Brasil,

TOKIO MARINE SEGURADORA

Pesquisa da Booking.com revela que brasileiros se sentem incomodados quando acomodação os impede de ser sustentáveis durante viagem

Relatório de Viagens Sustentáveis da plataforma revela que turista do país se preocupa com ações práticas ambientais; 96% diz querer se hospedar em acomodação sustentável no próximo ano

O Relatório de Viagens Sustentáveis da Booking.com para o ano de 2021 mostrou que 96% dos brasileiros acreditam que as viagens sustentáveis são essenciais. Em meio a 30 nacionalidades consultadas pela empresa, o país fica em terceiro lugar entre os viajantes que mais dão importância ao assunto, empatado com os mexicanos e colombianos, atrás apenas dos quenianos (98%) e dos vietnamitas (97%). De acordo com o levantamento*, durante suas férias nos últimos 12 meses, 49% dos viajantes brasileiros tomaram a decisão consciente de desligar o ar-condicionado ou aquecedor da acomodação quando não estavam presentes, enquanto 54% decidiram levar sua própria garrafa de água reutilizável na viagem, em vez de comprar garrafas descartáveis. Por fim, 29% se envolveram em atividades para ajudar a comunidade local.

Além disso, 64% dos viajantes brasileiros disseram que ficam incomodados quando estão em uma acomodação que os impede de ser sustentáveis, por exemplo, não oferecendo a coleta de lixo reciclável. Em paralelo, 96% dos brasileiros dizem que querem se hospedar em uma acomodação sustentável no próximo ano - um aumento notável em relação ao ano de 2016 (80%), quando a Booking.com conduziu pela primeira vez uma pesquisa em torno das viagens sustentáveis. Na edição de 2020, logo antes da pandemia, esse número era de 94%. No entanto, ao analisar os 34% dos viajantes brasileiros que disseram não ter se hospedado em uma acomodação sustentável no ano passado, 24% afirmaram que não sabiam que essa opção existia, 51% falaram que não encontraram nenhuma acomodação nessa linha quando estavam viajando e 37% revelaram que não sabiam como encontrar esse tipo de hospedagem. Na verdade, 47% dos brasileiros dizem que ainda não existem opções suficientes disponíveis para viagens sustentáveis em 2021.

Em termos de intenção e conscientização em relação ao tema da sustentabilidade, viajantes e propriedades parecem estar na mesma página. Segundo uma pesquisa conduzida em abril, 82%** dos parceiros de acomodação da Booking.com em todo o mundo veem a sustentabilidade no setor de hospitalidade como algo importante. Ainda que 3 em cada 4** parceiros de acomodação tenham dito que implementaram práticas sustentáveis na sua propriedade, somente 31%** deles ativamente comunicaram esses esforços para hóspedes em potencial. Muitos deles, 59%**, só fazem isso no momento do check-in.

Facilitando o acesso às acomodações sustentáveis

Os dados indicam que ainda há desafios significativos para facilitar a consulta de informações sobre sustentabilidade nas primeiras etapas do processo de reserva. Assim, a Booking.com, líder no setor de viagens, está lançando um programa para ajudar as propriedades a se tornarem mais sustentáveis, dado que a empresa acredita ter também a responsabilidade de facilitar o acesso a estas opções, tanto para parceiros quanto viajantes. A iniciativa inclui o compartilhamento de guias, insights e boas práticas com as acomodações por meio de várias oportunidades educacionais, além de manuais e conteúdo especializado que a plataforma disponibiliza no Partner Hub.

