Brasil, 13 de Dezembro de 2019

TOKIO MARINE SEGURADORA

Mensagem... Mesmo que não saibamos os nomes

  • Escrito ou enviado por  Redação do Momento Espírita
  • SEGS.com.br - Categoria: Mensagens
  • Imprimir
  • E-mail

Botânica é o estudo da fisiologia, morfologia, ecologia, evolução, anatomia, classificação, doenças, distribuição, dentre outros aspectos, das plantas.

A História dessa área das ciências naturais nos remete a um passado bem distante.

Por exemplo, no ano 370 a.C., um filósofo grego chamado Teofrastus, discípulo de Aristóteles, escreveu dois tratados: Sobre a História das plantas e Sobre as causas das plantas.

O alemão Otto Brunfels, no século XVI, publicou uma obra denominada Herbarium, com informações precisas sobre algumas espécies de plantas.

Dois séculos depois, o botânico sueco Lineu propôs uma nomenclatura que classificava as plantas, com base na posição e número de estames na flor.

Ambos são considerados como os pais da Botânica Científica.

Em nosso país, o estudo dos vegetais foi impulsionado pela chegada da corte portuguesa, ao Rio de Janeiro, em 1808.

Em 13 de junho daquele mesmo ano, o príncipe regente português D. João VI decidiu instalar um jardim para aclimatação de espécies vegetais de vários países do mundo.

Surgia o Jardim Botânico, uma das mais belas e bem preservadas áreas verdes da Cidade Maravilhosa.

É um grande exemplo da diversidade da flora brasileira e estrangeira. Mais de seis mil e quinhentas espécies ali se encontram, ao ar livre e em estufas. Algumas delas, ameaçadas de extinção.

Com certeza, os que somos os simples amantes das flores, sem títulos na área da Botânica, não sabemos senão os nomes de algumas dessas espécies.

Possivelmente, não saibamos os nomes científicos, somente aqueles populares, pelos quais elas são conhecidas.

Contudo, nos sensibilizamos com tamanha diversidade, em que se harmonizam, beleza, cores, tamanhos e formas.

Se nos pomos a observar, mais de perto, e sem pressa, com certeza descobriremos formas muito peculiares. Como a da flor que parece exatamente uma bailarina dançando: braços ao alto, pernas retas, a saia curta imitando o tutu italiano.

Sem se falar naquelas que têm desenhadas a cabeça, com pontinhos que se assemelham a olhinhos espertos.

E que dizer daqueloutras que parecem aves das mais diversas espécies?

Papagaios, pombas, pelicanos. Formas tão bem delineadas que paramos para admirar e nos indagamos: É uma planta ou é um pássaro preso a uma haste, sem condições de voar?

E quando o morro desce pelas encostas como numa cascata de flores, mesclando cores e perfumes, nos perguntamos quem bordou tanta beleza.

Será que, enquanto dormimos, semeadores invisíveis tudo isso providenciam?

Coisa surpreendente. Desejamos viajar pelo espaço e descobrir novos mundos.

É de estarrecer quanto ainda temos por descobrir aqui, neste pequeno e insignificante pontinho azul, chamado Terra.

É de nos admirarmos, sem cessar, e aprender a louvar essa Onipotência que tudo rege, tudo cria, tudo governa.

Podemos chamá-la Deus, Alá, Jeová, Todo-Poderoso, Arquiteto do Universo. Não importa.

Ele é o Artista Mor. Nosso Pai Celeste. Pai de todas as Humanidades.

Aprendamos a louvar-lhe a glória que se manifesta na natureza.

Redação do Momento Espírita.
Em 12.11.2019.


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...: https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

Separador
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
Separador
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar que voce sera atendido. - Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta totalmente automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
Separador

voltar ao topo