Brasil, 14 de Novembro de 2018

TOKIO MARINE SEGURADORA

+ F O N T E -

Pesquisa aponta vendedores brasileiros como os mais rápidos do mundo, destaca Rodrigo Terpins

Os brasileiros ficaram acima da média de bom desempenho em relação à velocidade de fechar negócio — eles levam até 28 dias

Segundo um estudo realizado pela Pipedrive Inc (www.pipedrive.com) — um software de pipeline e CRM para empresas — os vendedores brasileiros são os mais rápidos do mundo em fechar negócios. A análise, anônima, é anual e, dessa vez, foi feita com mais de 70.000 times de venda do mundo todo, destaca o empresário do ramo varejista, Rodrigo Terpins. A intenção do estudo é pontuar as melhores equipes de venda e o motivo do sucesso de cada uma delas.

"Nós realizamos a nossa avaliação global de vendas para ajudar equipes a aprenderem quais as melhores práticas, técnicas, ferramentas e tecnologias a serem ser utilizadas em cada região e setor de negócios. Enquanto o segmento de vendas cresce naturalmente em âmbito global, o sucesso pode acabar dependendo da expertise em lidar com diversos mercados ao mesmo tempo de forma sutil", salientou o CEO e Cofundador do Pipedrive, Timo Rein.
O recorte de pesquisa contemplou diversos setores do país como, por exemplo, Pequenas e Médias Empresas (PMEs), educação, tecnologia e finanças.

Os números

De acordo com o levantamento, os times de venda que registram o melhor desempenho nas atividades, chegaram a uma taxa de conversão de 37% — fechando os acordos com os clientes em um período médio de 36.5 dias, acentua Rodrigo Terpins. As empresas consideradas com baixa performance de vendas, por sua vez, apresentaram uma conversão de apenas 4.95%, levando cerca de 56.62 dias para fecharem as negociações.

Os brasileiros ficaram acima da média de bom desempenho em relação à velocidade de firmar os acordos — eles fecham negócio em uma média de 28 dias. Logo em seguida, nesse quesito, aparecem os sul-africanos e chilenos.
Os vendedores europeus, no entanto, precisam de mais tempo para fechar as transações, apontou o levantamento. Na Bélgica, por exemplo — país situado na Europa ocidental — esse período de negociação pode chegar a 56 dias. Na Holanda, também da Europa ocidental, o tempo para os vendedores fecharem um negócio é um pouco menor — mas chega a 50 dias. Já o Reino Unido — localizado em frente à costa noroeste do continente europeu — fica na marca de 46 dias para concluir uma negociação.

Os vendedores norte-americanos, dos Estados Unidos, por sua vez, registraram uma média de 44 dias para fechar negócio, reporta Rodrigo Terpins.

Por que os brasileiros são mais rápidos

Dois aspectos parecem que são os que levam os vendedores brasileiros a tomar a frente dos demais analisados quando o assunto é a velocidade nas negociações: a competitividade e o estilo amigável na abordagem.

Os brasileiros reconhecem que, se não fecharem o acordo com o cliente de forma ágil, podem perder a venda para outro vendedor, que será ainda mais simpático e convincente. Sendo assim, como a competição no país é muito acirrada, ela influencia a forma de fazer as vendas.

Semelhanças

O levantamento observou, ainda, a presença de algumas semelhanças entre os times líderes no ranking de desempenho — isso, independentemente tanto da indústria quanto do país nos quais atuam.

O empresário do ramo varejista Rodrigo Terpins reproduz que, em todos os países, por exemplo, foi registrado que empresas com uma baixa conversão conduziram 30% mais atividades do que as com uma alta performance. Tal situação indica que os times que apresentam os melhores desempenhos estão chegando aos melhores resultados fazendo menos.

O portal E-commerce Brasil (www.ecommercebrasil.com.br) escreveu sobre a pesquisa no dia 9 de agosto e divulgou o seguinte: "Companhias com uma alta performance, que têm foco na priorização, geralmente adicionam apenas metade de suas prospecções ao seu pipeline, porém acabam fechando o dobro de negócios". A reportagem, ainda acrescentou que "os dados coletados sugerem que o segredo não é apenas trabalhar duro, mas sim de forma inteligente".

"Abrir muitas frentes de trabalho raramente trará os resultados que vendedores precisam e ainda irá consumir todo o tempo, afetando o processo, análise e execução de prospecções que possam estar à beira de uma conclusão. Ao eliminar essas fases e atividades que não geram resultados, vendedores podem dedicar seu tempo às tarefas mais efetivas no processo", completou a matéria.

Uso maior de versões mobiles

O levantamento também acentuou que os times de vendas que apresentaram os mais altos desempenhos estão fazendo um uso muito maior de versões mobiles na gestão em seus pipelines — quando comparados com as empresas que registraram as performances mas baixas. Segundo a pesquisa, as equipes com performances apontadas acima da média aumentaram sua atividade mobile em um percentual de 33%, frisou Rodrigo Terpins.

"O sucesso em vendas pode frequentemente se resumir a fundamentos de registros exatos e sempre tomar nota de tudo. Ter todos os pontos a serem abordados durante uma prospecção de venda pipeline de CRM até o fim da interação, leva a equipe a pontuar todas as mensagens corretas no momento certo, auxiliando na conclusão do contrato", escreveu ainda o portal E-commerce Brasil a respeito do estudo.

Compartilhar::

Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...: https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

Separador
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
Separador
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar que voce sera atendido. - Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta totalmente automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
Separador

ADICIONE SEU COMENTÁRIO..::
Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Esta ferramenta é automatizada...Sucesso!


voltar ao topo