Brasil,

TOKIO MARINE SEGURADORA

CCR ViaOeste tem redução de 56% das mortes nas rodovias em uma década

A concessionária termina a Década de Ação pela Segurança no Trânsito com redução expressiva nas mortes registradas no Sistema Castello-Raposo

Em 2020 chega ao final a Década de Ação pela Segurança no Trânsito 2011-2020, estabelecida pela Assembleia Geral das Nações Unidas. Este movimento estabeleceu o compromisso de governos de todo o mundo a tomar medidas para prevenir os acidentes no trânsito e reduzir o número de mortos e feridos em 50% nesses últimos dez anos. A CCR ViaOeste chega ao final da década com redução de 56% das mortes no Sistema Castello-Raposo, no comparativo entre 2010 e 2019. Essa redução também deve ser mantida em relação a 2020, que apresenta número de mortes e feridos inferior a 2019.

Bem antes de ser lançado o Plano de Ação Global para a Década, muitas ações já vinham sendo desenvolvidas no Estado de São Paulo e, especialmente nas rodovias que dão acesso ao oeste do Estado, através do Programa de Concessões Rodoviárias. São mais de 20 anos de um importante trabalho de conscientização dos motoristas e modernização da malha viária do Sistema Castello-Raposo.

Em 2019 a CCR ViaOeste registrou o menor número de óbitos desde o início da concessão, em 1998. A redução foi de mais de 55%, isso mesmo com aumentos expressivos na quantidade de veículos trafegando pelas rodovias nos últimos 20 anos. “Se olharmos o índice de mortalidade, que é uma métrica que pondera a quantidade de acidentes com óbitos pelo aumento no volume de tráfego, a redução foi superior a 75%”, enfatiza o gestor de Operações Viárias da CCR ViaOeste, Carlos Costa.

Ele atribui essas significativas reduções a importantes investimentos em obras para modernização da malha viária, bem como em constantes campanhas de conscientização dos condutores. “Muitos planos de trabalho foram desenvolvidos e metas traçadas, sempre contando com equipes qualificadas e comprometidas. E isso é possível com investimento em tecnologia e inteligência para proporcionar fluidez nas estradas e segurança aos motoristas”, destaca.

Quando se fala em cuidados com os usuários das rodovias, o Centro de Controle Operacional é o coração deste amplo sistema. É a equipe do CCO que monitora o trecho sob concessão por meio das mais de 70 câmeras que atuam exclusivamente no monitoramento do tráfego, proporcionando atuação preventiva e emergencial com o menor tempo de resposta. Também importantes são as 40 estações analisadoras de tráfego, que contam veículos e medem velocidade, transmitindo as informações em tempo real ao Centro de Controle, que desta forma pode antever o aumento do fluxo e as eventuais consequências para a segurança dos motoristas.

Estas tecnologias, apesar de extremamente úteis para a gestão operacional, já fazem parte da rotina da concessionária há muito tempo. Novas tecnologias têm sido incorporadas à operação viária, como por exemplo o uso de drones para diversas finalidades. Este equipamento contribui para realização de estudos de tráfego, facilitando significativamente na identificação de variáveis ou situações que interferem na condição de fluidez e segurança das rodovias. “Apesar da existência de câmeras de monitoramento, o drone dá mais autonomia para o processo investigativo, permite novos ângulos e visões. O drone também dá maior agilidade e qualidade no processo de manutenção da rodovia, identificando de maneira mais ágil eventuais anomalias em estruturas como viadutos e pontes, além de alimentar a base de dados para monitoramento preventivo da rodovia”, explica.

O trabalho de inteligência operacional também é algo que merece destaque, em especial considerando as evoluções tecnológicas dos últimos anos. O gestor da concessionária expõe que há um trabalho forte para a transformação dos dados operacionais dos sistemas e equipamentos em informações relevantes que subsidiem a tomada de decisão das equipes técnicas e de gestão. “O mapeamento de pontos de recorrência de acidentes, congestionamentos, panes e outros eventos na rodovia faz parte de um processo contínuo de aprimoramento da logística operacional, das ações de engenharia e atividades que envolvam outros entes, como por exemplo, a Policia Militar Rodoviária”, acrescenta.

Responsabilidade Social

A formação dos futuros motoristas também é uma preocupação constante da CCR ViaOeste e do Instituto CCR. Prova disso é o programa Caminhos para a Cidadania, uma ação socioeducacional que leva ensinamentos e reflexões sobre cidadania, segurança no trânsito, mobilidade urbana e meio ambiente aos alunos dos quartos e quintos anos da rede pública de ensino, por meio de formação aos professores. Em 2020 o programa se estendeu do primeiro ao terceiro ano. É coordenado pelo Instituto CCR, com o apoio das Unidades de Negócio do Grupo CCR e oferece uma abordagem didático-pedagógica, desenvolvida para se trabalhar especialmente questões relativas a esses temas.

