na análise da Ideal Consulting, leva-se em conta as performances de um único distribuidor e não são considerados os números de empresas que mantêm suas operações de importação separadas.

A Concha Y Toro, principal produtora de vinhos da América Latina, presente em mais de 130 países manteve em 2021 a liderança na importação de vinhos no Brasil, fato que ocorre sucessivamente desde 2011, segundo a Ideal Consulting. Nessa quinta-feira, dia 3, em evento no MAM, a VCT Brasil – braço da gigante chilena no país - recebe da Ideal Consulting prêmio por manter-se na posição de líder neste segmento e por sua sólida atuação no mercado há mais de uma década. As importações da Viña totalizaram US$ 41.717.743,2 milhões de dólares – crescimento de 8,9% ante 2020. No mesmo período de 2021, segundo os dados lidos pela consultoria Nielsen que audita as vendas do varejo, a CyT apresentou recorde histórico de market share com 16,6% de participação, 10,4 pontos a mais que o segundo colocado, em vinhos importados.

Na análise da Ideal Consulting, que leva em conta as performances de um único distribuidor – ou seja, não são considerados os números de empresas que fizeram fusões e aquisições recentes e que mantêm suas operações de importação separadas, a Concha Y Toro mantém-se líder absoluta de mercado, fruto de sua constante evolução, ao trazer a cada ano, rótulos que atendem à diferentes categorias do mercado, desde o consagrado Reservado Concha y Toro, porta de entrada ao vinho importado e que vende mais de 18 milhões de garrafas no Brasil, passando por Casillero Del Diablo, a marca mais poderosa do nosso país e América Latina, até Don Melchor que está entre os melhores Cabernet Sauvignon do mundo.

Segundo Felipe Galtaroça, CEO da Ideal Consulting, essa supremacia da Concha Y Toro no mercado de importação deve-se à sua capacidade de criar conversas assertivas sobre cada rótulo junto a compradores de diferentes categorias. Assim, a mensagem para o iniciante terá um tom de voz específico, evoluindo com “falas” mais técnicas e elaboradas sobre o universo do vinho, para os iniciados. “Essa capacidade de traduzir e perceber as várias aspirações dos consumidores em suas respectivas categorias e os momentos de consumo assertivos para oferecer os vinhos de seu portfólio, são estratégicas para a manutenção da liderança da companhia no mercado de importação”, diz Galtaroça.

“A Concha Y Toro é mestre em falar a linguagem de suas marcas, e traduzi-las para seus públicos de maneira assertiva e estratégica. Além disso, é uma companhia criadora de tendências e uma das pioneiras na importação de vinhos para o Brasil. Soube surfar nas diferentes ondas do vinho e com isso, tem um indiscutível peso e expertise no conjunto de sua operação, o que nos permite uma grande visibilidade dado à versatilidade de nosso portfólio”, comenta Mauricio Cordero, CEO da VCT no Brasil. Segundo Cordero, o Brasil está entre os mercados que recebem maior foco, investimento e atenção de todo o grupo. Isto se reflete nos números que o mercado brasileiro tem apresentado, com crescimento de duplo dígito nos últimos anos. Hoje o país é o 4º maior mercado da Viña Concha y Toro em valor de vendas em todo o mundo, atrás apenas de Inglaterra, Estados Unidos e Chile

Vinho foi a bebida da pandemia, e a Concha y Toro soube aproveitar este “momentum” ao criar uma plataforma de EAD com sommeliers explicando sobre diferentes cepas e rótulos. Essa onda provocou crescimento do consumo de vinhos no país acima de 30% em 2020, fato que se prolongou ao longo de 2021, ano em que houve uma pequena redução. Mas 2022, segundo os prognósticos da Ideal Consulting, será um cenário desafiador, exigindo dos importadores uma adequação ao mercado. “As pessoas voltaram a sair, a sociedade retoma sua rotina e os hábitos voltam ao patamar anterior, porém em um cenário de inflação, crises geopolíticas mundiais que afetam os mercados e uma economia ainda debilitada, fato que pode vir a inibir o consumo. Mas em 2023 e 2024 devemos voltar a crescer”, comenta Galtaroça.

Para Pietro Capuzzi, Head de Marketing da VCT, estes desafios serão encarados com a serenidade e confiança que uma gigante como Concha Y Toro permite ter. “Continuaremos a investir forte no desenvolvimento de nossas marcas e consequentemente no crescimento do mercado de vinhos importados no Brasil, Teremos lançamentos em diversas categorias em nosso portfólio, um novo momento voltado ao comércio eletrônico com experiências de consumo voltadas a públicos super premium, além da continuidade de nosso relacionamento com clientes em todo o Brasil. Como vinícola líder de mercado, a Concha y Toro tem e teve um papel fundamental no desenvolvimento da categoria de vinhos no país. Através de seu extenso e completo portfólio, a empresa sempre conseguiu atender diferentes públicos e apresentar o mundo do vinho aos brasileiros. A estratégia do grupo é muito clara: o desenvolvimento de marcas fortes e valiosas, no segmento Premium e superior”, disse Capuzzi.


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...:
 
https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

<::::::::::::::::::::>
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
<::::::::::::::::::::>
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar e sera atendido. -  Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
<::::::::::::::::::::>

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Ferramenta Automatizada...IMPORTANTE: COMENTÁRIOS com LINK são bloqueados automaticamente (COMMENTS with LINKS are automatically blocked.)...Sucesso!


voltar ao topo