Brasil,

TOKIO MARINE SEGURADORA

Azul e Abracorp avaliam cenário favorável à retomada da demanda

Ontem, 18 de agosto, foi realizado mais um encontro virtual da série “Retomada”, que tem sido promovida pela Abracorp – Associação Brasileira de Agências de Viagens Corporativas.

Na oportunidade, com a participação de John Rodgerson, Chief Executive Officer da Azul Linhas Aéreas; Abhi Shah, Chief Revenue Officer e Antonio Américo, Diretor Comercial, os representantes das agências de viagens associadas foram informados sobre o salto de 70 para 400 voos domésticos dia que a empresa colocou em operação, de abril a setembro de 2020.

“A previsão é chegar em dezembro com 60% da capacidade, considerando a base de 950 voos dia, que era voado por nós antes da pandemia – o que daria em torno de 570 voos, incluindo mercado nacional e internacional”, disse John Rodgerson, CEO da Azul, ao lembrar que o papel da Azul é estimula o tráfego aéreo e dinamizar a economia brasileira.

Com o objetivo de proteger clientes e tripulantes, a Azul reiterou o elevado nível de segurança dos voos, decorrente da tecnologia embarcada nas aeronaves e a adoção de protocolos de biossegurança.

“O diálogo franco e aberto com as empresas aéreas contribui com o alinhamento de ações voltadas à retomada segura, tão necessário à consecução de objetivos comuns a todos os elos que compõem o setor de viagens e turismo no Brasil. E em especial, para os viajantes corporativos”, avalia Carlos Prado, presidente do Conselho de Administração da Abracorp e membro do Conselho Consultivo do Movimento Supera Turismo Brasil.

De acordo com os dados do BI Abracorp, referentes ao segundo trimestre de 2020, com 36,1% de market share, a Azul liderou o ranking da movimentação apurada no período, concentrando os 40,8% do montante registrado no mercado de voos domésticos. “Com o crescimento constante da oferta, a tendência é que a Azul mantenha o desempenho alcançado no mercado de viagens corporativas”, conclui Gervasio Tanabe.


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...:
 
https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

<::::::::::::::::::::>
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
<::::::::::::::::::::>
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar e sera atendido. -  Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
<::::::::::::::::::::>

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Ferramenta Automatizada...IMPORTANTE: COMENTÁRIOS com LINK são bloqueados automaticamente (COMMENTS with LINKS are automatically blocked.)...Sucesso!


voltar ao topo