Brasil,

TOKIO MARINE SEGURADORA

Com a pandemia, cresce a busca por profissionais PJ

pixabay pixabay

Áreas relacionadas à tecnologia, desenvolvimento e comunicação se destacam na contratação de profissionais PJ.

O aumento da demanda por profissionais de tecnologia é algo que já prevíamos, em especial em um momento de digitalização das empresas

A contratação PJ se tornou uma verdadeira tendência nos últimos anos e foi impulsionada graças à pandemia. Houve um enorme crescimento na oferta de vagas desse modelo, especialmente em setores como o de tecnologia, desenvolvimento, comunicação, entre outros.

Com as mudanças no mercado de trabalho, diversas empresas encontraram na contratação PJ uma maneira simplificada e econômica de obter mais colaboradores, e vêm apostando nesse regime desde então. De acordo com um levantamento feito pela Relevo, maior empresa de tecnologia do setor de Recursos Humanos da América Latina, notou-se um aumento de 25% nas contratações para vagas de tecnologia e atividades que podem ser realizadas remotamente. Sendo que, em outro apontamento, a Relevo identificou que 30% dessa nova demanda era no regime de contratação PJ, o que anteriormente correspondia a 7% das ofertas.

“O aumento da demanda por profissionais de tecnologia é algo que já prevíamos, em especial em um momento de necessidade de adequação na forma de trabalhar e da necessidade de digitalização das empresas”, explica o cofundador da Revelo, Lachlan de Crespigny.

Setores de Business Intelligence, Comunicação, Marketing, TI e áreas para Desenvolvedores aumentaram a busca e preferência em contratar colaboradores PJ. O que, consequentemente, refletiu em um incremento de 20% a 30% (segundo pesquisa da Relevo) no panorama salarial. Visto que parte das ofertas são direcionadas a vagas com altos níveis de senioridade.

O que se mostra uma excelente vantagem para os profissionais, que estão dando cada vez mais predileção ao contrato PJ, valendo-se da flexibilidade de horário e possibilidade de alto retorno financeiro. Além da perspectiva de atuarem, em teoria, como seus “próprios chefes”.

Na área de TI, as funções que têm mais demanda atualmente são: Administração de base dados; Administração de sistemas; DevOps; Infraestrutura e Segurança da informação. Já no âmbito da tecnologia, a procura refletiu diretamente para funções em Business Intelligence, sendo elas: Analista de Dados; Analista de Performance; Data Engineer e Data Science.

Quanto ao setor de comunicação, as funções que oferecem mais vagas são Assessoria de Imprensa e Comunicação Interna. E no Marketing, especialmente o digital (que foi alavancado graças ao cenário da pandemia e a grande adesão das mídias sociais), se destacam os cargos de Assistente de Marketing Digital, Redator, Analista de Mídias Sociais e Designer.

No entanto, além dos setores apontados acima, algumas profissões tidas como “tradicionais” também estão se adaptando às novas mudanças e seguindo pela contratação PJ. Como é o caso dos corretores de imóveis e advogados, que viram como ter um CNPJ traz benefícios.

Devido ao crescimento do modelo PJ, startups especializadas nesses profissionais começaram a surgir no mercado para atender suas necessidades, como é o caso da AccountTech.

“Observamos o crescente número de contratações no modelo PJ e também uma carência de atendimento para este público. Buscamos e conseguimos encontrar um formato de atendimento ideal, composto com contabilidade, contas PJ digital e parceiros de benefícios como planos de saúde, seguros para equipamentos, entre outros”, comenta o CEO da AccountTech, Vanderson Silva.

“Ou seja, tentamos cobrir da forma mais completa possível as dores e necessidades de atendimento destes profissionais, e estamos obtendo sucesso neste objetivo”.

À vista disso, com a grande procura e contratação de profissionais no modelo PJ, ferramentas que facilitem e desburocratizem a rotina de trabalho, tornando-a menos desgastante, como é o caso da contabilidade digital, mostram-se cada vez mais necessárias para os negócios.


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...:
 
https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

<::::::::::::::::::::>
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
<::::::::::::::::::::>
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar e sera atendido. -  Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
<::::::::::::::::::::>

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Ferramenta Automatizada...IMPORTANTE: COMENTÁRIOS com LINK são bloqueados automaticamente (COMMENTS with LINKS are automatically blocked.)...Sucesso!


voltar ao topo