Brasil,

TOKIO MARINE SEGURADORA

3 tendências de Dados Acionáveis que transformam a experiência do cliente

Mateus Pestana, CEO da SenseData. Crédito da imagem Divulgação-SenseData Mateus Pestana, CEO da SenseData. Crédito da imagem Divulgação-SenseData

Estreitar os laços com os consumidores é a melhor forma de conquistá-los, para isso, é necessário base de dados e insights que planejem ações e campanhas eficientes

De acordo com pesquisa realizada pela IDC (International Data Corporation), cerca de U$ 2,9 bilhões serão destinados a Big Data & Analytics no Brasil. Isso representa um aumento de 10,8% em relação a 2021. O estudo também aponta que é esperado um aumento de 28% em soluções de Inteligência Artificial e Machine Learning e deixa claro que, mais do que nunca, hoje é fundamental estar atento, saber ler e utilizar os dados. Maior plataforma de Customer Success e Dados Acionáveis da América Latina e que tem liderado projetos para a empresas como Unilever, Neoway, Ambev e Mercado Livre, a SenseData acredita que, por meio de uma base sólida de informações coletadas e analisadas, os chamados “dados acionáveis” têm revolucionado o relacionamento entre empresas e seus clientes, possibilitando uma melhor tomada de ações, com estratégias de encantamento e retenção cada vez mais eficientes. "Os dados são fundamentais para a tomada de decisão e entendimento sobre o comportamento dos clientes de uma organização. Porém, eles devem ser utilizados da forma correta. É preciso investir em dados acionáveis, ou seja, em uma inteligência de dados que dispare ações proativas baseadas em determinados comportamentos do cliente, como por exemplo queda de engajamento ou aumento de consumo. Dados não podem servir somente para montar relatórios e utilizá-los como meio de planejar estratégias futuras, é preciso o acionamento desses dados de maneiras automatizada e proativa”, destaca o CEO da SenseData, Mateus Pestana. Considerado um dos maiores estrategistas de Customer Success do mundo, o executivo listou as melhores práticas para coletar e analisar essas informações, transformando-os em insights e ações relevantes que podem transformar o negócio.

1 - Clientes sem amarras

Hoje, os clientes buscam agilidade, simplicidade, personalização, uma boa experiência e não estão mais presos a um produto ou serviço. Investir no empoderamento dos clientes é um fator decisivo na sua retenção. É fundamental utilizar dados para entender as necessidades do seu cliente, para assim criar produtos e serviços cada vez mais eficazes e ajustados com o perfil do seu público.

Um exemplo desse método é a relação da Netflix com os seus usuários, incentivando a liberdade dos clientes através do cancelamento a qualquer momento e facilitando o acesso a plataforma de qualquer lugar e dispositivo, isso transforma a visão do consumidor, visto que ele enxerga benefícios na assinatura do streaming.

2 - Dados trabalham por você, não o contrário

Conhecemos a importância dos dados, mas é essencial saber usá-los a favor dos negócios. Antes usávamos dados para contar histórias: meu volume de vendas foi tanto, meu churn foi tanto, a aquisição de clientes foi tanto, e isso continua válido, obviamente. Para construir o futuro não precisamos apagar o passado, mas precisamos ir além.

Dados acionáveis é sobre conseguir tomar a ação certa, no cliente correto e no momento mais adequado. É preciso ter os dados orquestrando ações. São eles que podem melhorar ainda mais a experiência do cliente com a empresa, resultando em um aumento do engajamento, aumento de vendas e crescimento da companhia.

3 - Automatização de processos

O digital é o meio mais fácil de gerar insights dos seus clientes, ampliar a base de dados do comportamento do seu público com informações e automatizar diversas ações para melhorar a experiência de quem consome o seu produto ou serviço.

Netflix, Spotify e LinkedIn não precisam ter um humano atrás de uma tela, visitando perfil por perfil, avaliando competências para recomendarem um filme, uma música ou uma vaga de emprego. O manual impossibilita o processo em alta escala. Por isso, é preciso de dados orquestrando o negócio.

Segundo o CEO da SenseData, estamos passando por mudanças sociais motivadas pelas plataformas digitais que usamos. “Estamos vivendo uma transformação social habilitada pela tecnologia. Novos hábitos estão surgindo, que mudam a realização de diversas atividades de acordo com novas tecnologias, como escutar música, pedir comida ou assistir filmes. Por isso, é importante estarmos adaptados ao meio digital para atingir nossos clientes”, destaca Mateus Pestana.

Sobre a SenseData:

Fundada em 2016, a SenseData tem como missão melhorar o relacionamento das empresas com os clientes, através do gerenciamento de Customer Success. A plataforma integra diversas fontes de dados para monitorar a base de clientes, criando uma visão completa de cada um dos seus clientes e gerando insights e ações reais a partir desses indicadores, auxiliando na proatividade e na geração de valor das empresas. Atualmente atende marcas como UnileverFood Solutions, VR Benefícios, Geofusion, Mercado Livre, Gupy e Reclame Aqui. A a SenseData foi a primeira aquisição da Zenvia, após seu IPO na Nasdaq. Juntas, as empresas passarão a somar mais de R$ 500 milhões em receita anual, 10 mil clientes e mais de 1.000 colaboradores, com o objetivo de se tornarem o maior ecossistema de Customer Experience e Customer Success de toda a América Latina.


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...:
 
https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

<::::::::::::::::::::>
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
<::::::::::::::::::::>
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar e sera atendido. -  Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
<::::::::::::::::::::>

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Ferramenta Automatizada...IMPORTANTE: COMENTÁRIOS com LINK são bloqueados automaticamente (COMMENTS with LINKS are automatically blocked.)...Sucesso!


voltar ao topo