Brasil,

TOKIO MARINE SEGURADORA

Agilidade no transporte rodoviário internacional

  • Crédito de Imagens:Divulgação - Escrito ou enviado por  Wesley Campos
  • SEGS.com.br - Categoria: Veículos
  • Imprimir

Divulgação/Canva Divulgação/Canva

Novo normativo da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) auxiliará na desburocratização do setor

No início do mês, ocorreu a 975ª Reunião de Diretoria (ReDir), na qual foi aprovado por unanimidade o novo normativo do Transporte Rodoviário Internacional (TRIC) pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) com o objetivo de simplificar e de modernizar os procedimentos para a habilitação no segmento.

Essa iniciativa reafirma a necessidade de reduzir o ônus regulatório e de simplificar as metodologias relacionadas ao TRIC, representando um avanço significativo rumo a uma logística internacional mais eficiente e transparente. A aprovação da medida implica em procedimentos mais claros e objetivos, beneficiando tanto empresas nacionais quanto estrangeiras, reduzindo o tempo e os custos associados à obtenção de licenças e autorizações.

Danilo Guedes, vice-presidente de relações internacionais da NTC&Logística e CEO da ABC Cargas – empresa com operações no Mercosul –, destaca as mudanças nos processos e na logística do transporte entre os países.

"Sempre há a necessidade de reduzir burocracias e de simplificar trâmites no transporte internacional. Estamos na expectativa de que essas mudanças otimizem essas questões e, consequentemente, reduzam o tempo e os custos envolvidos."

Segundo a ANTT, essa iniciativa é fundamental, considerando que o transporte de cargas entre fronteiras terrestres requer normativas claras e alinhadas com acordos internacionais. A regularização do TRIC é essencialmente baseada em acordos internacionais, sendo a agência responsável por sua aplicação no Brasil. Até o momento, existem duas resoluções que abordam diversos aspectos desse transporte, e sua complementaridade por vezes gera complexidades nos procedimentos adotados pelos transportadores para ingressar no mercado internacional.

Na visão dos executivos do setor de transporte, isso auxiliará no aumento da demanda e no impulso à economia brasileira. Danilo comenta: “Essas mudanças são fundamentais, visto que o transporte de cargas entre fronteiras terrestres requer normatização simples e alinhada com acordos internacionais. Mais clareza, simplicidade e redução de custos certamente contribuirão para fomentar o transporte internacional de cargas”.

Responsável por mais de 65% do transporte de mercadorias pelas malhas rodoviárias, o transporte rodoviário de cargas anualmente busca contribuir para o avanço do país. Para isso, entidades de classe, juntamente com as lideranças governamentais, traçam planejamentos estratégicos para colocar em prática ideias e iniciativas de melhoria.

“Nossas entidades vêm desempenhando um papel fundamental na implementação de propostas de mudanças nas regulamentações vigentes, especialmente no TRIC, além de melhorias no Acordo sobre Transporte Internacional Terrestre (ATIT). O calendário deste ano será bastante intenso, começando já em março com a reunião bilateral Peru/Brasil, na qual discutiremos as principais demandas do setor”, conclui Danilo.

Sobre Danilo Guedes:

Danilo Guedes, presidente da ABC Cargas. Formado em Gestão de Logística pela Fundação Armando Álvares Penteado (FAAP) e MBA em Gestão Empresarial pela Fundação Instituto de Administração (FIA). Especializou-se em Design Thinking, Administração e Negócios pela Stanford University e participou do Advanced Management Program na IESE Business School de Barcelona. Participa ativamente das entidades de classe do setor e atualmente é vice-presidente de relações internacionais da Associação Nacional do Transporte de Cargas e Logística (NTC&Logística) e diretor da Associação Brasileira de Transportadores Internacionais (ABTI).


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...:
 
https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

<::::::::::::::::::::>
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
<::::::::::::::::::::>
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar e sera atendido. -  Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
<::::::::::::::::::::>

voltar ao topo

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade aos SEUS COMENTÁRIOS, em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Ferramenta Automatizada...IMPORTANTE: COMENTÁRIOS com LINK são bloqueados automaticamente (COMMENTS with LINKS are automatically blocked.)...Sucesso!

Security code Atualizar

Enviar