Seu objetivo é contribuir para uma comunidade mais consciente, preservando vidas e formando jovens cidadãos. Desde 2002 já atendeu mais de 3,4 milhões de alunos, mais de 131 mil educadores e já esteve em 118 municípios, incluindo as cidades com interface direta com o Sistema Castello-Raposo.

Sobre a CCR ViaOeste: A CCR ViaOeste é responsável pela administração do Sistema Castello-Raposo e gerencia 168,62 quilômetros de rodovias, compreendendo as Rodovias Castello Branco (SP-280), de Osasco a Itu; Raposo Tavares (SP-270), de Cotia a Araçoiaba da Serra; Senador José Ermírio de Moraes (SP-075), de Sorocaba a Itu e Dr. Celso Charuri (SP-091/270), em Sorocaba. Foi a sexta concessionária a integrar o Grupo CCR.

Sobre o Grupo CCR: Fundado em 1999, o Grupo CCR é atualmente uma das cinco maiores companhias de concessão de infraestrutura da América Latina e considerada a líder do segmento no Brasil, com a gestão de 18,4% do total de rodovias sob controle da iniciativa privada. Tendo o pioneirismo e a inovação como marcas, a CCR criou em 2018 quatro empresas independentes, que agrupam as unidades de negócios por temas afins, e são as responsáveis pela gestão da companhia e por desenvolver e pesquisar novas oportunidades no mercado primário e secundário, dentro e fora do Brasil. São elas: CCR Lam Vias, CCR Infra SP, CCR Aeroportos e CCR Mobilidade. Nessa reestruturação, como forma de atualizar e melhorar a estrutura de Governança, processos decisórios e os mecanismos de controle, foram criadas as vice-presidências de Gestão Corporativa e de Governança, Compliance e Auditoria Interna, em linha direta de reporte ao Conselho de Administração. O Grupo conta com as práticas de Governança Corporativa reconhecidas no mercado, atendendo regras do Novo Mercado da B3 (a CCR foi a primeira empresa ingressar nesta categoria). Além do Brasil, a CCR está presente, por meio de suas unidades, nos EUA, Curaçao, Equador e Costa Rica. Com mais de 15 mil colaboradores, a CCR se orgulha em contribuir, diariamente, para uma sociedade com mais infraestrutura, segurança, conforto e qualidade de vida para milhões de cidadãos mundo afora.

Sobre a CPC: A Companhia de Participações em Concessões (CPC) é uma das empresas do Grupo CCR, e tem por objetivo avaliar as oportunidades de novos negócios, atuando tanto no mercado primário, em processos de licitação, quanto no mercado secundário, sendo responsável pela administração direta de eventuais novos negócios. A CPC detém, desde 2008, a participação de 40% da Renovias, concessionária de rodovias do Estado de São Paulo. Em outubro de 2010, a CPC passou a controlar 100% da CCR SPVias, concessionária de rodovias do Estado de São Paulo e, em 2012, assumiu 80% do capital social da concessionária CCR Barcas, a quarta maior operadora de transporte aquaviário do mundo. A CPC também possui 50% da Quiport, operadora do Aeroporto Internacional de Quito, no Equador, 97,15% da Aeris Holding Costa Rica S.A., operadora do Aeroporto de Juan Santamaría, na Costa Rica, e 79,8% de participação na Curaçao Airport Partners NV, concessionária do aeroporto de Curaçao.

Sobre a CCR: A CCR é a holding do Grupo CCR, tendo sido a pioneira no ingresso no Novo Mercado da B3 (antiga BM&FBovespa), o segmento mais rígido do mercado acionário brasileiro. De suas ações, todas ordinárias e com direito a voto, 55,23% são negociadas no Novo Mercado da Bovespa. A CCR integra o IBOVESPA e os índices ISE, ICO2, IGC, IBrX-50, IBrX-100 e MSCI Latin America. Com mais de 20 anos de trajetória, possui o reconhecimento dos mercados nacional e internacional em função de sua trajetória de sucesso.


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...:
 
https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

<::::::::::::::::::::>
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
<::::::::::::::::::::>
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar e sera atendido. -  Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
<::::::::::::::::::::>

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Ferramenta Automatizada...IMPORTANTE: COMENTÁRIOS com LINK são bloqueados automaticamente (COMMENTS with LINKS are automatically blocked.)...Sucesso!


voltar ao topo