Brasil,

TOKIO MARINE SEGURADORA

Viagens voltam ao nível pré-pandemia antes do previsto

Um ano e meio após as primeiras restrições tomarem conta do globo, países em ritmo avançado de vacinação já sentem que as viagens corporativas voltam a fazer parte do calendário dos executivos. Companhias como a norte-americana TripActions já registram uma recuperação semanal de 10% no volume de reservas – um crescimento de 300% na emissão de tickets de janeiro a junho. No Brasil, o estudo TRVL Lab, que avalia possibilidades no cenário pós-pandemia, apontou que 19,27% dos executivos devem viajar a negócios nos seis meses após a vacina.

Neste cenário, um desafio se torna ainda mais latente para as empresas: lidar com as despesas corporativas e garantir controle de todo o processo, visto que o momento ainda é de austeridade no orçamento.

Daniele Amaro, CEO da Paytrack, empresa desenvolvedora de softwares para gestão de viagens e despesas corporativas, diz que já é possível sentir um crescimento gradual nas movimentações do setor. “Além dos cuidados referentes ao bem-estar do viajante, é possível verificar que as empresas estão mais cautelosas em relação aos custos relacionados às viagens. É cada vez mais frequente o retorno destes deslocamentos, visto que a própria economia dá sinais de retomada, mas tem sido cada vez mais importante o controle de gastos para a saúde financeira da empresa”, diz.

No primeiro semestre do ano, as soluções da Paytrack transacionaram R$171.052.511,19 em viagens corporativas. A empresa também conquistou 44 novos clientes e espera triplicar de tamanho até o fim de 2021.

Automação no centro para controle eficiente

Além de proporcionar a cotação de passagens conforme política de viagens da empresa, as soluções da Paytrack tornam a conferência dos custos mais ágil, com auditoria simples e prática. Através do reconhecimento óptico de caracteres, por exemplo, a solução identifica palavras permitidas e não permitidas no lançamento de despesas. Para o usuário, a experiência é facilitada, visto que ele pode lançar todas as despesas e solicitar reembolso diretamente pelo app. O adiantamento de viagem é substituído por cartão corporativo, dando mais segurança ao fato de se evitar o manuseio de dinheiro.

Empresas como a instituição financeira Sicredi já utilizam esse tipo de solução para otimizar as viagens. “A Paytrack têm nos apoiado nas grandes mudanças que estamos promovendo nos processos de gestão de despesas e viagens, e se mostra uma empresa que reage rapidamente”, diz Luiz Vieira, coordenador administrativo da companhia. Na companhia, a automação proporcionou redução de 40% dos custos no processo de prestação de contas. O tempo de conferência caiu de 10 para dois dias.

“No pós-pandemia, essa agilidade impulsionada pela tecnologia será ainda mais importante para manter o ritmo das entregas. Além da segurança e do compliance, no que diz respeito às viagens corporativas o retorno deve ser marcado também pela redução da burocracia, já que os desafios dos executivos estarão cada vez mais ligados ao core business das empresas”, finaliza Daniele.


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...:
 
https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

<::::::::::::::::::::>
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
<::::::::::::::::::::>
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar e sera atendido. -  Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
<::::::::::::::::::::>

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Ferramenta Automatizada...IMPORTANTE: COMENTÁRIOS com LINK são bloqueados automaticamente (COMMENTS with LINKS are automatically blocked.)...Sucesso!


voltar ao topo