Além disso, a Booking.com agora exibe mais de 30 certificações oficialmente aprovadas pelo Conselho Global de Turismo Sustentável (GSTC), pela organização Green Tourism e pelo EU Ecolabel (selo verde da União Europeia), assim como de outros programas de sustentabilidade de redes de hotéis. A empresa está recolhendo essas informações diretamente com os órgãos de certificação e exibindo a informação na página da propriedade de parceiros que já receberam certificações de organizações bem estabelecidas. A Booking.com também está incentivando seus parceiros de hospedagem a atualizar suas informações de sustentabilidade. Elas incluem 32 práticas em cinco categorias: resíduos, energia e gases de efeito estufa, água, apoio às comunidades locais e proteção da natureza. Desde o lançamento global dessa iniciativa, centenas de milhares de propriedades já começaram a compartilhar suas informações de sustentabilidade com a Booking.com. Essas práticas podem ser vistas no banner 'Iniciativas sustentáveis', na página de cada propriedade. Ainda há um longo caminho a percorrer, mas esse é um primeiro passo importante para fornecer, de forma transparente, mais informações sobre sustentabilidade aos consumidores. Assim, será mais fácil para eles fazerem escolhas de viagens sustentáveis.

“Fazemos essa pesquisa há 6 anos. É muito inspirador ver como a conscientização sobre a importância das viagens sustentáveis cresceu de forma consistente, tanto entre os clientes quanto entre nossos parceiros”, afirma Marianne Gybels, Diretora de Sustentabilidade da Booking.com. “Todos os lados têm boas intenções, mas ainda há muito a fazer para tornar a viagem sustentável uma escolha fácil para todos. Quanto mais práticas sustentáveis pudermos ajudar nossos parceiros a identificar e implementar, mais poderemos testar a melhor forma de destacar essas informações para os clientes. E, assim, poderemos fazer com que a sustentabilidade apareça de forma mais clara e transparente durante o processo de tomada de decisão de uma viagem. Mudanças pequenas - como deixar de usar plásticos descartáveis ou instalar lâmpadas LED com eficiência energética - podem parecer insignificantes isoladamente. No entanto, quando essas ações são multiplicadas por milhões de viajantes e propriedades em todo o mundo, todos esses pequenos passos começam a se somar e têm um potencial positivo de grande impacto".

* Pesquisa encomendada pela Booking.com e realizada com 29.349 entrevistados em 30 países. Para participar, todos deveriam ter mais de 18 anos, terem viajado pelo menos uma vez nos últimos 12 meses e estarem planejando uma viagem em 2021, e serem responsáveis pela decisão ou estarem envolvidos no processo de tomada de decisão da viagem. A pesquisa foi feita on-line e ocorreu em março de 2021.

** Pesquisa realizada pela Booking.com com uma amostra representativa de 3.390 provedores de acomodação da Alemanha, Austrália, Áustria, Brasil, China, Croácia, Espanha, Estados Unidos, França, Grécia, Índia, Indonésia, Itália, Japão, México, Polônia, Portugal, Rússia, Tailândia e Reino Unido. A pesquisa foi feita on-line e ocorreu em abril de 2021.

Sobre a Booking.com

Parte da Booking Holdings Inc. (NASDAQ: BKNG), a missão do Booking.com é tornar mais fácil a todos experimentar o mundo. Ao investir na tecnologia, que ajuda a facilitar o processo de viagem, a Booking.com conecta milhões de viajantes com experiências memoráveis, opções de transporte convenientes e lugares incríveis para se hospedar - de residências a hotéis e muito mais. Como um dos maiores mercados de viagens do mundo tanto para marcas estabelecidas e empreendedores de todos os tamanhos, a Booking.com permite que propriedades em todo o mundo alcancem uma audiência global e ampliem seus negócios.

A Booking.com está disponível em 44 idiomas e oferece mais de 28 milhões de anúncios, incluindo mais de 6,6 milhões deles apenas em casas, apartamentos e outros locais exclusivos para hospedagem. Não importa onde você quer ir ou o que você quer fazer, a Booking.com facilita e faz tudo com suporte ao cliente 24/7.


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...:
 
https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

<::::::::::::::::::::>
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
<::::::::::::::::::::>
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar e sera atendido. -  Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
<::::::::::::::::::::>

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Ferramenta Automatizada...IMPORTANTE: COMENTÁRIOS com LINK são bloqueados automaticamente (COMMENTS with LINKS are automatically blocked.)...Sucesso!


voltar ao topo