Brasil,

TOKIO MARINE SEGURADORA

Sucessão familiar bem-sucedida é resultado de planejamento e dedicação das gerações envolvidas

José Carlos e Mariana Beckheuser José Carlos e Mariana Beckheuser

Empresa do setor de agronegócios, a Beckhauser passou pelo processo e, hoje, colhe os resultados positivos de uma gestão pensada em conjunto

Sucessão familiar é um dos temas mais discutidos em diversos setores e no agronegócio não é diferente. Dados da 8ª Pesquisa ABMRA Hábitos do Produtor Rural, da Associação Brasileira de Marketing Rural e Agronegócio, divulgados no último dia 25 de maio, mostram que o assunto “sucessão familiar” ocupa a 12ª posição no ranking dos principais desafios do setor.

A transição de gestão nem sempre é tranquila e o índice de empresas que não conseguem realizá-la com sucesso é alto: segundo pesquisa da consultoria PwC, 75% das empresas familiares acabam fechando na passagem para a segunda geração. Mas, com planejamento, antecedência e dedicação, a sucessão familiar pode ser bem-sucedida.

É o que mostra o processo vivenciado na Beckhauser, empresa cuja missão é desenvolver e industrializar tecnologia para uma pecuária sustentável e contribuir para nutrir o mundo promovendo bem-estar animal e humano. Hoje sediada em Maringá (PR), a companhia passou recentemente pela sucessão na presidência, do fundador José Carlos Beckheuser (65) para sua filha, Mariana Soletti Beckheuser (40).

Início de tudo

Na sua trajetória, que se confunde com a da empresa, José Carlos também já vivenciou uma ruptura por uma sucessão que não foi realizada. A operação iniciada pelos seus pais, após a separação do casal, no final da década de 70, entrou em uma situação financeira difícil e acabou não se sustentando.

Os irmãos José Carlos e Antônio Beckheuser, porém, acompanhados pelos hoje sócios Celso Ottersbach e Claudete Soletti Beckheuser, acreditando no conhecimento adquirido e no seu potencial de trabalho, encararam o desafio e empreenderam um recomeço, com a fundação da empresa atual.

Esses quatro sócios Pioneiros – como são chamados hoje na Beckhauser (nomenclatura emprestada de consultoria com base antroposófica, que apoiou o processo sucessório da empresa), estruturaram a fabricação em formato de linha de produção, iniciaram a abertura de parcerias comerciais e, na década de 90, empreenderam uma mudança no conceito de contenção bovina no Brasil, marco da veia inovadora que até hoje acompanha a Beckhauser.

“Aprendi a prestar atenção a medidas ajudando meu pai, que era carpinteiro, nas obras, quando ia levar a marmita dele para o almoço. Ele ensinava a afiar o serrote apenas ouvindo o som. Era muito rígido, nunca nos permitiu brincar, mas esses ensinamentos foram muito valiosos para tudo que fizemos”, conta José Carlos.

Como começa a sucessão

Para Mariana, a sucessão começa exatamente no período da infância, com os filhos convivendo com o negócio da família. “Meu pai sempre foi muito entusiasmado com as coisas e movido pela busca de criar soluções para ajudar a melhorar a agropecuária. Sempre viveu o negócio. E a gente conviveu com isso, andando junto em fazendas, feiras agropecuárias, etc. Criança aprende brincando e pelo exemplo, assim fomos pegando gosto pela atividade”, pontua.

Na sua avaliação, o principal desafio do(a) sucessor(a) é encontrar o equilíbrio entre honrar e cuidar do legado e, ao mesmo tempo, trazer o novo, olhando para o futuro, sem cometer o erro de querer repetir a mesma história. “É preciso existir essa sensibilidade ao integrar a história com as novas ideias, novas visões e novos processos”, acredita.

“Os sucessores nunca vão conseguir repetir o feito dos pioneiros, que desbravaram o caminho. Por exemplo, eu nunca vou ser tão brilhante como o José Carlos, em enxergar uma solução técnica. É preciso entender qual o valor que temos a agregar, qual a nossa contribuição para o negócio. Tudo isso é um processo de descoberta e de aprendizado para as duas gerações”, avalia.

Olhar a longo prazo

A presidente lembra que recebeu esse novo papel junto com a missão importante da mudança do parque fabril de Paranavaí para Maringá, ambas no Paraná. Ela explica que as inovações no processo fabril foram uma transformação marcante, com um conceito de fábrica enxuta, mais sustentável e com tecnologia de última geração para atender o crescimento da companhia.

Para um projeto tão grande, “saber buscar ajuda é muito importante”, recomenda Mariana. A empresa procurou aconselhamento externo com consultores para alinhamento societário, planejamento estratégico e financeiro. Ela destaca, neste processo, alguns pontos que considera fundamentais: “é preciso estabelecer uma governança mais clara, definindo papeis, rituais e espaços de diálogo entre os sócios e também dos sócios com a operação; estruturação financeira e controladoria, trazendo mecanismos que permitam aos pioneiros acompanhar evolução do negócio, sem estar no dia a dia; alinhamento da estratégia de marketing e comercial; além do investimento na preparação das pessoas da equipe para construir esse novo futuro”.

Para o pioneiro José Carlos, o principal recado aos pais que se encontram na fase de sucessão familiar é não ficar assustado e transferir a confiança. “Essa é a grandeza da transição”, finaliza.

Sobre a Beckhauser

A Beckhauser desenvolve e industrializa soluções para o manejo racional de bovinos, buscando oferecer ao mercado ferramentas que ajudem no desenvolvimento de uma pecuária sustentável – que aprimorem a produtividade no manejo e a qualidade dos resultados da produção, cuidando da segurança das pessoas e do bem-estar animal. A empresa vem, há anos, ditando tendências de inovação no segmento e oferece hoje um amplo portfólio de equipamentos de contenção tradicionais e automatizados, da fazenda ao frigorífico, além de parcerias com equipamentos de controle e pesagem eletrônica.


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...:
 
https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

<::::::::::::::::::::>
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
<::::::::::::::::::::>
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar e sera atendido. -  Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
<::::::::::::::::::::>

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Ferramenta Automatizada...IMPORTANTE: COMENTÁRIOS com LINK são bloqueados automaticamente (COMMENTS with LINKS are automatically blocked.)...Sucesso!


voltar ao topo