Brasil,

TOKIO MARINE SEGURADORA

APAER e SAA discutem retomada do Microbacias para apoiar agricultores familiares

Projeto é parte das tratativas para revitalizar as Casas da Agricultura e do diálogo que vem sendo implementado pelo novo secretário de Agricultura de São Paulo, Itamar Borges

A Associação Paulista de Extensão Rural (APAER) se reuniu nesta terça-feira (22) com os representantes da Coordenadoria de Desenvolvimento Rural Sustentável (CDRS), mais conhecida como CATI, órgão de extensão rural da Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo (SAA), para discutir a implantação de uma nova etapa do Projeto Microbacias, do Governo do Estado, já realizado em duas versões. O tema é parte do projeto para revitalização das Casas da Agricultura, proposto pela APAER, e que foi debatido em reunião da entidade com o secretário Itamar Borges.

"O Microbacias III precisa aproveitar as lições aprendidas nas duas versões anteriores do projeto e melhorar a gestão das propriedades para conservar os patrimônios naturais", sinaliza Antônio Marchiori, presidente da APAER. "Por meio do trabalho de extensão rural será possível incentivar práticas mais sustentáveis de manejo, melhorando a eficiência das atividades agropecuárias e a renda das famílias agricultoras".

Nas versões anteriores, o Microbacias contou com investimentos de US$ 240 milhões do Banco Mundial, além de recursos do próprio Estado. Na primeira etapa, o foco foi a preservação ambiental, com ações voltadas para a conservação do solo e da água. O Microbacias II realizou ações para o acesso ao mercado e melhoria da renda de mais de 200 organizações de agricultores familiares, incluindo indígenas e quilombolas, além de incentivar diversas experiências de sistemas agroflorestais, inclusive em assentamentos rurais.

"Projetos que incentivam a participação, como aconteceu no Microbacias I e II, permitem uma maior aproximação entre o Estado e as lideranças rurais, trazendo para perto a realidade do campo e os caminhos para impulsionar o setor", afirma Ademir de Lucas, conselheiro da associação e professor de Extensão Rural na Esalq/USP.

Durante o encontro, a APAER reforçou pedido feito em reunião com Itamar Borges, no começo do mês, para que a revitalização da Secretaria esteja atenta para as diferenças regionais.

"Cada território tem uma vocação e as suas potencialidades poderão ser melhor aproveitadas se tiverem políticas públicas específicas de incentivo", diz Marchiori.

A entidade aponta como exemplo o litoral paulista, com mais de 500 quilômetros de costa e diversos recursos com potencial produtivo, como o fortalecimento da produção de pescado marinho e o incentivo a produção agroflorestal de frutas diversificadas, como o Cambuci e o fruto da palmeira Juçara – que possui uma polpa com valor nutritivo superior ao do açaí da Amazonia. "Além disso, o território litorâneo paulista tem inúmeras comunidades caiçaras, indígenas e quilombolas, que poderão ser melhor atendidas se a extensão rural pública for fortalecida na região", finaliza o presidente da entidade.

Áudio Release - Antônio Marchiori - presidente da APAER

https://we.tl/t-1cip8nClHB

Áudio 1: "O Microbacias III precisa aproveitar as lições aprendidas nas duas versões anteriores do projeto e melhorar a gestão das propriedades para conservar os patrimônios naturais, e por meio do trabalho de extensão rural será possível incentivar práticas mais sustentáveis de manejo, melhorando a eficiência das atividades agropecuárias e a renda das famílias agricultoras".

Áudio 2: "Para as divisões regionais agrícolas do Estado de São Paulo é importante reconhecer as diferenças regionais. Cada território tem sua vocação e potencialidades, que poderão ser melhor aproveitadas se tiver políticas públicas específicas. No litoral paulista, a gente tem mais de 500 quilômetros de costa e diversos recursos com potencial produtivo, como o fortalecimento da produção de pescado marinho e o incentivo a produção agroflorestal de frutas diversificadas, como o Cambuci e o fruto da palmeira Juçara – que possui uma polpa com valor nutritivo superior ao do açaí da Amazonia. Reconhecer esta diferenças, inclusive sociais, porque o território litorâneo paulista tem inúmeras comunidades caiçaras, indígenas e quilombolas, que poderão ser melhor atendidas se a extensão rural pública diferenciado"


Compartilhe:: Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...:
 
https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

<::::::::::::::::::::>
IMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...  www.segs.com.br
<::::::::::::::::::::>
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar e sera atendido. -  Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
<::::::::::::::::::::>

Adicionar comentário

Aja com responsabilidade, aos SEUS COMENTÁRIOS em Caso de Reclamação, nos reservamos o Direito, a qualquer momento de Mudar, Modificar, Adicionar, ou mesmo Suprimir os comentarios de qualquer um, a qualquer hora, sem aviso ou comunicado previo, leia todos os termos... CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO. - O Nosso muito obrigado - Ferramenta Automatizada...IMPORTANTE: COMENTÁRIOS com LINK são bloqueados automaticamente (COMMENTS with LINKS are automatically blocked.)...Sucesso!


voltar ao topo