Brasil,

Jundiaí é palco de intervenção audiovisual da São Paulo Companhia de Dança

Curta-metragem gravado no Jardim Botânico da cidade está disponível no gratuitamente de modo virtual

A São Paulo Companhia de Dança (SPCD), corpo artístico da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Governo do Estado, gerida pela Associação Pró-Dança e dirigida por Inês Bogéa, lança o novo episódio da websérie SPCD na Estrada, desta vez em homenagem à cidade paulista de Jundiaí. O curta-metragem está disponível, de modo gratuito, nos canais da SPCD no Facebook (www.facebook.com/spciadedanca/videos/158815223073418), Instagram (www.instagram.com/p/CULbu9hrKmh/) e YouTube (www.youtube.com/watch?v=axVtfxkrvNs).

O cenário desta intervenção dançante é o Jardim Botânico de Jundiaí, patrimônio ambiental que abriga vegetação da Mata Atlântica e do Cerrado, incluindo espécies em extinção como o cedro-rosa, jequitibá-rosa e palmito-juçara, em uma área de 150 mil m². No vídeo, os bailarinos Carolina Pegurelli e Vinícius Viera dançam trecho de Giselle – Ato II (2021), versão de Lars Van Cauwenbergh para este clássico do balé romântico criado originalmente por Jules Perrot (1810-1892) e Jean Coralli (1779-1854). Em setembro, o segundo ato estreou durante a Temporada da Companhia no Teatro Sérgio Cardoso, em São Paulo/SP.

Com trilha sonora original composta por André Mehmari e direção de vídeo de Alexandre Cruz e Inês Bogéa, a websérie SPCD na Estrada propõe um novo olhar para cartões postais do Estado de São Paulo a partir do diálogo desses espaços com a dança. A cada novo episódio, os bailarinos dialogam com a arquitetura e a história desses locais interpretando trechos de obras do repertório da Companhia. O projeto já visitou as cidades de São Paulo, Botucatu, Bauru, Araras, Piracicaba, Salto, Campos do Jordão e São Vicente.

“Um dos compromissos constantes da São Paulo Companhia de Dança é difundir a arte da dança para todos os públicos do Estado de São Paulo por meio de ações educativas, de preservação da memória da dança e, principalmente, de apresentações de espetáculos. A websérie SPCD na Estrada vem para instigar as pessoas a redescobrirem espaços singulares de suas cidades a partir da dança, além de ser uma forma de a Companhia retribuir todo o carinho com o qual o público do Estado recebe nossa equipe nas turnês”, explica Inês Bogéa, diretora artística e executiva da SPCD.

Os episódios do SPCD na Estrada integram as ações do selo #SPCDdigital. A exibição acontece nos canais da Companhia no YouTube (São Paulo Companhia de Dança), no Facebook (@spciadedanca), no Instagram (@saopaulociadedanca), no Twitter (@spciadedanca) e no LinkedIn (@sao-paulo-companhia-de-dança).

SÃO PAULO COMPANHIA DE DANÇA

Direção Artística e Executiva | Inês Bogéa

Criada em janeiro de 2008, a São Paulo Companhia de Dança (SPCD) é um corpo artístico da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Governo do Estado de São Paulo, gerida pela Associação Pró-Dança e dirigida por Inês Bogéa, doutora em Artes, bailarina, documentarista e escritora. A São Paulo é uma Companhia de repertório, ou seja, realiza montagens de excelência artística, que incluem trabalhos dos séculos XIX, XX e XXI de grandes peças clássicas e modernas a obras contemporâneas, especialmente criadas por coreógrafos nacionais e internacionais. A difusão da dança, produção e circulação de espetáculos é o núcleo principal de seu trabalho. A SPCD apresenta espetáculos de dança no Estado de São Paulo, no Brasil e no exterior e é hoje considerada uma das mais importantes companhias de dança da América Latina pela crítica especializada. Desde sua criação, já foi assistida por um público superior a 764 mil pessoas em 17 diferentes países, passando por cerca de 145 cidades em mais de 1.000 apresentações e acumulando mais de 30 prêmios nacionais e internacionais. Além da Difusão e Circulação de Espetáculos, a SPCD tem mais duas vertentes de ação: os Programas Educativos e de Sensibilização de Plateia e Registro e Memória da Dança.

INÊS BOGÉA - Direção Artística e Executiva | Inês Bogéa é doutora em Artes (Unicamp, 2007), bailarina, documentarista, escritora, professora nos cursos de especialização Arte na Educação: Teoria e Prática da Universidade de São Paulo (USP) e Pós-Graduação em Linguagem e Poética da Dança: Documentário, Memória e Dança da Universidade Regional de Blumenau (FURB) em parceria com a Fundação Fritz Muller (FFM). É autora do “Por Dentro da Dança” com a São Paulo Companhia de Dança na Rádio CBN. De 1989 a 2001, foi bailarina do Grupo Corpo (Belo Horizonte). Foi crítica de dança da Folha de S. Paulo de 2001 a 2007 e integrou o júri técnico/crítico do quadro Dança dos Famosos do programa Domingão do Faustão/TV Globo de 2016 a 2021. É autora de diversos livros infantis e organizadora de vários livros. Na área de arte-educação foi consultora da Escola de Teatro e Dança Fafi (2003-2004) e consultora do Programa Fábricas de Cultura da Secretaria de Cultura do Estado (2007-2008). É autora de mais de quarenta documentários sobre dança.


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...:
 
https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

<::::::::::::::::::::>
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
<::::::::::::::::::::>
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar e sera atendido. -  Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
<::::::::::::::::::::>

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Ferramenta Automatizada...IMPORTANTE: COMENTÁRIOS com LINK são bloqueados automaticamente (COMMENTS with LINKS are automatically blocked.)...Sucesso!


voltar ao topo