Brasil,

TOKIO MARINE SEGURADORA

Pesquisa inédita do IQA revela tendências de Transformação Digital na Qualidade do setor automotivo

Ainda há dúvidas sobre quais caminhos devem ser tomados com a tecnologia

Paradigma entre investir por obrigação x benefícios ainda precisa ser rompido
Potencial da tecnologia ainda depende de uma visão ampliada dos gestores

O processo de Transformação Digital é percebido e considerado relevante pela grande maioria das organizações, porém muitas vezes não há certeza do caminho a ser tomado no momento. Além disso, apesar do valor apontado para retorno do investimento e benefícios para organização, a maior prioridade para projetos de Transformação Digital envolve exigências de legislação. Estas são duas das cinco principais conclusões da pesquisa inédita realizada pelo IQA – Instituto da Qualidade Automotiva, sobre A Transformação Digital e a Qualidade Automotiva no Brasil.

As outras três conclusões da pesquisa revelam que

A qualificação dos profissionais e mudança cultural das organizações é um fator-chave para a Transformação Digital.
Assim como estabelecido em Sistemas de Gestão da Qualidade, independentemente da Transformação Digital, o comprometimento e envolvimento direto da alta direção é fundamental para o sucesso de sua implementação.
A Qualidade e Avaliação da Conformidade mantém sua relevância, mas sua forma de atuação precisará passar pelo mesmo processo de mudança em andamento nas organizações que serão objeto dos processos.

Claudio Moyses, diretor executivo do IQA, comenta que a pesquisa lança uma luz sobre como as organizações estão abordando o tema Transformação Digital. “A pesquisa ratifica algumas suposições existentes e por isso se torna relevante neste momento de pandemia da Covid-19, que acelerou o processo de Transformação Digital em muitos setores da economia”, afirma Moyses.

Moyses comenta, no entanto, que na área da Qualidade do setor automotivo os projetos ainda precisam ser amadurecidos. “A pesquisa indica que 72% das organizações já implantaram ou implantarão ao menos um projeto de Transformação Digital até 2021, porém ainda há entraves que devem ser superados, além dos investimentos necessários, a preparação das equipes para transformação cultural, competências de liderança e visão estratégica”, explica o diretor.

Atento a esse cenário, o IQA já disponibiliza novos treinamentos com a marca iQMX voltados ao tema Transformação Digital na Qualidade Automotiva. “Como Instituto de referência no setor, temos a obrigação de oferecer todo o apoio às organizações, pois quem demorar muito para aderir aos benefícios da Transformação Digital pode perder em competitividade e qualidade, e assim ficar fora do mercado”, comenta Moyses.

Paradigma

Para Alexandre Xavier, superintendente do IQA, a pesquisa, que contou com apoio de entidades do setor, revelou o que muitos já sabiam, porém ninguém podia afirmar com certeza. No entanto, Xavier destaca uma das conclusões: Apesar do valor apontado para retorno do investimento e benefícios para organização, a maior prioridade para projetos de Transformação Digital envolve exigências de legislação.

Segundo a pesquisa, 73% dos entrevistados valorizam os benefícios potenciais da Transformação Digital para a organização, enquanto 59% priorizam esses possíveis resultados. Porém, a grande maioria, 70% prioriza a obrigatoriedade de legislação ao investir em projetos de Transformação Digital.

“Atender as legislações é uma obrigação”, comenta Xavier. “Existem outros aspectos do negócio a serem priorizados e valorizados sem deixar de cumprir a obrigação. Esse dado da pesquisa em particular nos chamou bastante atenção, pois revela que temos um paradigma que precisa ser quebrado nas organizações brasileiras. Mas, por isso, estamos oferecendo também treinamentos e outros serviços relacionados à LGPD – Lei Geral de Proteção de Dados”, afirma.

Amostragem

A pesquisa “A Transformação Digital e a Qualidade Automotiva no Brasil” teve o apoio das Comissões Qualidade da ANFAVEA e do SINDIPEÇAS[AX1] [AX2] , e contou com a participação de 135 executivos de diversos segmentos do setor automotivo, sendo que mais de 60% atuam em empresas da cadeia produtiva, inclusive montadoras (23%) e fornecedores Tier I (23%).

Todas as regiões brasileiras participaram da pesquisa, com destaque para as Sul e Sudeste, com mais de 85% dos participantes. No perfil das empresas, 50% atuam em organizações de grande porte e 80% ocupam cargos de liderança.

“Investiremos fortemente em estudos técnicos à partir de agora no IQA, sempre focando assuntos de grande relevância para o setor automotivo. Essa foi a primeira pesquisa que realizamos sobre o tema e revelou que ainda há muito o que se fazer em Transformação Digital na Qualidade Automotiva e, apesar de o assunto estar em evidência na maioria das organizações, é preciso ampliar o campo de visão de tudo que é feito hoje para vislumbrar todo o potencial que essa tecnologia pode proporcionar como benefícios para as empresas, pessoas e a sociedade em geral”, finaliza Claudio Moyses.

O IQA – Instituto da Qualidade Automotiva é uma organização sem fins lucrativos de desenvolvimento e disseminação da Qualidade no Setor da Mobilidade, com objetivo de proporcionar mais segurança ao consumidor, a partir de produtos, sistemas e pessoas com qualidade assegurada através de certificações compulsórias ou voluntárias.

Criado em 1995 por entidades do setor e do governo, o IQA oferece, além da certificação, soluções que fomentam a Qualidade como treinamentos presenciais e online, conteúdo em publicações/estudos técnicos, inspeções e ensaios de laboratório, com uma cultura de inovação e proximidade às necessidades das organizações e sociedade.

É representante de órgãos internacionais e acreditado pela CGCRE (Coordenação Geral de Acreditação) do Inmetro como organismo de certificação.


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...:
 
https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

<::::::::::::::::::::>
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
<::::::::::::::::::::>
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar e sera atendido. -  Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
<::::::::::::::::::::>

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Ferramenta Automatizada...IMPORTANTE: COMENTÁRIOS com LINK são bloqueados automaticamente (COMMENTS with LINKS are automatically blocked.)...Sucesso!


voltar ao topo