Brasil,

TOKIO MARINE SEGURADORA

Produtos biológicos ajudam agricultores a se prepararem para a safra 2021/2022

Microrganismos como o Bacillus simplex auxiliam as plantas a fazerem uso eficiente da água, resultando em mais rentabilidade e produtividade mesmo em condições adversas, como a falta de chuvas

A safra 2021/2022 deve ser novamente um desafio para os agricultores brasileiros, já que previsões climáticas apontam que diversas regiões do país sofrerão mais uma vez com o volume de chuvas abaixo da média. A situação deve afetar, principalmente, áreas de cultivo de milho, uma das culturas que mais registraram perdas na última safra. Em meio a esse contexto, como o produtor rural pode fazer para deixar as plantas mais preparadas para superar as adversidades climáticas ao longo da safra? Os produtos biológicos com microrganismos que ajudam a lavoura a se desenvolver com menor necessidade de água podem ser uma das soluções.

“Os biológicos são aqueles produtos que usam substâncias naturais, macrorganismos e microrganismos vivos. Eles fazem parte da agricultura há milhares de anos e, mais recentemente, a adição de inteligência artificial e biotecnologia ajudou a elevar o patamar desses produtos, proporcionando mais produtividade mesmo em condições adversas como a falta de chuvas”, explica Reinaldo Bonnecarrere, engenheiro agrônomo, doutor em fisiologia dos cultivos agrícolas e diretor Latam de biológicos da Indigo, startup agro que desenvolve soluções baseadas em inovação e sustentabilidade para o setor.

Bonnecarrere afirma que os biológicos apresentam potencial para ampliar a capacidade da planta de absorver a água, principalmente por melhorar o crescimento radicular. Isso permite maior aeração e, também, aumento do teor de matéria orgânica no solo. Além disso, com a disponibilização de mais nutrientes a partir da matéria orgânica, reduz-se a necessidade da adubação química. “Uma planta que faz uso mais eficiente da água, não só é mais produtiva como também demanda menos água, gerando um gasto menor para o produtor”, diz.

Dentre os biológicos que contam com esses benefícios está o Bacillus simplex, um microrganismo bioestimulante, promotor do crescimento da planta. Seu principal diferencial é a melhor tolerância a situações de estresse hídrico, fazendo com que a lavoura se desenvolva com uma necessidade menor de água. “Por meio do Simplex, a planta tem a sua produção de fitohormônios estimulada e um aumento significativo no volume de raiz, proporcionando um melhor aproveitamento da água e do uso de nutrientes, sobretudo nitrogênio e fósforo. O resultado são plantas mais robustas, nutridas e mais tolerantes a doenças”, comenta o diretor Latam de biológicos da Indigo.

O Bacillus simplex é um microrganismo usado pela Indigo de forma inédita no Brasil por meio do Indigo Simplex, um bioestimulante e inoculante (produto com grande quantidade de bactérias benéficas às lavouras) destinado às culturas de milho e soja. Para saber mais sobre o microrganismo promotor de crescimento de plantas, confira o episódio especial do Minuto Agro, podcast da startup. Veja também a websérie Indigo em Campo, que mostra os resultados do uso do Simplex nas lavouras.

Sobre a Indigo

A Indigo melhora a rentabilidade do produtor, a sustentabilidade ambiental e a saúde do consumidor por meio do uso de microbiologia natural e tecnologias digitais. As descobertas científicas e as plataformas digitais da empresa beneficiam dezenas de milhares de produtores em milhões de hectares. Trabalhando em toda a cadeia de abastecimento, a Indigo está promovendo sua missão de aproveitar o poder da natureza para ajudar os produtores a alimentar o planeta de forma sustentável. Em 2019, a Indigo promoveu o evento inaugural chamado Beneficial Ag entre stakeholders para cultivar uma comunidade crescente em torno da noção de que a agricultura pode ser mais benéfica para as pessoas e o planeta, que serviu para o lançamento do Indigo Carbon - um programa que incentiva produtores a adotarem práticas de agricultura regenerativa, permitindo removerem o dióxido de carbono da atmosfera, melhorarem a saúde do solo e serem remunerados pela venda de créditos de carbono. Classificada em primeiro lugar na lista Disruptor 50 da CNBC em 2019, a Indigo está sediada em Boston (Massachusetts, EUA), com escritórios adicionais em Memphis (Tennessee, EUA); Research Triangle Park (Carolina do Norte, EUA); América do Sul (Buenos Aires e São Paulo); e Basel (Suíça).

Sobre a Indigo LATAM

A Indigo chegou na Argentina em 2017 e no Brasil em 2018. Em 2020, a empresa decidiu unificar as operações cujas geografias são aquelas onde a oferta biológica da empresa possuem a maior penetração de mercado. A Indigo LATAM representa cerca de 45% da receita total de produtos biológicos da empresa e seus produtos estão presentes em mais de 650 mil hectares espalhados pelos dois países. A principal solução da empresa, disponível em ambos os territórios, é o Indigo Ag Finance, uma ferramenta para simplificar o acesso ao crédito para o produtor rural, que o permite financiar suas sementes, biológicos e até o fertilizante, pagando apenas no prazo safra. O Indigo Ag Finance foi o primeiro produto estruturado e lançado fora da matriz nos Estados Unidos.


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...:
 
https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

<::::::::::::::::::::>
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
<::::::::::::::::::::>
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar e sera atendido. -  Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
<::::::::::::::::::::>

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Ferramenta Automatizada...IMPORTANTE: COMENTÁRIOS com LINK são bloqueados automaticamente (COMMENTS with LINKS are automatically blocked.)...Sucesso!


voltar ao topo