Como o Japão criou o White Day, o Dia dos Namorados alternativo asiático

Um mês depois do Valentine’s Day, em que as mulheres presenteiam os homens com chocolates, eles retribuem dando marshmallows

No dia 14 de março, no Japão, a Coreia do Sul e Taiwan celebram um segundo tipo de Dia dos Namorados conhecido como “White Day”. Considerando as populações dos três países, ao menos 201,5 milhões de pessoas estão envolvidas na data (mais da metade da população inteira da Europa Ocidental). Embora o Valentine's Day seja uma data recentemente aceita em alguns países do Oriente, em que os casais trocam chocolates e presentes, a data é mais comum nesses países.

"No mês de março, as lojas em Tóquio enchem as vitrines de chocolates, doces feitos de marshmallows e outros tipos de presentes geralmente em embalagens brancas", explica o fotógrafo brasileiro Marcelo Idohara, que vive na capital japonesa há 10 anos.

Apesar de ser uma data alternativa ao Valentine's Day ocidental, o White Day só existe por causa dela: é a contrapartida masculina da celebração do dia 14 de fevereiro, lembrada nos Estados Unidos e na Europa.

No Japão, a tradição sempre foi que, durante o Valentine's, as mulheres têm que presentear os homens pelos quais estão apaixonadas com chocolates “caros”, além de entregar doces mais baratos para seus colegas de trabalho, chefes ou familiares. Em alguns casos, elas montam presentes similares às cestas para o Dia dos Namorados brasileiro.

O White Day, um mês depois, inverte os papéis, dando aos homens a obrigação de retribuir os presentes recebidos em fevereiro pelas esposas, namoradas e mulheres próximas.

De acordo com fontes japonesas e sul-coreanas, o White Day foi inventado por uma confeitaria na região de Hakata, em Fukuoka, no Japão (1.065 km de Tóquio), chamada Ishimura Manseido. Em 1977, um executivo da empresa, Zengo Ishimura, estava lendo uma revista feminina em busca de inspiração para a produção quando uma frase lhe chamou a atenção:

"Não é totalmente justo que os homens ganhem chocolates das mulheres no Valentine's Day e não retornem o favor. Por que eles não dão nada para nós? Mesmo marshmallows já seriam ótimos", dizia o texto.

Ishimura, então, raciocinou que, se as mulheres ficariam felizes em receber marshmallows em resposta ao Valentine's Day, fazia sentido também inventar um dia especial para os homens expressarem gratidão pelos presentes recebidos. Ele ainda considerou que esse retorno poderia ser feito com outro tipo de doce que não o chocolate: justamente aquele que a Ishimura Manseido produzia: marshmallows.

Segundo uma reportagem do jornal japonês Japan Times, Ishimura perguntou às funcionárias da sua confeitaria qual seria o melhor dia para receber presentes dos homens e, após uma pequena eleição, elas escolheram o dia 14 de março - exatamente um mês após o Valentine's Day.

Em 1978, com a cooperação com a rede de lojas de departamento local, Iwataya, o Japão teve o seu primeiro White Day - à época chamado ainda de “Marshmallow Day”. Foi, aliás, iniciativa da própria varejista em trocar o nome para algo mais simples e que fizesse referência à cor do doce feito pela confeitaria de Ishimura. No final dos anos 1980, o White Day já havia se espalhado por toda a ilha nipônica, passando a incluir chocolates brancos e outros presentes, logo sendo adaptado nas vizinhas Coreia do Sul e Taiwan.

O ensaísta e escritor japonês Kaori Shoji disse à Forbes que o White Day é um dos seus feriados favoritos, além de ser uma das principais datas para o varejo no Japão. "Uma década atrás, o Valentine's e o White já eram grandes negócios para as lojas e uma prática adotada por todos: de velhos aos jovens".

No entanto, Shoji nota que o White Day parece menos popular a cada ano por causa de uma nova geração que considera as obrigações de reciprocidade tediosas. O instituto de pesquisas japonês Kinenbi Culture Laboratory publicou no início do ano que a expectativa de vendas no mercado para a edição deste ano era de contração de 10% comparado ao ano passado.

Em 2017, foram movimentados US$ 578 milhões (R$ 2,1 bilhões) apenas no Japão para a data. Há também um processo de diminuição de mulheres que aceitam dar os presentes no Valentine's Day, o que diminui o número de homens que, no White Day, precisam "retribuir".

O instituto também afirma que há uma ausência importante de um produto que simbolize o White Day em sua essência. Apesar de uma única confeitaria de Tóquio tentar mudar esse panorama produzindo um doce branco em formato de pétalas de rosas, o mercado ainda não conseguiu ter um carro-chefe para vender, como são os ovos de Páscoa no ocidente.



Publicidade



Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...: https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

Separador
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
Separador
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar que voce sera atendido. - Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta totalmente automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
Separador

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Ferramenta Automatizada...IMPORTANTE: Comentários com Link são bloqueados automaticamente (Comments with Links are automatically blocked.)...Sucesso!


voltar ao topo

NEWSLETTER SEGS