Brasil,

TOKIO MARINE SEGURADORA

Crescimento da hotelaria torna momento propício para estruturar fundos no setor

Números recentes do mercado hoteleiro deixaram o setor otimista quanto ao último trimestre de 2021 e o ano de 2022. O ânimo tem possibilitado investimentos, após quase dois anos de incerteza devido à pandemia. E isso ocorre com certa antecipação, já que a tendência no início de 2021 era que o avanço fosse registrado somente no começo do próximo ano. Porém, o cenário mudou para melhor.

A edição de julho de 2021 do Informativo do Fórum de Operadores Hoteleiros do Brasil (inFOHB), por exemplo, mostra crescimento de 229% da taxa de ocupação do setor, na comparação com o mesmo mês de 2020. Já o RevPar, que representa a performance do hotel (ou seja, o quanto cada quarto da instituição gera de receita), teve aumento de 254,8% no mesmo período.

Mas quais fatores viabilizam essa retomada e a estruturação de fundos de investimento em hotelaria? Essa análise começa com a demanda reprimida do turismo nacional, após as paralisações e dificuldades das empresas da área durante a crise sanitária. A partir do avanço da vacinação e os protocolos de segurança adotados pelos municípios, famílias de diferentes classes sociais têm cada vez mais aproveitado o turismo local. Prova disso é o dado divulgado em agosto pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas (IBGE): no mês de junho de 2021 houve a segunda alta seguida deste ano no Índice de Atividades Turísticas. O aumento foi de 11,9% na comparação com maio. Acrescenta-se ainda a alta do dólar, fator que intensifica viagens domésticas e favorece localidades que movimentam sua economia com base no setor.

Aliado a essas questões está um fator de compra e venda de ativos característico de momentos de crise e posterior recuperação econômica. A pandemia resultou em desestabilização, mas gerou oportunidade posterior de negociação para esse tipo de ativo. A tendência, com a melhora da hotelaria no país e possível expansão nos próximos anos, é a valorização dos ativos. Com isso, o momento torna-se propício para essas estruturações e, no futuro, para a valorização.

Como CEO da GCS Capital, vejo que se buscou, neste período de incerteza, por parte das empresas de hotelaria e hospitalidade, a manutenção dos espaços e fortalecimento. Essa questão deve resultar em números ainda melhores de taxas de ocupação e Revpar. Deve-se observar que temos um setor com diversas redes hoteleiras internacionais e marcas nacionais que buscam expansão. Há interesse de entrada de marcas estrangeiras no país que ainda não atuam por aqui.

A GCS Capital, por sua vez, aproveitou esse momento e está estruturando fundos de hotéis e outros fundos ligados à hospitalidade, durante este período de baixa do setor. O valor dos fundos pode atingir os R$ 300 milhões, com hotéis e empreendimentos presentes em grandes capitais dos estados ou em centros urbanos reconhecidos por suas atividades de lazer e negócios.

O cenário é de uma expectativa geral de crescimento para os próximos cinco anos, tanto em construção de empreendimentos do setor quanto reestruturação de outros. Por isso, fundos diversificados, bem regionalizados, com players e produtos já testados no mercado, marcas bem estabelecidas, administradores profissionais e ajustes operacionais sem dívidas, beneficia e traz oportunidade para investidores acessarem esse mercado, principalmente com a formatação de fundos de investimento inteligentes, como temos estruturado na GCS Capital.

Charluan Gamballe Correia é empresário e CEO da GCS Capital, empresa especialista em estruturação de fundos de investimento e negócios imobiliários, hoteleiros e hospitalidade, habilitada pela CVM (Comissão de Valores Mobiliários) e signatária do PRI (Principles for Responsible Investment), pacto global das Nações Unidas (ONU). A GCS une a expertise no mercado financeiro aos seus mais de 30 anos no mercado imobiliário, para entregar soluções sofisticadas, eficientes e completas ao setor.


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...:
 
https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

<::::::::::::::::::::>
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
<::::::::::::::::::::>
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar e sera atendido. -  Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
<::::::::::::::::::::>

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Ferramenta Automatizada...IMPORTANTE: COMENTÁRIOS com LINK são bloqueados automaticamente (COMMENTS with LINKS are automatically blocked.)...Sucesso!


voltar ao topo