Brasil,

TOKIO MARINE SEGURADORA

Políticas vanguardistas do Uruguai são tema de documentário

Na segunda metade do século XX, assim como outros países latino-americanos, o Uruguai foi marcado por uma ditadura que reprimiu duramente os movimentos sociais e os partidos, bem como a livre reunião de pessoas e a cultura popular. Porém, a resistência se fortaleceu e, embalada pelo tambor do Candombe – ritmo de origem africana bastante popular no país –, conquistou não apenas o fim do regime militar, como também abriu caminhos para outras pautas dos movimentos sociais. Todo esse processo político é tema do documentário “Uruguai — Na Vanguarda”, que estreia no canal Curta!.

Após a retomada da democracia no país, reivindicações como a regulamentação da maconha, o matrimônio igualitário — isto é, sem distinção entre casamentos heterossexuais ou homossexuais —, a legalização do aborto e as leis de cotas para afrodescendentes entraram na agenda do então presidente José Mujica, tendo sido atendidas e implementadas no Uruguai. Assim, já no século XXI, o país passa a se posicionar na vanguarda das políticas públicas pró-direitos civis. “Uruguai — Na Vanguarda” revisita essa história, sob direção de Marco Antonio Pereira e produção da Urbano Filmes, viabilizada pelo Curta! através do Fundo Setorial do Audiovisual (FSA). A estreia é na Sexta da Sociedade, dia 24/01, às 22h35.

Curta! comemora cem anos de Fellini exibindo documentário sobre o filme ‘A Doce Vida’

Na semana em que Federico Fellini completaria cem anos, a série documental “Filmes que Marcaram Época”, que vem sendo exibida pelo Curta!, apresenta um episódio dedicado a um dos filmes mais clássicos do cineasta: “A Doce Vida” (La Dolce Vita), que é analisado por críticos, profissionais e estudiosos da sétima arte.

Gravado em 1959 e ambientado na Roma dos anos 50, o longa é um retrato espetacular e crítico de uma Itália rica e indolente durante o pós-guerra, quando o país vivia um “milagre econômico”. Fellini - que se tornaria um dos cineastas mais influentes da História – consagrou “A Doce Vida” como sinônimo de um estilo de vida hedonista que se fortaleceria nos anos seguintes. O filme, aclamado pela crítica, é considerado um dos mil melhores de todos os tempos pelo jornal “The New York Times”. A exibição é na Sexta da Sociedade, dia 24/01, às 18h.

Segunda da Música – 20/01

23h – “Musicalmente na América Latina”

A série apresenta shows e entrevistas memoráveis de alguns dos grandes nomes da música latino-americana. No segundo episódio, a primeira parte do emblemático show de Toquinho no auditório da TV suíça, em Lugano, em 8 de junho de 1983. Diretores: Sandro Pedrazzetti. Duração: 44 min. Classificação: Livre. Horários alternativos: 21 de janeiro, terça, às 3h; 22 de janeiro, quarta, às 11h; 25 de janeiro, sábado, às 23h.

Terça das Artes – 21/01

23h – "As Aventuras da Arte Moderna” (Série) – Episódio “Boemia”

No alegre início do século XX, em Montmartre, um grupo de artistas pobres que compreende Max Jacob, Picasso, Apollinaire, Derain e Vlaminck, entre outros, passa a residir numa antiga fábrica de pianos: Le Bateau-Lavoir. Enquanto isso, do outro lado do Sena, Matisse, conhecido por levar uma vida de austeridade, está ocupado em virar a ordem estabelecida de cabeça para baixo no Salon d´Automne de 1905, exibindo obras que explodem em cores extravagantes. O Fauvismo nasce. Dentro das salas escuras do Bateau -Lavoir, Picasso prepara sua resposta. Prestando homenagem às suas respectivas visões da modernidade, os dois pintores erguem os seus pincéis para uma competição de telas. Diretoras: Amélie Harrault, Pauline Gaillard. Duração: 52 min. Classificação: Livre. Horários alternativos: 22 de janeiro, quarta-feira, às 03h e às 17h; 23 de janeiro, quinta-feira, às 11h.

Quarta de Cinema – 22/01

20h - A faixa “A Vida é Curta!” traz os filmes “O Duplo” e “Superstição e Futebol”

O Duplo (Ficção)

Silvia é uma jovem professora. Certo dia, sua aula é interrompida quando alunos veem seu duplo pela janela. Ela tenta ignorar a aparição, mas o evento perturbador impregna seu cotidiano e alterar sua personalidade. Diretora: Juliana Rojas. Duração: 25min. Classificação: 16 anos. Horários alternativos: 23 de janeiro, quinta-feira, às 00h; 24 de janeiro, sexta-feira, às 08h; 25 de janeiro, sábado, às 11h45.

