Brasil,

Bloomberg revela os primeiros vencedores do Hackathon no Brasil

Alunos são reconhecidos pela inovação com BQuant e Python

Bloomberg premia doações para instituições de caridade selecionadas

A Bloomberg anunciou no último dia 19 os vencedores de seu primeiro Hackathon brasileiro, que testou a criatividade de estudantes universitários nas mesmas linguagens de computador e fórmulas usadas por profissionais financeiros.

Alunos de nove universidades fizeram os cursos online da Bloomberg para aprender como usar o BQuant, a plataforma de desenvolvimento interativa da empresa que permite aos usuários analisar dados financeiros rapidamente. O BQuant se integra com o Terminal Bloomberg e os serviços de dados, como BQL, junto com as bibliotecas Python de código aberto. A plataforma é projetada para usuários quantitativos que desejam avaliar hipóteses, criar visualizações interativas e compartilhá-las com outros usuários da Bloomberg.

Os alunos foram desafiados a desenvolver aplicativos que pudessem ser usados por profissionais de gerenciamento de ativos para resolver problemas reais do mercado. Eles receberam orientação e apoio de Gustavo Soares, profissional quantitativo, e de especialistas da Bloomberg, Giant Steps Capital e Pandhora Investimentos. Eles foram julgados por sua criatividade e originalidade, aplicabilidade, qualidade do protótipo e metodologia pela Bloomberg e Felipe Paiva, fundador da Let's Code.

As equipes e universidades vencedoras são:

Primeiro Lugar – Numbers Doing Trade (NDT) – Desenvolvimento e aplicação de um Driver Monitor de fundo negociado em bolsa (ETF) que monitora o impacto do câmbio, juros e inflação. Os membros da equipe são alunos da Universidade de São Paulo: Vinícius Fernando Baca, Luca Bottino, Enzo Bustamante, Érico Faustino e Enrico Robazza

Segundo lugar – A UFFinance BQuant criou um aplicativo Brasileiro de Volatilidade que fornece o humor do mercado com base no cálculo do Ibovespa VIX em tempo real. Os membros da equipe são alunos da Universidade Federal Fluminense: Pedro Amorim, Patrick Fogel, Henrique Manoel, João Montenegro e Fernando Nogueira

Terceiro Lugar –Litterman & Thorp & Carhart & Merton (LTCM) – Produziu um aplicativo que analisa a taxa de juros de cada país. Os membros da equipe são alunos da Universidade Federal de Minas Gerais: Jadson Correa, Diego Della Rocca, Keven Mendes e Pedro Teles.

Em nome dos vencedores, a Filantropia Corporativa da Bloomberg fará doações à ONG Banco de Alimentos, que combate a fome e o desperdício de alimentos levando complementação alimentar diariamente a mais de 23 mil pessoas em situação de vulnerabilidade, ASID Brasil, para apoiar pessoas com deficiência, e Ismart, que apoia jovens de baixa renda.

“A Bloomberg tem orgulho de todos os alunos, empresas e mentores que participaram dos cursos virtuais e de nosso primeiro Hackathon no Brasil”, disse Geraldo Coelho, chefe de vendas da Bloomberg para a América Latina. “Todos os alunos se dedicaram a aprender novas habilidades e mostraram uma criatividade incrível. Eles também mostraram sua compaixão ao selecionar instituições de caridade que darão retorno às suas comunidades.”

Flávio Terni, sócio da Giant Steps, afirma: “Hackathon é uma grande porta de entrada para aplicar o conhecimento de programação ao contexto do mercado financeiro. Além disso, uma parte importante da iniciativa é o networking entre equipes e mentores, que permite a identificação de novos talentos e o surgimento de novos insights e soluções para o mercado”, disse.

“A iniciativa serve para apresentar a demanda do setor financeiro por jovens profissionais de tecnologia e suas diversas oportunidades. A participação destes jovens tende a resultar em soluções inovadoras, que contribuem para a evolução do mercado”, revela Flávio Duarte, Sócio da Pandhora Investimentos.

Gustavo Soares, quantitativo profissional e professor do Insper, disse: “A iniciativa da Bloomberg de encorajar e orientar profissionais qualificados para os diferentes espectros do mercado financeiro, aponta para o futuro da formação desses jovens à um mercado extremamente carente de bons profissionais”.

Felipe Paiva, um dos jurados e fundador da escola de programação Let's Code, afirma que a iniciativa pioneira da Bloomberg é o casamento perfeito entre a teoria e a prática da programação: “Aqui, os participantes tiveram acesso à história de excelência em dados da Bloomberg e puderam desenvolver projetos com a ajuda de excelentes mentores de mercado. É um jogo onde todos ganham”, acrescentou.

O Hackathon é a última etapa da Bloomberg em educação em tecnologia no Brasil, pois realizou sessões de treinamento virtual no ano passado em BQuant e Python, a linguagem de programação de escolha para ciência de dados e pesquisa de quantificação. A Bloomberg treinou mais de 350 profissionais em empresas brasileiras de gestão de ativos e fundos de hedge, que agora se juntam às milhares de pessoas que usam o BQuant em todo o mundo.

Sobre a Bloomberg

A Bloomberg, líder global em notícias e informações financeiras e de negócios, oferece aos tomadores de decisão influentes uma vantagem crítica ao conectá-los a uma rede dinâmica de informações, pessoas e ideias. A força da empresa - fornecer dados, notícias e análises por meio de tecnologia inovadora, com rapidez e precisão - está no centro do serviço do Terminal Bloomberg. As soluções empresariais da Bloomberg se baseiam na força central da empresa: alavancar a tecnologia para permitir que os clientes acessem, integrem, distribuam e gerenciem dados e informações em organizações de maneira mais eficiente e eficaz. Para obter mais informações, visite Bloomberg.com/company ou solicite uma demonstração.


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...:
 
https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

<::::::::::::::::::::>
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
<::::::::::::::::::::>
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar e sera atendido. -  Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
<::::::::::::::::::::>

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Ferramenta Automatizada...IMPORTANTE: COMENTÁRIOS com LINK são bloqueados automaticamente (COMMENTS with LINKS are automatically blocked.)...Sucesso!


voltar ao topo