A Mão que Afaga (Documentário)

No aniversário de 9 anos de seu único filho, uma operadora de telemarketing planeja uma festa que tem poucas chances de dar certo. Diretora: Gabriela Amaral Almeida. Duração: 19 min. Classificação: Livre. Horários alternativos: 23 de janeiro, quinta-feira, às 00h28; 24 de janeiro, sexta-feira, às 08h28; 25 de janeiro, sábado, às 12h15.

23h10 – “Cineastas” (Série) - Episódio: “Lucia Murat”

O cinema-guerrilha de Lúcia Murat, que realizou seus filmes inspirada em sua própria vida como militante, é narrado por sua filha Julia Murat, pelo crítico Pedro Butcher e pelos atores Irene Ravache, Caio Blat, Caco Ciocler e Marisa Orth. Diretor: Hermes Leal. Duração: 45min. Classificação: Livre. Horários alternativos: 23 de janeiro, quinta-feira, às 03h10 e 17h10; 24 de janeiro, sexta-feira, às 11h10; 25 de janeiro, sábado, às 22h; 26 de janeiro, domingo, às 13h.

Quinta do Pensamento – 23/01

22h05 – “Massao Ohno - Poesia Presente” (documentário)

Nos anos 1960, Massao Ohno abriu portas para uma nova geração de poetas paulistanos ao publicar a “Coleção dos Novíssimos”. Em sequência, lançou Hilda Hilst e introduziu o haikai em português no Brasil. Este documentário retrata como Masso redefiniu o âmbito da poesia e do conceito gráfico editorial no país. Diretora: Paola Prestes. Duração: 90min. Classificação: Livre. Horários Alternativos: 24 de janeiro, sexta-feira, às 2h10 e às 16h10; 25 de janeiro, sábado, às 10h; 26 de janeiro, domingo, às 19h; 27 de janeiro, segunda-feira, às 10h10.

Sexta da Sociedade – 24/01

18h - “Filmes Que Marcaram Época” – Episódio: “A Doce Vida”

Federico Fellini dirigiu “A Doce Vida” em 1959. Na Roma dos anos 50, Marcello Mastroianni, um jornalista de celebridades, vai de festa em festa, noite após noite e, acima de tudo, de mulher em mulher. O filme é um retrato espetacular de uma Itália rica e indolente, banhada em libertinagem, filmado no período pós-guerra, quando o país é um milagre econômico e entra na modernidade. Ao mesmo tempo, a chegada em massa de diretores e atores aos estúdios “Cinecitta”, transformam Roma na nova Hollywood. De forma premonitória, “A Doce Vida” prevê a chegada de uma sociedade altamente midiatizada. Diretor: Antoine de Gaudemar. Duração: 52min. Classificação: 10 anos. Horários alternativos: 25 de janeiro, sábado, às 16h; 26 de janeiro, domingo, às 02h; 27 de janeiro, segunda-feira, às 12h; 28 de janeiro, terça-feira, às 06h.

20h - “Uruguai – Na Vanguarda”

História de como os movimentos sociais no Uruguai colocaram na agenda do presidente José Mujica reivindicações como a legalização da maconha, o matrimônio igualitário, o aborto e a lei de cotas para afrodescendentes, assuntos que posicionam o país na vanguarda da luta pela justiça social no século XXI. Diretor: Marco Antonio Pereira. Duração: 71min. Classificação: 12 anos. Horários alternativos: 25 de janeiro, sábado, às 2h35 e 14h35; 26 de janeiro, domingo, às 22h35; 27 de janeiro, segunda-feira, às 16h35; 28 de janeiro, terça-feira, às 10h35.

Sobre o Curta!

O canal Curta! é um dos novos canais brasileiros da TV paga que mais aprovou projetos para financiamento pelo Fundo Setorial do audiovisual. Até agora foram financiados, para estreia no CURTA!, mais de 120 longas documentais e 800 episódios de 60 séries, atendendo à grade temática do canal: música, artes cênicas, metacinema, pensamento em humanidades, história política e sociedade.

O Curta! pode ser visto nos canais 56 e 556 da NET e da Claro TV, no canal 75 da Oi TV e no canal 664 da Vivo, oferecido à la carte pela operadora. Siga o Curta! nas redes sociais: www.facebook.com/CanalCurta, https://twitter.com/canalcurta e www.youtube.com/user/canalcurta. Saiba mais em http://www.canalcurta.tv.br.


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...:
 
https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

<::::::::::::::::::::>
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
<::::::::::::::::::::>
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar e sera atendido. -  Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
<::::::::::::::::::::>

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Ferramenta Automatizada...IMPORTANTE: COMENTÁRIOS com LINK são bloqueados automaticamente (COMMENTS with LINKS are automatically blocked.)...Sucesso!


voltar ao topo